terça-feira, 20 de agosto de 2013

Feira da Ladra: o mercado de rua mais popular de Lisboa

Feira da Ladra Lisboa

A feira mais antiga de Lisboa já foi uma espécie de mercado itinerante. Começou no século 13, em plena Idade Média, e passou por diversos bairros da cidade até se instalar definitivamente no Campo de Santa Clara, região da Graça (tecnicamente fica no freguesia de São Vicente).

Feira da Ladra Lisboa - Barracas

Feira da Ladra Lisboa - Bonecas

A origem do nome é controversa. Mas a teoria mais aceita é essa mesma que você está pensando. Desconfia-se de que naquele tempo muitos desses produtos usados eram derivados de roubos. Daí a alcunha “ladra”.

Feira da Ladra Lisboa - Dinheiro

Feira da Ladra Lisboa Malas antigas

Feira da Ladra Lisboa - CDS

A feira acontece religiosamente duas vezes por semana, terças e sábados. Os vendedores expõem relíquias em louças, moedas imperiais e objetos antigos. Existe uma ala inteira para colecionadores de badulaques. São anéis, bonecas, livros, discos de vinil, quadros — entre outras velharias e balangandãs.

Feira da Ladra Lisboa - antiguidades

Feira da Ladra Lisboa - Garrafinhas Antigas

Nem preciso dizer que a-d-o-r-o! Não compro nada, minha diversão é o passeio-museu que este tipo de atrativo oferece. Mas fiquei fascinada por estas garrafinhas antigas (a partir de € 1 cada). Já imaginei todas elas na decoração de alguma festinha minha! Rá! Só que pelo bem da minha micromala de viagem não levei uma agulha daqui.

+ E-book | O Barato de Lisboa –> baixe o seu agora mesmo!

Feira

Feira da Ladra Lisboa - Roupas

A Feira da Ladra, porém, não vive só de quinquilha… quer dizer, de antiguidades. Você pode encontrar roupas novas e usadas, produtos peruanos, bijuteria no estilo hippie e livros atuais — tudo por preços excelentes. Estas jaquetas jeans (foto acima), por exemplo, custavam € 6. Livros? Tudo a € 1.

Feira da Ladra Lisboa - Livros usados

Feira da Ladra Lisboa - vendedor

Algo curioso é que a feira não é feita somente de barraquinhas. Muitos expositores — a maioria, aliás — espalham as mercadorias no chão, dando um ar marroquino ao local. Embora, eu tenha visto uma ou outra coisa bacana, a Feira da Ladra não me impressionou tanto como a Feira de San Telmo em Buenos Aires ou como a Portobello Road Market em  Londres — estas, sim,  de antiguidades mesmo.

Feira da Ladra Lisboa - Guardanapo

Feira da Ladra Lisboa Azulejos 1

Por outro lado, o grande valor da Feira da Ladra é justamente presenciar o cotidiano lisboeta da região, aquele vai e vem cheio de personagens típicos. A feira é enorme. Portanto, para percorrê-la todinha vá com tempo.

+ Leitor do Matraqueando tem 15% de desconto no seguro de viagem da Mondial. Pegue seu cupom aqui!

Feira da Ladra Lisboa - Galinho de Barcelos

Se quiser aproveitar para levar algum souvenir de azulejo ou o célebre Galinho de Barcelos pode comprar sem medo. Aqui, esses caraminguás saem bem mais baratos do que no centro histórico da cidade.

+ E-book | O Barato de Lisboa –> baixe o seu agora mesmo!

Feira da Ladra Lisboa Azulejos

SERVIÇO

Feira da Ladra
Local: Campo de Santa Clara, Lisboa.
Horário: terça e sábado, das 8h às 16h.
Como chegar: pegue o Eléctrico 28 (bondinho) em direção ao bairro Graça. Desça no Largo de São Vicente, em frente à Igreja de São Vicente de Fora. O tíquete do bondinho custa R$ 2,85 se comprado a bordo ou € 1,20 usando o cartão Viva Viagem (um passe de transporte público que dá desconto na passagem).
Dica da Matraca: aproveite para visitar a Igreja São Vicente de Fora e o Panteão Nacional, dois atrativos históricos ao lado da feira.

Posts relacionados

Igreja e Convento do Carmo: as ruínas enigmáticas de Lisboa

Casa Fernando Pessoa: um pedaço da história do maior poeta português do século 20

Taverna Imperial: restaurante excelente e baratíssimo na Praça dos Restauradores

Lisbonaire Apartments: hospedagem nova, barata e bem localizada

Como ir do aeroporto de Lisboa ao centro

Leia também

Europa Barata: Lisboa pela primeira vez

Lisboa combina com

Mosteiro da Batalha

Mosteiro de Alcobaça

Santuário de Fátima

Óbidos

Nazaré

__________________

Texto e fotos: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.

Banner Guia Lisboa 2014

Share