-  Atualizado 29/01/2016

Hospedagem: onde ficar na Ilha do Mel

Publicado por: Silvia Oliveira Ilha do Mel

Estive duas vezes na Ilha do Mel. Na primeira, há quase uma década, fiquei na Pousada das Meninas, que até hoje faz parte do rol dos hoteizinhos mais procurados de lá. Já em janeiro último me hospedei no continente, na casa de amigos, e apenas fiz um bate e volta de um dia ao paraíso.

A saber: a Ilha do Mel é o trecho mais inflacionado do litoral paranaense, principalmente na alta temporada. Detalhe: no verão, as pousadas lotam rapidinho – apesar dos preços. Por isso, reserve com antecedência.

Hospedagem Muquirana

Hostel Encantadas e Hostel Farol 

Fazem parte do Grupo Marimar (antigo Hostel Zorro). São albergues da juventude e cada um está localizado num ponto da ilha. Não fiquei hospedada em nenhum deles, mas visitei os quartos. Simplérrimos (ao melhor estilo franciscano), mas muito decentes. Diárias em quartos coletivos, com ventilador, a partir de R$ 35,00 por pessoa.  Com ar condicionado, a partir de R$ 45,00. Diárias para casal a partir  de R$ 95,00. Café da manhã incluído. Valores para alberguistas.

Hospedagem Classe Média

Pousada das Meninas

Entenda por classe média uma pousada que se encontra em uma faixa de preço, digamos, mais emergente. Não se trata aqui de luxo ou sofisticação, mas de charme. Quartos a partir de R$ 120,00, suítes a partir de R$ 180,00 e chalés a partir de R$ 220,00. Preços de baixa temporada (01/03 a 15/12). Café da manhã e chá da tarde incluídos.

Momento Extravagância

Grajagan Surf Resort

É uma das melhores acomodações da ilha, mas não espere do nome “resort” algo semelhante a um Costão do Santinho. Localizado na Praia Grande, o hotel oferece cinco opções de acomodação. Suíte de frente para o mar (R$ 390), Suítes  Especiais Jardim (R$ 310), Suíte Jardim (R$ 240), Chalés (R$ 460)  e Acomodação Simples (com banheiro compartilhado, preço sob consulta). Valores de média temporada (01/03 a 31/05 e 01/09 a 10/12) para casal. Crianças de 4 a 8 anos pagam R$ 40. Café da manhã, cadeiras de praia e guarda-sol estão incluídos.

Posts relacionados

Ilha do Mel: o que fazer, como chegar e dicas úteis

Alimentação: onde comer na Ilha do Mel

Leia também

Vila Velha, Paraná: sítio geológico de 300 milhões de anos está a uma hora de Curitiba

Lapa: como organizar um bate e volta perfeito saindo de Curitiba

Colônia Witmarsum: café colonial, história alemã menonita e descanso ao lado de Curitiba

Parque Histórico de Carambeí: espaço temático reproduz um pedaço da Holanda no Paraná

Cidades Históricas, Serra do Mar e Estrada da Graciosa: quando ir?

Estrada da Graciosa

Passeio de trem pela Serra do Mar

Antonina

Morretes

Ilha do Mel

O que fazer em Curitiba

Curitiba | Vinhos Durigan: parada estratégica em Santa Felicidade com degustação grátis

Linha Turismo Curitiba: como aproveitar o city tour oficial da cidade

Curitiba: faça da cidade seu melhor destino de inverno

23 motivos para você conhecer e se apaixonar por Curitiba

Cinco atrações grátis e estreladas em Curitiba

_____________

Fotos: Raul Mattar | Todos os direitos reservados. 



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


6 comentários

  1. Comentário do dia 13/3/2011 às 13:56

    Olá Silvia.

    Que vergonha, moro em Curitiba e nunca fui a Ilha do Mel, ou melhor, uma vez quando criança mas quase nem lembro. Vou pra lá assim que tiver uma folga.
    Adorei o seu blog! parabéns!

    Sou Comissário de vôo e estou começando um blog de viagens também. Se puder dar o ar de sua graça por lá ficarei muito feliz.

    http://turisticamentecorreto.blogspot.com/

    Um abraço
    Julio Armando

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Isso é até comum, Julio! A gente acaba não prestando atenção no que está bem do nosso ladinho! Também tenho feito um esforço para dedicar algumas viagens exclusivamente ao nosso Paraná! Abs!

    (Responder)

  2. Comentário do dia 14/3/2011 às 23:53

    A primeira vez que fui pra Ilha não tive sorte com a hospedagem. A pousada que ficamos estava repleta de PULGAS e eu saí de lá com pelo menos umas 20 bolas enormes espalhadas pelo corpo (alergia).

    Na segunda vez, nos hospedamos em uma Pousada que achei na net, chama-se Pousada Caraguatá e além de uma gracinha, é super limpa e tem um café da manhã caseiro delicioso. Recomendo muito 🙂

    Beijos

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Brigadão pela dica, Carol! 🙂

    (Responder)

    Resposta de Ivanise

    Carol, e Silvia. poderia informar o nome de hotel pulguento? Estou de viagem marcada, ainda não fechei pousada, a das meninas está R$ 240,00, mas algumas pessoas informam que ficar na praia de encantadas é furada, devido a mal cheiro!! Se puderem me confirmar as informações ficarei muito grata. Bjos

    (Responder)

    Resposta de Cristina

    Vou pra ilha do Mel desde criancinha, uns 40 anos de experiencia…kkkkk Fico sempre na praia das Encantadas, apesar de gostar muito de Brasília também. A pousada Caraguatá foi eleita a numero 1 da praia das Encantadas e numero 2 no geral. A pousada do meu amigo de infancia, Joelson, Pousada Bob Pai Bob Filho é excelente e foi eleita a numero 2. Tem várias pousadas boas lá: Pousada Estrela do Mar, Lua Cheia, Fim da Trilha. Para o Ano Novo todas já estao lotadas reservando pelo booking.com, mas ligando na pousada sempre existe uma chance, a Caraguatá está 4.700 reais pra casal por 5 dias. Pense…. Restaurantes tem vários bons; Restaurante das Orquideas, Estrela do Mar, Fim da Trilha entre outros. Boa viagem e vá tranquila 😉

    (Responder)

  3. carina gieseler
    Comentário do dia 01/12/2011 às 17:25

    Fui uma vez á ilha do mel e adorei,
    é um lugar único, um povo hospitaleiro.
    A simplicidade do lugar é contagiante,
    nos faz perceber o que é realmente importante.
    Moro em Timbó,SC e nao vejo a hora de voltar.

    (Responder)

  4. nilceli
    Comentário do dia 25/12/2013 às 17:17

    eu amo a ilha do mel,conheci meu marido lá ,é um lugar maravilhoso, é tudo simples porém maravilhoso, nunca vi uma noite estrelada mais linda do que na ilha,eu recomendo muito,pousadas vai do bolso de cada um, as mais simples oferecem um serviço bom se vcê não estiver esperando luxo,é um passeio muito agradável,acho um pecado pessoa que moram em Curitiba e região não conhecerem a ilha.

    (Responder)

  5. Gisele Coqueiro
    Comentário do dia 20/4/2015 às 16:56

    Estou querendo ir na quinta, antes do feriado do dia primeiro de Maio. Não encontro ônibus p Ilha do Mel, alguém sabe como chegar mais próximo de lá de ônibus saindo de São Paulo?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Gisele, você tem que ir a Curitiba, de Curitiba pegar a Viação Graciosa e descer em Pontal do Sul. De Pontal você pega a balsa para a Ilha do Mel. Abs!

    (Responder)

    Resposta de Cristina

    nao basta dizer q quer descer em Pontal do Sul, tem que pedir pra descer no trapiche/travessia pra ilha, Senao vc desce no centrinho de Pontal do Sul e pra chegar no trapiche terá q pegar um taxi ou outro onibus. Mesmo q vc implore o motorista do onibus nao seguirá viagem com vc . Fique atento 😉

    (Responder)

  6. Comentário do dia 30/1/2017 às 01:35

    Muito bom o post. A Ilha do Mel é um dos meus próximos destinos.
    Parabéns pelo texto, além de muito informativo é super interessante!

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar