-  Atualizado 24/08/2010

Moreré: quem viver, verá.

Publicado por: Silvia Oliveira Bahia, Moreré
Vi a chamada na página principal do UOL. A Fernanda Braga, nossa correspondente internacional, também encaminhou a matéria – lá de Sevilha. Deve ser a próxima capa da Revista Viagem & Turismo. Muito em breve estará no The New York Times. A bomba: novo paraíso no litoral baiano, MORERÉ. Peraí, você já ouviu falar de Moreré? Assumo, eu não. Mas não me deprimo. Há cinco anos eu não fazia a mais remota idéia de onde ficava Itacaré, há 10 todo mundo achava que Trancoso era um lugar fictício e há 20 anos, só minha tia Edileuza tinha ido a Jericoacoara.

O que eu sei é que não caio mais nessa pegadinha. Olha só como começa a matéria: “Que tal passar uns dias numa praia deserta, cercada de vegetação virgem e banhada por mar azul? Conhecida como Polinésia Baiana, a praia de Moreré, localizada na lha de Boipeba (BA), é um daqueles paraísos ainda conservados…”

E eis, o veredicto:

“Durante o dia, um banho de sol, um mergulho no mar e uma boa caminhada são os atrativos. Descanso à sombra dos coqueiros (…) A noite é embalada pelo som dos pássaros, cigarras e grilos. As fogueiras iluminam a escuridão”.


Já vi esse filme. Ou melhor, essa peça publicitária. Estive em Trancoso. Também conheci outros dois “paraísos” do litoral norte da Bahia: as praias de Santo André e Santo Antônio. Tem tudo isso: praia deserta, cercada de vegetação virgem, sombra dos coqueiros, som dos pássaros. Ou seja, não tem nada.

Calma, antes de me acusarem de ser o Diogo Mainardi do Matraqueando, explico: não agüento praia deserta, com nada para fazer, sem casario colonial para visitar, nem nativo para conversar. E mar azul, uma ova! Mas reconheço – e é este basicamente o motivo do post: os marketeiros da Bahia são os melhores do mundo. Você se lembra o que era esse estado há algumas décadas? Qualquer um que viesse do nordeste num pau-de-arara para trabalhar no “sul” era chamado de baiano. Depois, qualquer coisa mal feita, se convertia em uma baianada.

Hoje, eles são referencia em tudo: música, arte, literatura e, óbvio, praia paradisíaca – um dos maiores atrativos de qualquer destino. E sobretudo, movimentam com excelência a maior indústria do planeta, a turística. Aliás, isso de “Polinésia Baiana”, é coisa de mestre. Deve ser o mesmo publicitário (amigo do Jaime Lerner) que inventou o título de Capital Ecológica (arg!) para Curitiba. É cafona, mas funciona.

O que deve acontecer: como os hippies já bateram ponto em Moreré e, com certeza, algum italiano (se já não montou) vai montar um restaurante ou pousadinha de charme por lá – logo, logo alguns desses grupos internacionais vão arrasar com boa parte do local para construir um daqueles megaresortões. Depois, o governo baiano vai convidar – com tudo pago – a Gisele Bündchen, o Rodrigo Santoro e a Adriane Galisteu para conhecerem o tal éden (devidamente registrado pela revista Caras). Só então a gente – que não perde nenhuma novidade – compra um pacotinho pela CVC e vai desvendar mais essa praia deserta, cercada de vegetação virgem e banhada por mar azul. Visse?

Para ler a reportagem que saiu no UOL, clique aqui.

Fotos de Moreré por ordem: Marina Silva (1ª), www.bahia-online.net (2ª) e Ismael Celis (3ª)


Artigos Relacionados


Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


18 comentários

  1. Sirlene
    Comentário do dia 28/2/2007 às 13:03

    Lugar perfeito para sua lua de mel: você vai ter muito o que fazer. hahahaha

    (Responder)

  2. edileuza
    Comentário do dia 28/2/2007 às 13:56

    pq naum a minha cara tbém????? isto é preconceito contra tia preta, né?
    snifffff….. sniffff!!!!!!!!!!

    (Responder)

  3. Muricando
    Comentário do dia 28/2/2007 às 15:16

    A gente devia processar o UOL. Onde já se viu divulgar um lugar desses (lindo, mas sem estrutura para receber turismo de massa!)na página principal do site? Minhas primas estiveram em Moreré no ano passado (também nunca tinha ouvido falar) e disseram exatamente isso: cheio de gringos e uma excursão só de israelenses!!!!

    (Responder)

  4. Sirlene
    Comentário do dia 28/2/2007 às 16:04

    Continuando: dizem que está perto de Morro de São Paulo (que não tem nada também), mas pelo menos já existem pacotinhos da CVC para Morro, o que significa que pelo menos mais farofeiro (ops!), GENTE quer dizer, deve ter!

    (Responder)

  5. Patricia de Camargo
    Comentário do dia 28/2/2007 às 17:33

    Silvinha, neste mês a revista super elitista de turismo: Islas, também deu na capa Boipeba e no interior aparecia esta praia que você apuntou!!! Que coincidência do caramba!!!

    (Responder)

  6. lucia c. lima
    Comentário do dia 28/2/2007 às 22:19

    Achei o texto espetacular. Foi como você disse: eles são os melhores marketeiros do mundo. Por isso, Turomaquia, não foi coincidência não! Os caras são agrassivos mesmo quando querem divulgar uma rota nova!!!

    (Responder)

  7. silvia oliveira
    Comentário do dia 28/2/2007 às 23:34

    Sirlene: hahahahaha! É… pensando bem, tenho de rever meus conceitos!

    Tia Edi: pô, foi mal, não quis magoar! Mas você nem pode reclamar, afinal a Edileuza é a musa do post.

    Muricando: pois um amigo me escreveu hoje e disse que já começou a invasão de turistas "internacionais" em Moreré. Resultado: preços láááá em cima!

    Pati/Turomaquia: essa praia já deve estar bombando faz tempo, eu – pouco fã desse tipo de destino – é que fui pega de "surpresa"!

    Lucia: obrigada! Primeira vez por aqui, né? Concordo, os marketeiros junto com a assessoria de imprensa devem ter mandado informação para o mundo todo!

    (Responder)

  8. Fábio N. Hasegawa
    Comentário do dia 01/3/2007 às 01:47

    Diria, shiiiiiiiiiiu!!!! sobre estes lugares, não comente, não espalhe, deixe que pense que eles não existam, só assim o homem não estraga.

    (Responder)

  9. SÍLVIA OLIVEIRA
    Comentário do dia 01/3/2007 às 02:05

    Tem razão. Mas você viu, não fui eu quem começou com essa história. A culpa é do UOL. 😉

    (Responder)

  10. Tia Edi
    Comentário do dia 01/3/2007 às 20:34

    Que issaaaa!!!! Jericoacoara até tinha gente….. tinha forró….. sanfoneiro e uns mulatos de lamber os beiços, ara!
    Tinha até ua Edileuza lá!!
    O camarão era do tamnho de uma lagosta, que aliás, era feita no leite de cabra!
    Uma iguaria e tanto!!!!
    Só não conheciam folha de cheque!!!!!! Era só no dinheiro mesmo!!!!!!!!! Muito espertos!!!!
    Bjus

    (Responder)

  11. Dani
    Comentário do dia 25/7/2008 às 13:10

    Melhores opções de hotéis, preços e segurança acesse o site http://www.rbhpraias.com.br
    É muita fácil e prático. E ainda se tiver qualquer dúvida entre no atendimento on line.
    É so clicar e conferir!!

    (Responder)

  12. Raquel
    Comentário do dia 23/4/2009 às 09:29

    Silvia felizmente tenho que concordar e discordar! rss
    Ok… como disse em meu primeiro post sobre os baianos – nós não nascemos – estreamos! e fazemos estréias para os outros também. Vê-se encontrar os "baianos" fazendo "baianadas" para todo mundo ao longo do Brasil!
    A Bahia, assim como o Nordeste, tem um defict em quase tudo relacionado à vida sóciocultural – e nem vou entrar no mérito sócioeconomicopolitico…
    Qualquer show nacional, qualquer peça de teatro, qualquer exposição mais elaborada, qualquer lançamento de moda ou, mesmo, o onipresente celular só chega por aqui de 4 a 6 meses de ser lançado, na melhor das hipóteses, depois do eixo sul/sudeste do país.
    Assim, marketear o que nós temos de melhor e mais atrativos… desculpem-me é quase chover no molhado e nada mais do que o óbvio.
    Moreré é linda mesmo, de verdade, e com suas praias e vegetação estilo viagem & turismo, assim como todo o litoral sul da Bahia a começar, e an ordem, por Morro de São Paulo – Boipeda – Moreré – Barra Grande/Camamu (meu lugar predileto!) – Itacaré – Ilhéus – Porto Seguro/Trancoso/Praia do Espelho – Cumuruxativa/Caraíva/Abrolhos tudo lindo e de tirar o folego mesmo pra mim que também adoro uma civilização e seus casarios surpreendentes!
    Que digam e falem mais sobre essas lugares paradisíacos… mas só o suficiente pra não encher de gente desnecessária!
    Bjos
    Raquel

    (Responder)

  13. Márcio
    Comentário do dia 17/7/2009 às 19:25

    Moreré é um pedacinho do paraíso e fica bem pertinho de Morro de Sao Paulo.

    (Responder)

  14. Nativo
    Comentário do dia 22/9/2009 às 17:20

    Olá invejosos de plantao. Nao venhao pra cá mesmo nao. Nao divulguem nada da Bahia nao. Nao queremos ninguem enchendo nosso saco por aqui e principalmente em nossos paraísos. Fiquem aí no sul mesmo, aqui nao é lugar de gente stressada e invejosa. querendo sempre um atedimento rápido. Vao gastar o dinheiro que vcs "tem" na Europa mesmo. Ou fica por aí mesmo, com toda essa poluiçao. Hahahaha…

    (Responder)

  15. Comentário do dia 22/12/2012 às 14:43

    Boipeba realmente é um paraíso! Passei meu níver lá e foi muito divertido! A naturezaéexuberante mas ficar mais de 3-4 dias édificil, pois além da praia e da natureza não existem muitas opções, maspara quem visita Boipeba, Morro de SP só fica um pulo dai, vale muito a pena visitar também!

    (Responder)

  16. Bruna Araújo
    Comentário do dia 01/4/2015 às 15:49

    Silvia, você conheceu Morro de São Paulo? O lugar é lindo e, ao contrário do que disse de Moreré, é super agitado!! Tem também Barra Grande/Península de Maraú, que abriga lindas praias, como Taipú de Fora!

    (Responder)

    Resposta de Ramila Almeida de jesus

    Meu refúgio! Amo o litoral sul da Bahia.

    (Responder)

  17. Cristiane
    Comentário do dia 17/4/2015 às 16:32

    Moreré é realmente um paraíso. Pelo menos uma vez ao ano vou até lá. É uma praia da ilha de Boipeba e os restaurantes que ficam nesta praia são de nativos… há pousadas em toda Boipeba de gringos que foram para lá, como muitas, de nativos. Considero um dos meus refúgios na minha terra. Lá você não encontra nada muito sofisticado, é realmente curtir a natureza. È muito mais freqüentada por baianos que estrangeiros, muitas pessoas acabam conhecendo quando vão ao Morro e oferecem o passeio que passa por lá. Não concordo com muitas coisas desta matéria. È um lugar que freqüento há 10 anos e consegue manter sua característica. Todos da terra que vão até lá se encantam, e não tem como não se encantar. E de verdade não é marketing, agente que vive uma vida cheia de correria, sem pasas, Moreré –Boipeba é um belo refugio com paisagens maravilhosas, por do sol, encantador e só que conhece pode descrever.

    (Responder)

  18. Ramila Almeida de jesus
    Comentário do dia 09/9/2016 às 21:52

    Sou visitante assídua do litoral baiano. E, ao contrário dos comentários, não tenho o que falar de ruim…rsrs Morro de São Paulo, incrível! Trancoso, maravilhoso! Itacaré, charmoso e viciante. Serra grande, Itaipus de fora, praia dos algodões, beleza e paz! .. Enfim, todos muito bem recomendados.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Preciso percorrer essa região com calma, com certeza deve ser lindíssima. 😉

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar