-  Atualizado 24/08/2010

Compras na Argentina: Duty Free Shop

Publicado por: Silvia Oliveira Foz do Iguaçu

Meu espírito até que evoluiu bem nas últimas duas semanas. Fiz trilha ecológica, caminhei ao lado de quatis, tomei banho de catarata, entrei em viveiros cheios de pássaros e fui de ônibus a Ciudad del Este… nesse caso, um calvário digno de ascensão aos céus – em corpo e alma. Mesmo assim, para qualquer mão-de-vaca-muquirana o Paraguai nem chega a ser uma penitência.
 
Ao contrário do Duty Free, em Puerto Iguazu. (Aqui, acredito que desci dois degraus no altar da purificação). Um shoppinzão que entrou na rota de compras para quem vai a Foz. Bonito, limpo, climatizado, banheiros, casa de câmbio e traslado gratuito desde os hotéis centrais do lado brasileiro. Não tem ambulante. E no lugar da chipa paraguaia, empanada argentina. Por R$ 4,00 cada, no único quiosque do lugar. Socorro! Começou o chilique. Quatro reais por uma empanada menor que um pão de queijo?
 
Voltando, sem siricotico, porque eu sou fina. Continuamos passeando por ali. Chocolates, alfajores, azeites, bebidas, óculos, roupas e eletrônicos. Tudo de marca. Com preço de grife. Talvez porque não esteja acostumada a comprar frequentemente esse tipo de coisa no Brasil, me senti na Daslu argentina. E entendemos qual a função do Duty Free: oferecer a comodidade jamais pensada em Ciudad del Este, cobrando muito caro por isso. Como foi construído em uma área entre as aduanas do Brasil e da Argentina, é uma região considerada neutra. Brasileiros possuem livre acesso e são isentos de impostos.

Posts relacionados



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


7 comentários

  1. Anonymous
    Comentário do dia 22/4/2009 às 00:06

    Ola,
    Gostaria de saber quais as moedas aceitas no Duty Free?

    (Responder)

  2. SÍLVIA OLIVEIRA
    Comentário do dia 24/4/2009 às 12:34

    Olá!
    Aceita REAL, PESO e DÓLAR. Além dos cartões internacionais. NÃO aceita nossos cartões de débito. Uma brasileira na minha frente deixou a cesta de compra porque quis pagar com um cartão de débito de um banco brasileiro e eles não aceitavam. Abs!

    (Responder)

  3. Karen
    Comentário do dia 25/2/2010 às 12:18

    Silvia, esse Shoppinzão vale à pena comprar perfumes, óculos e relogios?
    Beijos

    (Responder)

  4. Lubia
    Comentário do dia 17/9/2012 às 16:35

    rsrsrs me acabo de rir com seus pots. Eu fui ao Duty adorei tbm me sentir em uma Daslu…nunca me sentir tão chick é tão bom poder ver coisas e marca e poder compra. Eu chocolatraa comprei variosssss…uns q sinto saudds até hj pois aqui no Brasil é uma facada.
    Mas como eu disse JANEIRÃOOO estarei lá eitaa q agora q já conheço mas os tramites vou me acabaaa!
    karem sei q perguntou para Silviaa mas respondendo, vale a pena sim, comprei perfumes lá com até 40% de diferença nós shop do São paulo.

    (Responder)

  5. dpj
    Comentário do dia 17/2/2013 às 09:48

    comprar roupa de frio intenso ( neve) é possível?

    (Responder)

  6. karina
    Comentário do dia 08/4/2013 às 13:31

    olá, vou para foz em junho e estou com muitas dúvidas quanto a cota: o que se compra no duty free de puerto não entra na cota dos 300 dólares?

    (Responder)

  7. Geraldo
    Comentário do dia 11/11/2016 às 13:51

    Gostaria de saber se é mais barato comprar um smartfone no Paraguai ou na Argentina? E quais as lojas confiáveis.

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar