quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Óbidos, Portugal: a cidade perfeita

Obidos Portugal Casas Brancas

De todos os meus transtornos obsessivos compulsivos, o mais recorrente é voltar repetidas vezes ao mesmo destino. Faz cinco anos que não saio da mesma rota.

Enquanto meus amigos debulham países como Tailândia, Vietnã ou Índia eu fui e voltei umas cinco vezes de Buenos Aires. Florença? Três vezes. Gramado? Quatro. Aliás, o lugar mais exótico do meu currículo recente foi o Sertão Nordestino.

Obidos Portugal Dicas Turismo

Sou apegada a algumas cidades e a determinados tipos de culturas. Chego a ir mais de cinco vezes por ano a São Paulo… para turistar! Há pouco tempo me apaixonei por João Pessoa e, vira e mexe, me pego olhando passagem Curitiba-Jampa.

Por outro lado a coisa mais generosa que o Matraqueando me proporcionou foi poder voltar com mais calma a lugares já visitados, tudo por conta do trabalho. (Juro, gente, isso é meu trabalho!). Foi assim com Óbidos, a 80 quilômetros de Lisboa. Esses lugares pitorescos deixam uma saudade imensa, mas mesmo que você queira parecem que estão fora de mão para retornar.

+ E-book | O Barato de Lisboa –> baixe o seu agora mesmo!

Obidos - Portugal  Ruelas

Estive aqui na encarnação passada. No tempo em que ter máquina digital era coisa dos Jetsons. Mas se você fuçou nos arquivos do brogue já deve ter encontrado alguma referência a essa cidadezinha muralhada.

Costumo dizer que Óbidos e Ronda (na Espanha) são minhas duas cidades perfeitas, ao lado de Tiradentes, no Brasil. Para quem gosta de chão de pedra, casa caiada, florzinhas na janelas e, sobretudo, muita história por trás dos paralelepípedos encontrou seu lugar.

Obidos Portugal Lojinhas

Obidos - Portugal 1

A vilarejo sempre foi pomposo e costumava ser presente de casamento das rainhas portuguesas. Fazia parte do dote. Alguns séculos se passaram e quase nada mudou por aqui. Visitar Óbidos é bem fácil e o passeio pode ser feito num bate e volta a partir de Lisboa. Se preferir, pode dormir uma noite na vila medieval.

A cidade também é uma ótima base para fazer a rota AlcobaçaBatalhaFátima, com esticadinha a Nazaré, Tomar e Peniche. Apesar de minúscula, tem diversas opções de hospedagem  — incluindo o Castelo de Óbidos que virou hotel de charme e é Patrimônio Nacional.

Obidos - Portugal  Turismo

São duas ruas principais e diversas transversais. O casario abriga cafés, restaurantes, pousadinhas (encontrei várias a partir de € 40 o casal), artesanato e pontos de venda da ginginha — um licor feito com a ginga, uma cerejinha que nasce em abundância na região. O licor é servido num copinho de chocolate e custa € 1, incluindo o copinho.

+ Leitor do Matraqueando tem 15% de desconto no seguro de viagem da Mondial. Pegue seu cupom aqui!

Obidos Portugal Lojas

Cheguei à cidade desenxabida. Aquele sol maravilhoso que me acompanhava há dias, apenas dava as caras de vez em quando. Pensei até que fosse chover. Comecei a percorrer Óbidos com a máquina fotográfica dentro da bolsa, achando que a falta de sol iria prejudicar o Matraca’s Book. Mas cidades perfeitas são perfeitas. Ponto.

Obidos - Portugal  Miradouro

Não existe um só cantinho em Óbidos que não seja fotogênico. Faça chuva ou faça sol. Quando a gente cruza o arco na entrada, chamado de Porta da Vila,  não dá para pensar em correria. Por isso, esqueça as recomendações absurdas de “em duas horas você conhece tudo”.

Não, em duas horas você passa por aqui, mas não conhece nada. Óbidos é passeio para dia inteiro, com parada para almoço. Tome um vinho, prove a ginginha ou algum doce português.

Obidos Portugal Arco da Cadeia

Para facilitar sua visita, assim que chegar vá ao centro de informações turísticas e pegue um mapinha. Fica mais fácil para circular e identificar os atrativos. Observe a majestade da fortificação de origem moura. A construção começou lá pelo século 12, quando os árabes acabaram sendo expulsos daqui.

Obidos Portugal Igreja

Logo abaixo da Rua Direita (não se preocupe, você vai achar) está a Igreja de Santa Maria, onde Afonso V se casou com a prima Isabel. Na mesma praça fica o Museu Municipal com obras que marcaram a devoção religiosa da cidade. Destaque para as pinturas de Josefa de Óbidos que, apesar de ser espanhola, passou grande parte de sua vida aqui.

+ Booking.com | Hospedagem boa e barata em Óbidos

A vila está sobre uma colina. Tem várias igrejinhas e até um aqueduto com 3 quilômetros de comprimento que foi construído a mando da rainha D. Catarina da Áustria, mulher de D. João III.

Obidos Portugal Pousada do Castelo

Obidos - Portugal Pousada do Castelo Restaurante

Obidos - Portugal Pousada do Castelo Restaurante Creme de Camarao

Mas o ponto alto da minha visita, dessa vez, foi um creme de camarão que comi na Pousada do Castelo, monumento eleito recentemente (que virou hotel, repito) como um das Sete Maravilhas de Portugal.

O creme em si era mais ralo do que caldo de legumes, mas por € 15 (além do creme, pedi uma entradinha e água) pude circular pelo hotel e comer naquele restaurante podre de chique que, ainda por cima, oferecia uma vista maravilhosa. (Diárias para casal a partir de € 190).

O local é bem formal, silencioso – mas pelo o que eu vi no cardápio (peixes, bacalhau e caldeiradas) o jantar completo com vinho sai em torno de € 50 por pessoa. Nada absurdo, tratando-se de quem e onde.

+ E-book | O Barato de Lisboa –> baixe o seu agora mesmo!

Obidos Portugal Entradinhas Restaurante castelo

Obidos Restaurante Pousada do Castelo

COMO CHEGAR

Óbidos merece um dia inteiro, embora muita gente (principalmente as excursões) incluam vários atrativos no mesmo roteiro, como Batalha, Alcobaça e Fátima. O ideal seria dormir uma (ou duas noites) na vila medieval e daqui conhecer a região que ainda inclui Nazaré, Tomar e Peniche.

De carro |  Pegue a rodovia A8 em direção a Leiria. Você sai da autoestrada na saída 15. São 80 quilômetros feitos em mais ou menos em 1h. O pedágio custa € 4,65.

 De ônibus | É muito fácil chegar a Óbidos de ônibus. A RodoTejo faz o trajeto saindo da estação de Campo Grande (linha verde), em Lisboa.  São vários horários por dias.  A viagem dura 1h e a passagem custa € 7,55. Da rodoviária até a Porta da Vila é um pulo.

De trem | Há uma parada de trem em Óbidos, mas fica bem longe da vila.

Óbidos combina com

Lisboa

Batalha

Alcobaça

Nazaré

Fátima

___________________

Texto e fotos: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.

Banner Guia Lisboa 2014

Share