sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Mousse de Amora Light

Acordei com aquela vontade de colocar algo doce na boca. (Não, chega de chocotone!) Primeiro, pensei num pudim. O de leite. Era essa textura que queria. Algo que derretesse na língua, fosse fácil de degustar. Bem a cara de um domingo preguiçoso. Mas eu ando comendo pudim de leite toda semana, lá na cafeteria perto do meu trabalho.

Tem que ser algo diferente, com toque mais cítrico – matutei. “Por que você não faz mousse de maracujá?”, me perguntou o Raul. Ah, mousse de maracujá é tão batido. Mas era isso, eu queria mousse! Daquelas que quando a gente enfia a colher depois de pronta rompe uma fina película para revelar um manjar, ops, uma mousse cremosa e festeira.

Olha que sorte: tínhamos amoras frescas na geladeira (bem típicas nesta época do ano) e gelatina de amora ligth que já estava quase vencendo no armário. Nem pensei duas vezes. Aquela sobremesa refrescante, super bonita e que parece que você passou hoooras na cozinha preparando.

Ingredientes:

1 caixa de gelatina ligth sabor amora
1 lata de creme de leite light
1 lata de leite condensado ligth
250 ml de água fervente
Amoras frescas para decorar

Mode de preparo:

Dissolva a gelatina na água fervente e reserve. Bata no liquitificador o creme de leite e a lata de leite condensado. (Eu coloquei menos leite condensado para ficar menos doce!) Depois adicione a gelatina dissolvida (já resfriada) pouco a pouco e vá batendo em baixa velocidade até misturar tudo e se transformar num creme homogêno. Despeje em taças individuais ou em um refratário maior. Leva à geladeira por quatro horas. Decore com as amoras frescas.

Dica da Matraca: Para ficar “ligth” de verdade, substitua o creme de leite por iogurte desnatado.

Fotos: Matraca’s Image Bank

Share