-  Atualizado 05/12/2016

Pará | Como chegar à Ilha de Marajó

Publicado por: Silvia Oliveira Belém, Ilha de Marajó

Ilha de Marajo Fazenda Sao Jeronimo Passeio Bufalo

Passeio de búfalo na Fazenda São Jerônimo, Ilha de Marajó

*Post atualizado em dezembro de 2016.

Nossa viagem ao Pará incluiu uma esticada oportuna à belíssima Ilha de Marajó, o maior arquipélago fluviomarinho do mundo. Para chegar a este reduto de búfalos — o maior rebanho do país — e igarapés você tem que fazer uma travessia de catamarã, navio ou balsa (ferryboat) a partir de Belém.

Existem dois terminais hidroviários, um na região portuária de Belém (para quem está sem carro) e outro em Icoaraci (para quem está com carro), distrito a 20 quilômetros da capital. Em qualquer um dos casos você desce no Porto de Camará, município de Salvaterra — já na Ilha de Marajó. Você só desce direto em Soure (a “capital” da ilha) se optar pelo Catamarã Tapajós Expresso que faz o trajeto em duas horas, saindo de Belém.

Caso vá sem carro e opte pelo barco mais lento (nosso caso, já que quando fomos ainda não havia o catamarã expresso), ao chegar a Salvaterra você verá diversos ônibus, vans e táxis que levam ao centrinho de Salvaterra (25 km a partir do porto), Soure (30 km a partir do porto) e Cachoeira do Arari – cidadezinha minúscula que abriga o Museu Histórico do Marajó (70 km de Soure e mais duas horas de viagem por estrada de chão).

Como ir a Ilha de Marajo

Como ir de Belém à Ilha de Marajó

– DE BALSA E NAVIO

Saindo do Terminal Hidroviário de Belém (para quem está sem carro)

Quem opera | Arapari Navegação (91) 3242-1870 | 3242-1570

Destino | Belém –> Salvaterra (Porto de Camará)

Horário | Segunda a sábado, 06h30 e 14h30. Domingo, 10h.

Destino | Salvaterra (Porto de Camará) –> Belém

Horário | Segunda a sábado, 6h30 e 15h. Domingo, 15h.

Duração | Mais ou menos três horas e meia de travessia e mais 30 minutos de van/ônibus até o centro da cidade.

Quanto custa | A partir de R$ 20 sem ar condicionado e R$ 35 com ar condicionado. (Nós escolhemos a mais cara, mas o ar era tão gelado que eu desci para a classe econômica e fui de ventinho natural.) 😀

IMPORTANTE | Eu comprei as passagens na hora, um pouco antes de embarcar, mas se for alta temporada ou fins de semana recomendo comprar com antecedência e confirmar os horários de saída dos barcos que, eventualmente, sofrem pequenas alterações.

Ilha de Marajo Fazenda Sao Jeronimo

Saindo do Terminal Hidroviário de Icoaraci (para quem está com carro)

Quem opera | Henvil Navegação | (91) 3246-7472 (Guichê no Terminal Rodoviário para venda de passagens) e (91) 98114-9054

Destino | Belém (Porto de Icoaraci) –> Salvaterra (Porto de Camará)

Horário | Segunda a domingo, às 6h e às 7h. Em algumas quartas-feiras não sai às 6h, mas às 7h e às 8h.

Destino | Salvaterra (Porto de Camará) –> Belém (Porto de Icoaraci)

Horário | Segunda a sábado, 15h e 16h e domingo, 16h e 17h.

Duração | Três horas de travessia e mais 30 minutos de van/ônibus até o centro da cidade.

Quanto custa | R$ 108,10 por carro incluindo o motorista. R$ 15,50 por passageiro extra. Crianças abaixo de seis anos não pagam.

ATENÇÃO | Os horários de saída do Porto de Icoaraci mudaram recentemente (este post contém dados atualizados em dezembro de 2016), mas confirme antes de ir, ligando no guichê da Henvil na rodoviária de Belém: (91) 3246-7472. Se for alta temporada recomendo comprar a passagem com antecedência.

Ilha de Marajo Fazenda Sao Jeronimo Igarapes

Maguezal inacreditável na Ilha de Marajó

— DE CATAMARÃ

Desde o fim de 2015 ficou muuuito mais fácil chegar à Ilha de Marajó. \0/ Agora, o catamarã Tapajós Expresso faz a travessia em apenas duas horas. Ele sai do terminal hidroviário de Belém e desce diretamente em Soure. Ou seja, se sua hospedagem é em Soure, compensa muito mais você pegar o catamarã (mesmo que custe um pouquinho mais caro) em vez do barco que atraca em Salvaterra (e daí passar por toda aquela baldeação de ter que pegar van e barquinho para, enfim, chegar a Soure.)

E quem estiver hospedado em Salvaterra também pode pegar o catamarã. Depois de Soure, ele segue até Salvaterra — aumentando em meia horinha a viagem.

A passagem custa R$ 50 e — maravilha das maravilhas — o tíquete pode ser comprado on-line. (Valores de janeiro de 2016.) Na ida, o Tapajós Expresso tem saídas  de Belém todos os dias, às 8h (chega às 10h). E na volta, sai de Soure de segunda a sexta, às 14h30 (chega às 16h30) e aos sábados e domingos, às 16h (chega às 18h). De qualquer maneira, antes de ir confirme os horários aqui ou pelo telefone (93) 3523-0788.

Como é a viagem de barco de Belém a Ilha de Marajó

Nós fizemos a travessia partindo do Terminal Hidroviário de Belém. (Quando eu fui ainda não havia o catamarã rápido!) O local não tem pinta nem muita estrutura turística. Por certo, o sistema é todo voltado para os moradores da região. Os turistas vão de gaiato. Mas recentemente o terminal foi reformado e está com uma apresentação bacana.

Como ir a Ilha de Marajo Para

O setor de embarque fica lotado, mas não há tumulto. Na hora de entrar no navio há fila preferencial para idosos e gestantes. A viagem dura 3 horas e meia e foi bem tranquila. É recomendável chegar, pelo menos, com 30 minutos de antecedência para evitar imprevistos.

Como ir a Ilha de Marajo Soure

Quem opta pela classe “econômica” viaja na parte de baixo do navio em bancos de plástico. Na “Sala Vip” (poizé!) os bancos são iguais aos de um ônibus executivo e tem ar condicionado.

Mas o ar estava tããão gelado que eu tive que sair de lá e voltar para a econômica de onde, aliás, a viagem é muito mais agradável para ver a paisagem. Importante: nem toda embarcação tem a opção de Sala Vip com ar condicionado.

Como ir a Ilha de Marajo Salvaterra

O “serviço de bordo” é bem informal. Há vendedores ambulantes oferecendo de um tudo! Você consegue comprar salgadinhos, sorvete, água e refrigerante. Tudo com preços acima da média. Sugiro levar uma matulinha com sanduichinhos e frutas para comer bem sem gastar muito.

Belem Ilha de Marajo Paisagem 1

Chegando à Ilha de Marajó

Como já disse acima, se você optar pelo Tapajós Expresso,  o catamarã vai descer diretamente em Soure (e depois faz uma paradinha em Salvaterra). Mas se você vier de navio/balsa, só resta atracar no Porto de Camará. Os ônibus e vans que fazem o traslado para Salvaterra, Soure ou Cachoeira do Arari só ficam ali no Porto de Camará na hora do desembarque das balsas e navios, portanto não enrole muito para sair da embarcação.

Nós demoramos para descer a fim de evitar tumultos (estávamos com uma criança e o barco, lotado) — e quando chegamos ao ponto do transporte (em frente ao porto) já não havia mais uma só vanzinha. #pânico

Foi um desespero porque, em tese, só no próximo desembarque (mais umas três horas de espera) apareceriam novos fretes de turistas. Mas como havia muuuita gente (entre visitantes e locais) que ainda não haviam pegado a condução, nos disseram que era só esperar mais um pouquinho.

