-  Atualizado 10/07/2010

Espanha a 50 euros por dia – Parte 2

Publicado por: Silvia Oliveira Espanha, Europa

+ 15 DICAS DA ESPANHA


Foto: Real Alcázar de Sevilha. (Matraca’s Image Bank)

3. Percorra Triana, o bairro do flamenco em Sevilla. Fica do outro lado do rio Guadalquivir. O local é perfeito para “ir de tapas” – expressão indispensável na Andaluzia. Faz uma referência à desenvoltura dos espanhóis que vão parando de bar em bar, mordiscando pratinhos de petiscos, acompanhados por cerveja, vinho ou tinto verano. As tapas geralmente vêm em porções generosas, custam poucoe valem por uma refeição.

4. Ali mesmo, na Andaluzia, faça das tripas coração para conhecer Ronda, uma cidade encravada ao pé de um desfiladeiro de 150 metros de altura. A Plaza de Toros mais antiga da Espanha está aqui, mas a “arquitetura” natural impacta tanto que será uma das mais belas recordações (e fotos) do país. Além do penhasco a seus pés a cada esquina, o centro histórico é mouro e medieval. 

5. Para fazer câmbio, o Banco Santander –  dois por quarteirão – geralmente oferece a melhor cotação. Mesmo assim, pesquise antes em algumas casas especializadas. Em tempo: o horário dos bancos na Espanha é bem diferenciado do resto da Europa. Abrem por volta das 8h30/9h e fecham às 14h ou 14h30. E funcionam no sábado, até às 13h ou 13h30. 

6. A Ibéria é a principal companhia aérea da Espanha. Para fazer vôos internos consulte também a Spanair ou a Vueling. Compras feitas com antecedência garantem melhores tarifas. Nas companhias low costs verifique as taxas adicionais, se cobram por bagagem e em qual aeroporto vão descer. 

7. As touradas – quer queira quer não – seguem entusiasmando gerações e gerações de espanhóis. Ainda que a apresentação tenha sido alvo cada vez maior dos ativistas pró-touro, as Corridas começam a partir de maio e vão até outubro. Arena cheia, sempre. Para tirar suas próprias conclusões, vá assistir uma ou visite Pamplona, durante o Sanfirmines – festa em que os touros saem em disparada. Na frente deles, espanhóis aficionados. “Um autêntico drama religioso”, nas palavras do poeta granadino Federico García Lorca. 

8. Num bate-volta partindo de Barcelona, vá a Figueras onde está a Casa-Museu Salvador Dalí, dedicada ao genial pintor surrealista. O edifício, desenhado pelo próprio Dalí, é um evento a parte. O ingresso custa 10 euros. Na sua conta dos 50 euros por dia, é uma visitinha que pode ficar cara. Mas se você se controlar e não comer nenhuma paella naqueles restaurantes turistésimos do La Rambla, vai sobrar dim-dim. Para isso, consulte o Barcelona Grátis, um site que junta tudo o que a cidade pode oferecer nos próximos dias gratuitamente!

9. A rede ferroviária espanhola é um dos patrimônios da Espanha. Os rápidos (e caros!) Talgo e AVE levam você aos principais destinos. Mas há outras opções para quem quiser o jeito europeu de viajar – usando os trens regionais. Mais baratos, porém mais lentos. Fuce o site da Renfe

10. Caso seu destino seja o norte da Espanha desfrute seu momento aposentado na Cantábria. A 30 quilômetros de Santander está Santillana del Mar, uma antiga vila medieval, com torres e palácios renascentistas. A dois quilômetros de Santillana, um luxo: as Cuevas de Altamira, uma importante amostra de arte rupestre. As pinturas têm em torno de 14 mil anos e são Patrimônio da Humanidad. O acesso às cuevas está fechado. Mas é possível visitar o Museo de Altamira,  que traz reproduções dos desenhos pictóricos, incluindo o famoso bisonte (ou bisão). A entrada custa 2,40 euros. Gratuito aos sábados, a partir das 14h30 e aos domingos – dia inteiro. 

11. Seu momento “tô podendo”: a marca espanhola Zara – que custa os olhos da cara aqui no Brasil – tem precinho de C&A na Espanha. Querendo ter seu momento extravagância (qualquer comprinha numa viagem com valores restritos é uma extravgância), encha a mala com modelitos que só chegarão aqui uma temporada depois e pelo dobro do preço. 

12. Se em toda Espanha você tiver que escolher apenas um mercadão para visitar, fique com o La Boquería, em Barcelona. Está no coração do calçadão La Rambla. É um bonito edifício modernista cheio de cores e sabores, como manda o figurino em qualquer estabelecimento do gênero. Não paga nada para entrar e é cheio de frutinhas cheirosas por preços muy convenientes. Já o mercado de pulgas Encants Vells funciona nas segundas, quartas, sextas e sábados. De graça, claro. 


Foto: Parc Güell, em Barcelona. (Raul Mattar) 

13. Em qualquer café decente prove o churros com chocolate. Vai custar pouco e nada pode ser tão típico e aconchegante por aqui. 

14. Para bolos e doces procure as pastelerías. Se quer a melhor variedade de frios e boa oferta de queijos busque uma charcutería. Para conhecer uma das maiores lojas de departamentos da Europa, o El Corte Inglés – com filiais espalhadas por todo o país – pegue seu mapinha da Oficina de Turismo. Eles vêm cheios de pontinhos verdes (cor da logomarca da empresa), indicando onde estão localizadas as unidades. 

15. Inclua Málaga, se possível. Terra natal de Pablo Picasso, o maior artista que a humanidade conheceu. (Opinião minha, posso?). O Museo Picasso está na casa onde o pintor viveu. Único e intransferível. 

MUITO BOM:comida boa e barata, em qualquer cidade a qualquer hora. E garrafa de vinho da principal região vinícola da Espanha – La Rioja – por 2 euros nos supermercados.

MUITO CHATO:os passes das grandes cidades – (o Madrid Card, por exemplo, custa 42 euros por 1 dia) que incluem visitação em vários museus e transporte público gratuito – são caros demais para o nosso padrão. Porque ninguém consegue visitar três museus, dois palácios e andar para cima e para baixo de ônibus e metrô em 24 horas.

Posts relacionados:
  



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


10 comentários

  1. Anonymous
    Comentário do dia 29/7/2009 às 08:52

    Simplesmente PERFEITO!
    Parabéns pelo trabalho. Tô orgulhosa de ser "matraquis"…rs
    Bjs
    Nair

    (Responder)

  2. Priscila Goldman
    Comentário do dia 29/7/2009 às 16:56

    Muito bom. Já estou imprimindo e fazendo meu guia particular! Bjs

    (Responder)

  3. Joaninha Bacana
    Comentário do dia 31/7/2009 às 06:53

    Muito show esse seu roteiro!!!
    Uma cidadezinha que eu adoro (perto de Figueras) e recomendo é Cadaqués: é uma praianha da Costa Brava, mas sem aquela enxurrada chata de turistas. Lá também fica um dos outros museus do Dali:
    http://www.salvador-dali.org/museus/portlligat/en_index.html
    E, estando lá, é legal dar um pulo até a península Cap de Creus, com uma paisagem lindíssima!!!
    http://en.wikipedia.org/wiki/Cap_de_Creus
    Beijos, e bom final de semana pra voces!
    Angie

    (Responder)

  4. amanda ribeiro
    Comentário do dia 25/8/2010 às 14:42

    Olá, Você teria alguma dica de Praias em Barcelona? lagum lugar mais legal no litoral que não podemos deixar de vistar?

    Obrigada pela valiosas dicas!
    Amanda

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Não, infelizmente. Não conheço nada de praia naquela região!

    (Responder)

  5. marta
    Comentário do dia 16/8/2011 às 15:58

    silvia, socorro, preciso de um “portugal a 50 euros por dia” urgentíssimo!!!!!!
    adoro seu blog!
    bjossss

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Eu já fiz a série Portugal a 50 euros por dia. Veja o indice completo da serie da Europa Barata aqui: http://www.matraqueando.com.br/tag/europa-a-50-euros-por-dia

    Abs!

    (Responder)

  6. Amélia
    Comentário do dia 28/10/2011 às 01:59

    Olá! Você saberia me dizer como posso fazer para reservar ingressos com antecedência para visitar a Alhambra, em Granada? Desde já agrdeço.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira
  7. JOSE LUIZ RICCHETTI
    Comentário do dia 08/11/2011 às 20:51

    ACHEI EXCELENTE A IDÉIA E O CONTEÚDO, PARABÉNS !
    NOTEI QUE NAS 15 DICAS DA ESPANHA ELAS COMEÇAM PELO ITEM 3 OU SEJA PARECE QUE FICOU FALTANDO AS DUAS PRIMEIRAS. É ISSO MESMO OU HÁ UM PEQUENO ERRO NO SITE ?
    SE FOR O CASO PODE ME ENVIAR AS DUAS DICAS FALTANTES?
    ABS

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Uia, é um pequeno erro no site. Só não sei onde está o texto original para arrumar! 🙂

    (Responder)

  8. Carol Palonbino
    Comentário do dia 06/1/2012 às 16:26

    Adorei as dicas!!!! Estive em Sevilla em Julho desse ano e tenho uma sugestão legal para quem quer um verdadeiro espetáculo de flamenco totalmente na faixa!!! É o La Carboneria, bar localizado na Calle Levíes, onde não se paga nada pelo show de flamenco que começa por volta das 22:00h e vai até 1:00 mais ou menos. O local é extremamente rústico, uma antiga carvoaria, com um pequeno tablado e mesinhas coletivas de madeira espalhadas pelo salão. Tem que chegar cedo pra pegar um lugar legal. O funcionamento é diferente das demais casas de flamenco: cada dia um artista voluntário se apresenta. Não tem microfones, nem superproduções, é tudo na base do gogó mesmo! Mas é de arrepiar! Fabuloso mesmo! E ainda dá pra assistir à apresentação tomando uns drinks, que não são caros! Na saída/entrada do bar ainda tem um piano liberado para os voluntários que quiserem tocar, e toda a galera fica em volta acompanhando e cantando a música. Uma experiência que sem dúvida deve ser experimentada por quem visita Sevilla. Muito melhor do que as outras apresentações ao estilo Broadway… Fica a dica!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Uauuu, super luxo a dica! 🙂

    (Responder)

  9. Cecilia
    Comentário do dia 17/6/2012 às 12:05

    Gostei muito e está me ajudando bastante!
    Mas senti falta de informações sobre a Galícia…
    Estou indo para Santiago de Compostela logo mais e adoraria pegar umas dicas antes ;^)

    Parabéns!

    (Responder)

  10. okhoteles
    Comentário do dia 19/3/2013 às 08:35

    Olá,Espanha tem muitos lugares para ver, descobrir Palencia, você sabe qual é o maior museu na Espanha? Comunidade de Castela e Leão, desconhecido, com uma rica herança, alimentos ricos e pessoas muito amigáveis. Se você quiser visitar várias cidades como Palencia, León, Burgos e Salamanca Valladolid bom ponto de partida é Venta de Baños.
    Se você quer ver o que está na área de visitar este blog

    http://www.turismodepalencia.wordpress.com
    Atenciosamente

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar