domingo, 15 de julho de 2012

Aeroporto de Curitiba ganha a primeira lanchonete popular do Brasil

A capital do Paraná é uma cidade teste. Se algum empreendimento der certo por aqui, dará em todo o país. Trata-se de um público exigente, dizem os especialistas.  Não à toa começou a funcionar, nesta semana, no Aeroporto Internacional Afonso Pena a primeira lanchonete popular em aeroportos do país.

É uma espécie de projeto piloto que deve se espalhar por mais 11 aeroportos das cidades-sede da Copa de 2014.

Os produtos terão os preços controlados (existe um valor máximo definido) pela Infraero. Ontem, a Família Matraca foi até o aeroporto conhecer a Rapid In — do grupo Markplan — que ganhou a licitação para operar em Curitiba.

Pedimos um Cheese Burguer, uma porção de mini pão de queijo (vem 6 unidades), um refrigerante, uma garrafa de água 500 ml e um cafezinho. Total: R$ 12,10!!! DOZE REAIS E DEZ CENTAVOS.

Nem no centro da cidade um pedido desses custa tão pouco assim. Só para efeito de comparação, na segunda–feira passada, indo para o Rio de Janeiro, pedi somente um Cheese-Salada e um refrigerante na lanchonete Jatinho (a popular ainda não havia sido inaugurada) e paguei R$ 21,00!

O Raul gostou tanto do cafezinho que até acabou pedindo outro. A lanchonete é pequena (ocupa um espaço de 34 metros quadrados), mas o atendimento foi rápido e simpático. O cardápio de lanchonete popular é grande. Tem pratos executivos, bolos e diversos tipos de sanduíches.

Confira os preços de alguns produtos:

Cafezinho – R$ 1

Porção de mini pão de queijo (6 unidades) – R$ 1

Pão com manteiga – R$ 1

Pão de Queijo grande – R$ 1,90

Agua mineral 500 ml: R$ 2,20

Coxinha – R$ 3,10

Lasanha – R$ 9,90

Filé Grelhado (Filé, Arroz e fritas) – R$ 10,90

O prato mais caro na Rapid In é o Filé Aperitivo com Pão Fatiado e Cebola (porção de 500 g) que sai R$ 22,90.

Eu ainda estou em estado de graça. Nos primórdios da minha carreira mão-de-vaca-muquirana eu já cheguei a levar lanche de casa para não ter que pagar os preços abusivos e, quase sempre, desonestos praticados nos aeroportos brasileiros. Agora é torcer para que esse projeto não seja fogo de palha e que venha, de fato, mexer com a concorrência!

Atenção, a lanchonete popular fica no 3º piso do aeroporto, no terraço panorâmico, em frente aos janelões que dão para pista.

Posts relacionados

Curitiba: faça da cidade seu melhor destino de inverno

Como ir do aeroporto de Curitiba ao centro da cidade

Como ir da rodoviária de Curitiba ao centro da cidade

Linha Turismo Curitiba: como aproveitar o city tour oficial da cidade

23 motivos para você conhecer e se apaixonar por Curitiba

Cinco atrações grátis e estreladas em Curitiba

Para entender Curitiba

Curitiba em fotos

Onde dormir

Guia de Hospedagem em Curitiba: opções para as classes alta, média e muquirana

Hospedagem boa e barata em Curitiba

Onde comprar

Curitiba ganha primeiro mercado de orgânicos do Brasil

Presentinhos e souvenires é na Feirinha do Largo da Ordem

Rua Teffé: primeira rua temática de calçados do Paraná

Bate e volta desde Curitiba

Vila Velha, Paraná: sítio geológico de 300 milhões de anos está a uma hora de Curitiba

Lapa: como organizar um bate e volta perfeito saindo de Curitiba

Colônia Witmarsum: café colonial, história alemã menonita e descanso ao lado de Curitiba

Cidades Históricas, Serra do Mar e Estrada da Graciosa: quando ir?

Estrada da Graciosa

Passeio de trem pela Serra do Mar

Antonina

Morretes

Ilha do Mel

_______________________

Fotos: Raul Mattar | Todos os direitos reservados.

Share