E, de fato, depois de 10 minutos de espera embarcamos rumo ao centro de Salvaterra onde ficamos hospedados. Não me lembro ao certo, mas acho que o ônibus custou R$ 10 por pessoa.

Como ir de Salvaterra a Soure (e vice-versa)

Soure e Salvaterra, as duas principais cidades da Ilha de Marajó, estão separadas pelo Rio Paracauari. Nós ficamos hospedados em Salvaterra, mas o município de Soure — chamado de “capital” da ilha — é mais agitado e tem centrinho comercial e restaurantes mais robustos.

Como ir de Salvaterra a Soure

Travessia entre Salvaterra e Soure

Para ir de Salvaterra a Soure (ou vice-versa) é necessário pegar uma balsa (gratuita para passageiros, carros pagam uma taxa) que cruza o rio de hora em hora. A travessia é bem rápida, cerca de 10 minutos. Funciona de segunda a sábado até às 19h e no domingo até às 18h.

Como ir de Salvaterra a Soure rabeta

Se você estiver de carro fique atento a estes horários. Mas se estiver a pé ou de moto, existem pequenos barcos, as tradicionais rabetas (foto acima), que fazem a travessia 24 horas, mas o serviço custa R$ 2,70 por pessoa/trecho (valores de janeiro de 2016). É só chegar ao ponto de embarque que sempre aparece alguém para te levar.

– DE AVIÃO

Uma aeronave monomotor turboélice da empresa TWO, com capacidade para nove pessoas, opera a linha comercial Belém-Soure desde outubro de 2016. A TWO é uma das companhias áreas credenciadas ao programa “Voe Pará”, uma iniciativa do governo do estado para melhorar a acessibilidade às ilhas.

Os voos acontecem às segundas e sextas-feiras, às 11h (chega 11h20). No retorno, a decolagem será às 11h40 (chega em Belém às 12h). São apenas 20 minutinhos de viagem. A passagem custa R$ 165 cada trecho. Se comprar ida e volta sai por R$ 285.

Os voos partem do aeroporto de Belém, setor dos hangares. Informações e compra pelos telefones (91) 32466691, 32469301 e 30863964 ou pelo e-mail vendas2@bonnaviagens.com.br. O pagamento é feito por transferência bancária e o voucher é enviado por e-mail.

Posts relacionados

Ilha de Marajó | Fazenda São Jerônimo: um resumo do Soure, a “capital” da ilha

Belém | Feira do Açaí: a essência da identidade paraense

Belém | Mercado Ver-o-Peso: turismo de experiência

Por trás da Portinha de Belém

Leia também

Cinco atrações grátis e estreladas em Manaus

Manaus | Encontro das Águas – Parte 1

Manaus | Encontro das Águas – Parte 2

As comidinhas de Manaus

Teatro Amazonas: galeria de imagens

__________________

Fotos: Raul Mattar | Todos os direitos reservados. ©



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


31 comentários

  1. Poliana
    Comentário do dia 15/6/2015 às 14:25

    Oi Sílvia, será que você poderia dizer como é esse barco para quem enjoa fácil? Essa pergunta vem de uma pessoa que viu a morte no catamarã de Morro de São Paulo e 2 Dramins não fizeram nem cosquinha!!
    Obrigada!!!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Poliana! Foi bem tranquilo, eu sou dessas que enjoam superrrrr fácil, nunca fiz um cruzeiro na vida por conta disso. Quase desisti quando descobri que tinha que fazer essa travessia. Mas lendo relatos vi que não era tão assustador. Eu não peguei chuva, mas quando está chovendo dizem que o barco balança mais. Não sei se você já fez a travessia entre São Luís e Alcântara (no Maranhão). Aquilo, sim, é de matar! 😉

    (Responder)

    Resposta de Poliana

    Ai que bom ouvir isso! Pra quem enjoa são fatores decisivos na hora de escolher uma viagem, hahah!

    Muito obrigada!!

    (Responder)

    Resposta de Silvana

    Boa tarde, visitarei a ilha de marajó neste ano, em fevereiro. Também tenho problemas de enjôos. Vou levar repelente e tomei a vacina de febre amarela. Bjs.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Vai dar tudo certo, Silvana. Boa sorte! Abs!

    (Responder)

  2. Comentário do dia 05/7/2015 às 11:49

    Sílvia, uma dúvida: Por que vocês preferiram ficar em Salvaterra, não em Soure?

    Valeu a pena? Vou em agosto e estou gostando mais das opções de hospedagem em Salvaterra, mas estou com medo da localização em Soure ser muito mais interessante.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Rafael, quando eu fui escolher o hotel, a opção mais barata e com melhor nota no Booking.com estava em Salvaterra. Adoramos a Pousada Bosque dos Aruãs, mas, de fato, a maioria dos passeios acontecem a partir de Soure. Tivemos que atravessar todos os dias para Soure (a pousada ficava perto do rio, dava para ir a pé pegar o barco). Mas à noite em Salvaterra não havia nada, só em Soure. Abs!

    (Responder)

  3. Clodoaldo A.Anjos
    Comentário do dia 31/7/2015 às 20:38

    Olá ,as informações me foram super úteis,sou de São Paulo e não conheço nenhum estado da Região Norte.Viajarei com minha esposa para Belém dia 5/9/15, ficarei até dia 12.Na verdade conheço apenas uns sete estados do Brasil.Conheço 16 paises da Europa.O jeito é explorar o Brasil no momento está mais barato.Valeu

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    É isso aí, Clodoaldo! Boa sorte!

    (Responder)

  4. Chayenne Orru Mubarack
    Comentário do dia 13/8/2015 às 10:50

    Olá Silvia! As informações são muito interessantes. Gostaria de saber se vc fez a travessia de Santarém para Manaus e se existe algum barco que saia direto de Marajó para Santarém. Vou no final do ano e, como não conheço muito, estou perdida!
    Obrigada

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Chayenne! Não fiz essa travessia, não. Quem esteve por aquelas bandas foi a Cassiana do blog Outras Terras: Veja aqui: http://www.outrasterras.com.br/tag/santarem/ Abs!

    (Responder)

  5. Miller Victor
    Comentário do dia 20/8/2015 às 02:28

    Fui nesse ano pra Salvaterra, peguei um navio com bastante conforto, podia escolher 3 opções de lugar, Econômica, espaço cultural e vip, sendo que espaço cultural e vip era no conforto no sentido de ir em bancos melhores, ar, assistindo filme. Navio de ótima estrutura o nome dele é Alguma coisa Soure. Os preços se não me engano é; econômica 20, espaço cultural 28-30, vip 30-35.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    São empresas diferentes operando o trajetos, algumas oferecem barcos com mais “estrutura”. 😉

    (Responder)

  6. Comentário do dia 12/9/2015 às 20:53

    Adorei as informações. estou em Belém e vamos amanhã pra Marajó. As fotos me tranquilizaram. já comprei as passagens, mas bateu uma certa insegurança. Espero voltwr com novidades.

    (Responder)

  7. Comentário do dia 14/9/2015 às 00:02

    Oi Silvia! Tudo bem?! Obrigada pelas dicas! Adorei! Vou pra Belém/Marajó em outubro e não consigo me decidir se alugo um carro pra ir pra Marajó ou não… Muita gente fala que o carro te dá uma liberdade maior, mas será que compensa?!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Alessandra, você vai sozinha? Se for com mais pessoas um carro compensa e muuuito! Duas corridas de táxi para ir às praias ou às fazendas já custam a diária do carro. Se você dirigir moto, também tem para alugar lá. Nós alugamos moto por dois dias. Abs!

    (Responder)

    Resposta de Alessandra

    Oi Silvia, obrigada pela resposta. Vou com minha companheira, e estamos analisando todas as opções pra conseguir aproveitar ao máximo a viagem… Estou achando os valores de aluguel de carro muito altos: R$500 e tanto + R$2000 e tanto de travessia, + as balsas pra Soure + a gasolina… será que em 2 gastamos tudo isso de taxi?! Mototaxi é uma opção?!

    SOS!!! Não sei o que fazer! Bjos e obrigada!

    (Responder)

    Resposta de Alessandra

    ops… R$2000 não, R$200…

    Resposta de Silvia Oliveira

    Alessandra, acho nesses preços o aluguel do carro tá ficando caro mesmo. Gastaria beeem menos de táxi e/ou mototáxi. Abs!

  8. Jennyfer Correa
    Comentário do dia 23/9/2015 às 18:44

    Oie Silvia , assisti a sua palestra em belém no teatro maria sílvia nunes, sobre “Turismo e as mídias sociais” e gostei muito. Vim dar uma conferida na matéria sobre o marajó e de novo gostei muito, parabéns pelo seu trabalho e obrigada por ajudar a compartilhar esse estado que eu faço parte e que amo muito, sou acadêmica de Turismo, sei das inúmeras dificuldades que enfrentamos, mas também sei do imensurável potencial turístico que temos.!
    Obrigada!

    (Responder)

  9. Adriana
    Comentário do dia 05/10/2015 às 18:36

    Olá Silvia,

    Tudo bem? Adorei seu post. Você poderia me dizer se é possível/vale a pena ir e voltar de Marajó no mesmo dia? Deve ficar corrido né? Obrigada, abraços!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Muuuito corrido, Adriana! Imagine que são mais de 3 horas para ir e mais de 3 horas para voltar. Os passeios lá não são muito perto. Enfim, no mínimo dois dias. Boa sorte! 😉

    (Responder)

  10. Rivaldo
    Comentário do dia 21/10/2015 às 00:39

    Sou filho de Soure, com 16 anos tive que vir pra capital por causa dos estudos
    Estou voltando agora a trabalho e devo firmar residência, só aviso
    A todos que lerem este comentário… Não tem lugar no mundo melhor
    Para curtir as férias…

    (Responder)

  11. Luiz
    Comentário do dia 07/11/2015 às 10:18

    Oi Silvia! Recentemente comecou a operar uma lancha para o trajeto belem (terminal hidroviario)->soure e vice-versa. A travessia diminuiu para 2h. Pela empresa Tapajós Expresso. Link para a compra de passagens https://ecommerce.viacaoouroeprata.com.br/cgi-bin/br5tp.cgi

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Mas já entrou em vigor??? Vi um post na página de turismo do Pará no Facebook, mas achei que só começava em dezembro a travessia! Valeu, obrigada pela dica! 😉

    (Responder)

  12. Comentário do dia 09/11/2015 às 18:06

    MORO EM SAO PAULO E PROCURO PARENTES QUE MORA EM SOURES NA SETIMA RUA CHAMA ZICMINHA CUNHADA E CONHECIDA PELO NOME DE ZICO TEM UMA FILHA QUE SE CHAMA RAIMUNDA TEM MAIS IRMAO MAS NAO CONHEÇO TEM COMO ME AJUDAR ENCONTRAR MEU MARIDO SE CHAMA JULIO LEAL DOS ANJOS ELE NASCEU EM SOURES E ESTA PROCURANDO A IRMA QUE SE CHAMA MARIA DE BELEM CONHECIDA COM O APELIDO DE ZICO A 50 ANOS QUE NAO A VE ELA MEU TELEFONE E 011 46812470 OBRIGADO

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Puxa, Maria Gorete! Não tenho como intermediar isso. Só visitei a cidade como turista. Mas ligue para a prefeitura de Soure. De repente, eles têm alguma ação social que possa te ajudar nessa procura. Boa sorte! 🙂

    (Responder)

  13. Thiago Sganzerla
    Comentário do dia 26/11/2015 às 13:17

    Ola Silvia,

    Vou a Belem e ficarei 6 dias (em Julho/16), ainda não decidi todo o cronograma. Quantos dias tu acha ideal ficar em Belem e quanto na Ilha de Marajó?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Thiago, acho que uns 3 dias inteiros em Belém e uns três dias inteiros no Marajó!

    (Responder)

  14. Sandra
    Comentário do dia 27/11/2015 às 18:51

    Olá Silvia, vi pelo G1 que a partir de dezembro saira uma lancha (catamar?) onde cabem 132 pessoas com lugar marcado, preço da passagem R$ 48,00 e vai direto para Soure com duraçâo de 2 horas e meia, achei bem legal e resolvi compartilhar, afinal seu site ja me ajudou muito, bjks

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Sandra! É verdade. O Luiz já até deu a dica aí em cima, dizendo que já começou a operar. (Eu também achei que era em dezembro!) Vou confirmar as informações e atualizar o post! Muito obrigada! Bjs! 😉

    (Responder)

  15. César L Freiberger
    Comentário do dia 26/12/2015 às 12:31

    Olá, gostaria de saber o melhor período (mês) para o turismo na Ilha de Marajó, estou em férias em Março/2016, seria uma boa época?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    A melhor época seria de final de maio até o fim de outubro, que é a época de secas. De novembro a meados de maio chove bastante. Abs!

    (Responder)

  16. Natalia Medeiros
    Comentário do dia 06/3/2016 às 16:54

    Olá Silvia,
    Estarei em Belém no feriado de 21.04.16.
    Desejo ir em Marajó no dia 21, apenas um dia. Achas uma boa?
    Natalia Medeiros

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Eu passaria pelo menos uma noite. Mas agora com o barco rápido muita gente tem feito bate e volta. Só que não dá para ver nada, talvez um passeio rápido por Soure. 😉

    (Responder)

  17. Tarcísio
    Comentário do dia 02/4/2016 às 20:28

    Sílvio, muito legal o seu post. Nos serão, certamente, de grande utilidade as informações que você disponibilizou.
    Tarcísio
    São Luís – Ma.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Obrigada, Tarcísio! Boa viagem! 😉

    (Responder)

  18. Raquel Alves da Silva
    Comentário do dia 05/4/2016 às 22:55

    Olá Silvia, muito interessante estas dicas. Irei para Belém em julho deste ano, pretendo ir de navio até Santarém, voltar de avião para Belém e visitar a ilha de Marajó. Chego em Belém no dia 04 a noite e retorno para São Paulo dia 16, qual seria o melhor roteiro a seguir. Tenho hotel reservado em Belém por dois dias. Conto com sua colaboração. Um abraço Raquel.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Raquel! Quando você desembarcar em Belém você teria 12 dias para conhecer a cidade e a Ilha de Marajó? Se for, meu Deus, é tempo suficiente para fazer um roteiro maravilhoso. 😀 Além de Belém (pelo menos três dias inteiros), você pode conhecer as cerâmicas de Icoaracai (na região metropolitana), Praia de Mosqueiro (praia de rio), Ilha de Algodoal (160 km de Belém pela rodovia, mais 40 minutos de barco) e a própria Ilha de Marajó (três dias inteiros para fazer todos os passeios!). Abs!

    (Responder)

  19. joao bomfim
    Comentário do dia 13/4/2016 às 14:17

    oi silvia tudo bem moro em sao paulo interior quero ir com meu pai de 89 anos para belem de onibus com ar condicionado de linha depois pegar o barco pra ilha aca seguro ir por conta con orinetacao como a sua quantos dias preciso para conhecer belem e a ilha de marajo o mais ineressante pois so tenho quinze dias quero sua ajuda obrigado

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, João! Três a quatro dias inteiros para conhecer Belém, mais uns dois ou três dias para fazer os passeios aos arredores e uns 3/4 dias de Ilha de Marajó. Não sei qual o ritmo do seu pai. Talvez seja bom incluir sempre mais um dia para fazer tudo com calma. O detalhe é que a viagem de ônibus deve tomar uns dias a mais. Mas mesmo assim acho que dá para fazer um belo passeio em 15 dias. Abs!

    (Responder)

  20. Comentário do dia 10/6/2016 às 20:23

    Oi Silvia, tudo bem?

    Tô fazendo uma viagem de bike, logo mais chego no Pará e quero ir pra Marajó. Tenho uma dúvida, se puder me ajudar: você sabe se é possível ir de Soure pro lado oeste da ilha, como Chaves, ou direto pra Macapá? Ou teria que voltar pra Belém e pegar o barco de lá?

    Obrigado, e parabéns pelo blog!
    Abraços..

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Xii, Rodrigo. Vou ficar te devendo essa. Num sei, não!

    (Responder)

  21. Yanna Omena
    Comentário do dia 24/8/2016 às 17:12

    Uau, parabéns pelo site e por este post especificamente. Altamente informativo e direcionado! Rico em detalhes e informações importantes.
    Desejo sucesso!

    (Responder)

  22. Flávio Tavares Siciliano
    Comentário do dia 14/11/2016 às 07:46

    Olá, Sílvia, tudo bem? Obrigado pelas dicas e informações, que me serão muito úteis.

    Estou na dúvida ainda sobre a questão do carro. Devo estar em Marajó do dia 13 a 16 ou 17 de dezembro. Pensei em alugar um carro em Belém e seguir na balsa,maçom um custo de diária próximo a 100 reais, mais a gasolina e provável lavagem antes de devolver, ou seja, um custo final próximo a 650 reais, fora o valor da travessia Icoaraci x Camará x Icoaraci e deslocamento entre Soure e Salvaterra.. Estaremos apenas eu e minha companheira, então te pergunto: será que gastaremos isso tudo ou perto disso utilizando o precário transporte da ilha (ônibus, vans e moto-táxis ou táxis)? As distâncias das atrações são tão grandes assim que valham o gasto em função da logística? Há valores para esses passeios ou até mesmo agências locais que os promovam? O transporte desses moto-táxis e afins é tão caro e ruim quanto alguns relatos deixam a entender?

    Tô estudando todos os sites possíveis, e o teu foi o que abordou essa questão com mais profundidade. Mais uma vez, muito obrigado e boas viagens!

    (Responder)

    Resposta de Cecilia Ribeiro

    Olá Flávio, bom dia
    Estou com a mesma dúvida . Gostaria de saber se foi a Belém/Marajó e qual foi a sua escolha.
    Caso tenha optado por alugar um carro em Belém para ir a Marajó, você achou que valeu a pena?
    Se puder me responder por e-mail ou What`s FICAREI MUITO GRATA!
    Obrigada
    cissacecilia@superig.com.br
    11 968351877

    (Responder)

  23. JOAO DOS SANTOS
    Comentário do dia 23/11/2016 às 23:55

    Oi Silvia,
    Que massa ver seu post! que viagem!
    Estou me organizando pra ir a Ilha de Marajo em março. Vou primeiro a MAnaus, et desço até a ilha. Penso ficar uns 15 dias na ilha. Estou te escrevendo pois tenho uma duvida sobre o periodo em que pretendo viajar. Durante o mes de março é um bom periodo pra ir? Não consigo achar informações sobre a temperatura, e a epoca de chuvas….
    Um abraço!

    (Responder)

  24. Sandra
    Comentário do dia 30/11/2016 às 11:14

    Fui a Marajo com a lancha maravilhosa com ar condicionado, filme e duração de apenas uma hora e meia por R$ 50,00, mas agora tem o avião, quase o mesmo preço e mais rápido ainda. Espero que curta bj

    (Responder)

    Resposta de Victor Barros

    Que ótimo Sandra! Qual o preço do avião? tem o link?
    O site do “tapajós expresso hidroviário” parece estar bugado, nao consigo ver os horarios e muito menos comprar por la…

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Para ver sobre as passagens aéreas: telefones (91) 32466691, 32469301 e 30863964. Os voos saem segundas e sextas-feiras. 🙂

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Sandra… a opção do avião é bem legal mesmo, só 20 minutinhos de viagem. Mas o preço é o triplo. Enquanto o catamarã express custa R$ 50 o trecho, a passagem de avião sair por R$ 165, só ida! 😉

    (Responder)

  25. Victor Barros
    Comentário do dia 04/12/2016 às 19:47

    Olá Silvia!
    Obrigado pelas dicas, esclareceu muita coisa. No entanto, o site para compra de passagens, o tapajós expresso ( https://ecommerce.viacaoouroeprata.com.br/cgi-bin/br5tp.cgi), parece nao estar funcionando. Coloco o trajeto BELEM > Soure, e coloco os dias, mas quando clico em consultar, nunca tem serviços disponíveis para a data que eu coloco, e olhe que ja tentei várias! Sabe se ainda está funcionando pelo site?

    Obrigado!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Victor! O novo site é http://www.tapajosexpresso.com.br.
    Abs!

    (Responder)

  26. Comentário do dia 10/2/2017 às 01:59

    Oi Silvia, tudo bem? Em outubro do ano passado utilizei o serviço da Tapajós Expresso, mas a empresa não está mais operando Belém X Soure e Belém X Salvaterra. Abraço,

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Verdade, Marcelo! Desde 21 de janeiro não operam mais o trecho. Alegam demora na entrega de peças para reposição e manutenção dos barcos. Poizé…

    (Responder)

  27. Comentário do dia 25/4/2017 às 17:13

    Vou a Belem em final de julho e inicio de agosto. Este período é considerado alta temporada na Ilha de Marajó? Vai familia 3 pessoas. Gostaria de saber das opções de passeios dentro da Ilha. Gostaria de ver e andar de búfalo e conhecer o interior da ilha.

    (Responder)

  28. Comentário do dia 06/5/2017 às 09:32

    Oi Silvia, muito bom o post. estou afim de conhecer esta maravilha em setembro, vamos de curitiba pra conhecer o carimbó, gostaria de saber se as praias valem a pena mesmo? abração

    (Responder)

  29. Fernando Sabino
    Comentário do dia 15/6/2017 às 08:43

    Olá Silvia, ótimo Post.
    Estou com viagem marcada para Belém de 19 a 25 de setembro agora, com minha esposa, gostaria de saber se 4 diárias em Belém e 2 na ilha de Marajó é uma boa pedida já que não conheço nem um nem outro lugar. Ou deveria fazer uma outra divisão na sua opinião? Não temos problema de mobilidade mesmo tendo 55 e 50 anos respectivamente mas enjoamos com muita facilidade, kakakak… fico no aguardo de um pronunciamento seu. E desde já agradecido pela atenção.

    (Responder)

  30. Diego de Medeiros
    Comentário do dia 31/8/2017 às 16:32

    Olá! Vou passar dias no marajó (ficarei em Soure) e estou em duvido quanto a ir de carro ou não. Podes me ajudar com isso? Pelo que eu vi, pra ir de carro tem 2 barcas de ida + 2 barcas de volta (o que fica inviável por causa do preço). Vi no site https://www.tapajosexpresso.com.br/site/default.asp e não achei a rota BELEM X SOURE (será que estou procurando errado ou não é por esse nome que devo procurar?)

    Muito obrigado

    (Responder)

  31. Angelo
    Comentário do dia 26/9/2017 às 11:37

    Voo de Belém para Soure foi cancelado por pouca demanda. informação da bonnaviagens.com.br que era a representação oficial para a venda.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Obrigada pela dica!

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar