-  Atualizado 23/05/2017

Atacama: 3º dia | Manhã: Tour Arqueológico

Publicado por: Silvia Oliveira América do Sul, Atacama, Chile

Se eu tivesse que dar uma sugestão diria para você fazer primeiro, assim que chegasse a San Pedro, o tour arqueológico. E só depois se embrenhasse pelos passeios-paisagem. História e arqueologia me fascinam e a Aldea Tulor e Pukará de Quitor – sítios arqueológicos – faziam parte das prioridades absolutas para mim.

O detalhe é que não se deve esperar por cenários extraordinários – como os que vimos nos dias anteriores. Se você fizer primeiro este recorrido seguramente vai se impressionar mais do que se vier depois de um Salar de Tara, por exemplo.

– E-book | O Barato de Santiago —> Baixe o seu agora mesmo!

Contratamos um motorista particular (indicado pela agência) para esse passeio. Queríamos fazer algo em, no máximo três horas, no período da manhã, porque à tarde seguiríamos para a Laguna Cejar. Antes de encontrar o tal motorista, começamos – por conta – pela igreja de San Pedro de Atacama, construída no século 18 em adobe com teto de madeira.

Declarada patrimônio nacional, a igrejinha fica na praça da cidade, rodeada de bares, restaurantes e lojinhas. A poucos metros dali está o Museu Gustavo Le Paige com uma coleção interessante de cerâmica, tecidos, arpões e vestimentas da cultura regional. Estão expostos vestígios desde a Idade da Pedra Lascada (e não é força de expressão) até marcas da civilização Inca. É bem organizado, mas pequenininho. Não espere um Louvre Atacamenho.

Já no Toyota do motorista Tatá, um velhinho simpático e falante, fomos em seguida a Pukará de Quitor, um sítio arqueológico a apenas três quilômetros do centro de San Pedro. Quitor foi uma antiga fortaleza pré-Inca, construída no século 12 – hoje em ruínas.

Foi erguida sobre um “morro” que faz parte da Cordilheira de Sal. A princípio, parece um amontoado de pedras. Mas ao subir (sedentários, preparem-se para botar os bofes para fora) o visitante vai desvendando a realidade dos antigos habitantes do lugar.

É uma edificação espantosa. São pedras grandes e pequenas entrelaçadas com uma massa de barro. Tinha caráter estratégico e defensivo. No século 16 foi invadida e parcialmente destruída pelos espanhóis. Aqui encontrei  um casal de ingleses que passeavam com um bebê de dois (DOIS!) meses e um menino de três anos.

Na foto aí de cima você vê o pai carregando o menino nas costas. Já a mãe – carregando o bebê num canguru – foi aconselhada a esperar lá embaixo, na sombra.

Dali fomos para a Aldea Tulor, a 10 quilômetros de San Pedro de Atacama. Está no mesmo caminho que leva ao Valle de la Luna. É o vestígio habitacional mais antigo do Salar, uma aldeia tipicamente pré-colombiana. Acredita-se que a Aldea Tulor tenha quase 3 mil anos. O curioso são as construções de argila, em forma circular, antigas casas geminadas.

Em algum momento esta aldeia foi sepultada pela areia. Hoje o que se vê ali são duas casinhas reproduzidas (não originais) e uma passarela com um pequeno mirante que permitem observar do alto as formações do lugar. Daqui se tem uma ótima visão do vulcão Licancabur. A descoberta arqueológica permitiu avanços nas pesquisas históricas da região.

Então, pois é… para a história e a arqueologia são informações e descobertas sensacionais. Para uma experiência turístico-sensorial deixa a desejar. Mas a culpa é minha, não do lugar. Eu que já conheci as pirâmides do Egito, as ruínas de Teothiucán no México, e a reconstituição de uma povoação Guanche em Tenerife, nas Ilhas Canárias fiquei assim… “já acabou?”

Mas em nenhum momento desaconselharia a visita. Acho uma obrigação (se é que existem obrigações numa viagem) passar por aqui. Só contenha suas expectativas. Coisa que eu não fiz.

SERVIÇO:

Valor do Tour Arqueológico: 15 mil pesos (US$ 30,00) – para os dois. Foi o único tour que eu paguei diretamente para o motorista, indicado pela agência Linckan Antay. Geralmente as agências cobram este valor por pessoa e o tour dura 5 horas. O nosso foi feito em três e já tá bom demais.

O celular do motorista Tata é (+56) 55 9302-1521.
Valor da entrada em Pukará de Quitor: 2 mil pesos (US$ 5,00)
Valor da entrada na Aldea Tulor: 2 mil pesos (US$ 5,00)

– E-book | O Barato de Santiago —> Baixe o seu agora mesmo!

Posts relacionados

CHILE
Chile, para começar… (introdução)
Da janelinha do avião, a Cordilheira dos Andes

SANTIAGO
Santiago: bairro a bairro – 1º dia
Santiago: bairro a bairro – 2º dia
Santiago: bairro a bairro – 3º dia
Como ir por conta à vinícola Concha y Toro
Metrô Arte em Santiago do Chile
Galeria de imagem: Mercado Central de Santiago
Galeria de imagem: Museo de Arte Precolombino

ATACAMA
Como chegar a San Pedro do Atacama, no Chile
San Pedro de Atacama
Atacama: 1º dia | Valle de la Luna e Valle de la Muerte
Atacama: 2º dia | Salar de Tara
Atacama: 3º dia| Manhã: Tour Arqueológico
No Atacama fique atento ao solmáforo

Banner Guia Santiago 2013


Artigos Relacionados


Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


17 comentários

  1. Mari Sugai
    Comentário do dia 15/1/2010 às 17:50

    Silvia!

    Adoooooooooro seu site! Sou mega fã!!
    Eu que sou globettroter fina muquirana, fico aqui babando nas suas viagens!
    Estou planejando ir pra Santiago e Deserto Atacama no começo de abril e fico devorando suas fotos e dicas!
    Td mto inspirador!
    Pretendia ficar 10 dias, mas já estou começando a achar pouco…
    Vc indica ir no fim de março, começo de abril?

    Obrigada!
    Bjs!
    Mari

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Ow, Mari! Brigadão pela audiência! No Deserto do Atacama faz sol o ano inteiro. As vezes pode nublar em janeiro ou fevereiro. E em julho faz um frio horroroso à noite. Acho que março, abril ou setembro, outubro, novembro são excelentes. E os preços, na maioria das vezes, são de baixa temporada. Agora, em Santiago vai estar fazendo friozinho (à noite ) fim de março, começo de abril. A principio é para estar sol… mas nunca se sabe porque o tempo na capital é mais instável! =) Eu fui em novembro e peguei dias nublados e com sol em Santiago… quando nublou fui aos museus, quando fez sol… saí para as atrações externas! Bjs!

    (Responder)

    Resposta de Maíra

    Mari, estou pensando em fazer o mesmo roteiro (em 2013) que voce fez em 2010! Santiago e Atacama em Maio. Além de ler todas as dicas do site queria saber das suas, pra ver mais um ponto de vista! 😉 Bjos e Obrigada!

    (Responder)

  2. Marcia Cristina
    Comentário do dia 16/1/2010 às 12:16

    Me parece muito bacana esse passeio. è uma aula de história ao vivo e a cores! Bejim.

    (Responder)

  3. vera
    Comentário do dia 16/1/2010 às 13:07

    NOssa, suas fotos são dignas de uma exposição, deslumbrantes, parabéns 🙂 E não se esqueça de meu guia, viu? 🙂
    abraço,
    vera

    (Responder)

  4. Comentário do dia 16/1/2010 às 14:07

    Estão lindas as fotos do Deserto de Atacama, parabens. Adoramos esse lugar tbém !!
    Viajamos por 5 meses e agora temos um blog.
    Estamos mandando o link para que vc possa nos visitar e esperamos que vc goste.
    http://www.viagemafora.blogspot.com
    Agradecemos a sua visita e te desejamos um ótimo 2010.
    um grande abraço
    Antonio & Ellen

    (Responder)

  5. Comentário do dia 16/1/2010 às 23:51

    Às vezes nossas expectativas é que fazem toda a diferença, né? Mas imagino que começar por esse passeio deve ser melhor mesmo. Eu prefiro ir me deslumbrando aos poucos. 😉

    Beijos!

    (Responder)

  6. Comentário do dia 17/1/2010 às 13:22

    Que delícia de passeio!! O Atacama parece mesmo um lugar incrível!

    Adorei a sequência de fotos em que aparece vc tirando uma foto e em seguida, o que vc tirou. 😉 Como o céu estava lindo, hein? Azulzinho!…

    Bjos!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi Fê! As fotos são do meu marido, Raul Mattar… eu sempre dou o crédito no final para ele… mas todo mundo confunde. hahahaha! As fotos que eu faço são creditadas ao “Matraca’s Image Bank”. hohohoho. Brigadão pela visita! Bjs!

    (Responder)

  7. Comentário do dia 17/1/2010 às 15:54

    eu adooooro sitios arqueológicos tb. Sempre são experiências fantásticas. Tô doidinha pra ir pro Atacama, sabia? Só pelos seus relatos e da Mari Campos!
    beijão

    (Responder)

  8. Comentário do dia 17/1/2010 às 21:24

    Nós passamos pela Pukara só que de bike, na trilha da Queblada del Diablo. Demais!!!

    (Responder)

  9. Comentário do dia 17/1/2010 às 23:15

    Olá, Silvia

    Antes de tudo, parabéns pela riqueza de detalhes e empolgação que passa pelas descrições da viagem. Você não pode imaginar minha alegria ao ver seus posts, pois no próximo domingo embarcamos (meu marido e eu) para o Chile, e estavámos na maior dúvida sobre ir ou não a SPA. Bom, já decidimos. Porém, gostaria de contar com vc e tirar algumas dúvidas: como foi q reservou o hotel? É que no site nao há reserva on line, e como estamos em cima da hora, nem consegui saber da disponibilidade. Vc tem algum outro na mesma faixa de preço para indicar, que vc tenha visto nestes dias? Pelo que entendi, os passeios são contratados diretamente, dia a dia, e vc tem usado somente 1 agência? Bom, por enqto é isto, e …. ENJOY!!!!!!!!!
    Yeda

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi Yeda!
    Fiz a reserva pelo site. Na verdade você envia uma solicitação pelo formulário que existe lá disponível em “reservas” e eles respondem para seu e-mail. Depois de feita a reserva, vão debitar uma diária no seu cartão… o número você passa por e-mail ou tel. Outro hotel similar ao Parina Apart Hotel é o La Casa de Don Tomas http://www.dontomas.cl

    Não, os passeios eu contratei todos no mesmo dia, com uma única agência. Ou seja, assim que cheguei fiz uma pesquisa de preço e fechei todos os tours em um único só lugar porque ficava mais barato. Paguei em dinheiro, porque no cartão você não ganha desconto nenhum. Todos os passeios ficam em torno de US$ 180,00 por pessoa. Abs!

    (Responder)

  10. Comentário do dia 22/1/2011 às 21:08

    Hola Silvia! Felicitaciones por tus maravillosos comentarios (espero entiendas el español). Estoy viajando a San Pedro de Atacama y Santiago en 15 días así que tus comentarios me son MUY útiles. Pienso hacer tus paseos en San Pedro ¿conforme con la agencia Lickan Antay, la recomendás? ¿los paseos de la tarde a que hora regresan? pregunto porque el 4to día me voy y tengo bus a las 19 y 30 hs. ¿llego a esa hora?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Hola, Claudia. ¡Qué gusto tenerte aquí en mi blog! Sí, recomiendo la agencia Lickan Antay. Los paseos de la tarde generalmente regresan después de las 18h seguramente. De ser aí, debes hacer un paseo por la mañana en el día que te marchas para que no corras el riesgo de perder la hora. ¡Saludos!

    (Responder)

  11. Izabel Barbosa
    Comentário do dia 13/9/2011 às 15:31

    Oi Silvia! Primeiramente meus parabéns pela altíssima qualidade dos seus posts!
    Estou indo viajar com meu namorado durante 1 mês no Chile e estas dicas do Atacama estão sendo MUITO úteis.
    Pergunta: tem algum restaurantezinho em Aldea Tulor? Estaremos de carro alugado e pensei em seguirmos direto para o Valle de la Luna a tarde.
    Obrigada!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Que eu me lembre só há restauratinhos em São Pedro mesmo. Mas a Aldea Tulor fica em San Pedro de Atacama. Você pode visitá-la e seguir para o centrinho da cidade… Abs!

    (Responder)

  12. HELOISA
    Comentário do dia 22/2/2012 às 20:38

    Olá Silvia, achei seu site o máximo!
    Eu e uma amiga iremos agora em Maio para Santiago e Atacama. Gostaria de saber se na sua opinião conseguimos hospedagem direto lá ou se é melhor garantir ainda no Brasil?
    Além disso gostaria de saber também se tudo lá é pertinho, ou seja, se conseguimos de certa forma caminhar pelo centro…..voltar ao hostel….etc. Super obrigada!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Heloisa, com certeza recomendo reservar hospedagem ANTES, ainda no Brasil. Se você ficar no centro… as atrações são todas perto. Pelo menos a maioria! Bjs! 🙂

    (Responder)

    Resposta de Heloisa

    Oi Silvia obrigada. Em Santiago optamos pela sua dica. Em SPedro reservamos o Hotel Dunas. Vi ótimos comentários e parece bom o custo x benefício. Vc acha melhor levar mais pesos do que dólar ou mais dólar do que pesos? Os passeios resolvemos fechar lá….bjs

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Mais pesos do que dólar. É sempre melhor circular com a moeda corrente do país, assim você evita duas taxas de conversão: do real para o dólar (quando você troca aqui) e do dólar para o peso (quando troca lá!). Abs! 🙂

    Resposta de Silvia Oliveira

    Ah, depois volte aqui para falar o que achou do Hotel Dunas. A Localização me pareceu excelente e o valor das diárias está super bem! 🙂

    Resposta de Natália Gomes

    Então, Silvia, vc recomenda o Hotel Dunas? Compartilhe conosco!

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Não conheço, Natália! A Heloísa aí em cima diz que foi, m snão voltou para contar! 🙂

    Resposta de Silvia Oliveira

    Eu não fiquei no Hotel Dunas! 🙂

  13. jose roberto rodrigues
    Comentário do dia 04/9/2012 às 10:37

    oi silvia, achei esta pagina pois estou pretendendo viajar em janeiro 2013 com a esposa e filho de 11 anos. Tb sou facinado por arqueologia, e conhecer estes sítios são prioridade. De acordo com o que voce viu, estes locais são de facil acesso se estivermos de carro proprio ou necessariamente dependemos de transportes privados para estes e demais locais da região ?

    grato

    josé roberto

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Jose, o sítio arqueológico é de fácil acesso, está muito próximo da cidade. Abs!

    (Responder)

  14. Natália Gomes
    Comentário do dia 23/10/2012 às 17:21

    Olá! Você contratou os passeios em San Pedro de Atacama mesmo? É tranquilo fechar o pacote de passeios apenas lá? Você foi em que época do ano? Dezembro é um bom período? Em qual hotel você ficou? Recomenda?

    Parabéns pelo site! Obrigada pela atenção!

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Natália! Contratei os passeios lá mesmo. Fui em novembro. Fiquei no Parina Atacama. leia nosso post-índice sobre o Chile. tem tudo lá! 🙂
    http://www.matraqueando.com.br/chile-santiago-e-atacama-post-indice
    Abs!

    (Responder)

  15. Níni
    Comentário do dia 10/1/2014 às 01:44

    Silvia, show de bola suas dicas! Achei por acaso pois estou fazendo uma pesquisa aqui sobre essa viagem. Viajo domingo agora,dia 12/01/2014. Irei com um amigo e ficaremos no Ayllu Restaurant Solar Expediciones Hostal (Calle Toconao)

    Está sendo ótimo ler suas dicas pois até chegar no manual de sobrevivência, eu já tinha selecionado minha mala de…rodinhas! rs Ou seja, eu seria o segundo ser vivo a desembarcar com esse tipo de bagagem! 🙂

    Mas o que tem me interessado é a agência que vocês utilizaram. Você chegou a fazer uma pesquisa? Gostou do serviço oferecido? Andei comparando seus preços e nosso hotel está mais caro…

    Muito obrigada por compartilhar conosco!
    Bjo

    (Responder)

  16. Carla Rocha Rezende
    Comentário do dia 14/4/2016 às 17:08

    Oi Silvia, tudo bem? Adorei o seu site. Estou comecando a planejar uma viagem ao Chile em dezembro, mas nem sei por onde comecar. Tudo muito lindo e tenho limitado tempo e o mais importante, limitado dinheiro, haha. A minha prioridade e o deserto sem duvida e os lagos andinos. Mas como gosto de trilhas e sou mt ativa, minha prioridade total e o deserto. A empresa que voce indicou, o site parece estar fora do ar. O que aconselharia? Ir direto para San Pedro ou uns dis em Santiago e de la deserto? Enfim, muito perdida, haha. Se pudesse me ajudar, seria otimo. Bjoss

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Carla! Quantos dias você tem para a viagem? Geralmente, o roteiro mais próximo ao ideal são 3 dias inteiros em Santiago e 5 dias inteiros no Atacama.Tendo menos tempo, dois dias na capital e três dias no deserto para fazer os passeios básicos! Abs!

    (Responder)

  17. Eryka
    Comentário do dia 30/9/2016 às 19:04

    Olá,

    adorei suas dicas e irei seguir seu tour em maio/2017.
    tenho uma duvida, existe algum passeio de um dia para o atacama ?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Eryka, deixa ver se eu entendi. Você pergunta se existe passeio de um dia NO atacama ou PARA o Atacama? Assim, tipo bate e volta de Santiago? Se for o último caso, num dá. A cidade de San Pedro (porta de entrada para o deserto) está a 1600 km de Santiago. Já passeios de um dia no deserto, existem sim, o Salar de Tara, por exemplo. 😉 Veja aqui: http://www.matraqueando.com.br/atacama-2%C2%BA-dia-salar-de-tara

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar