-  Atualizado 07/06/2015

Paris | Museu de Montmartre: onde você encontra o jardim que inspirou Renoir

Publicado por: Silvia Oliveira Paris

Museu Montmartre Paris Rua

O museu que conta a história do bairro mais charmoso de Paris não traz nenhuma obra blockbuster. Ele não deve entrar na sua lista para concorrer com o Louvre. O que conta nesta visita é a experiência de reviver o entusiasmo e a excitação da boemia e dos famosos cabarés que inundaram Montmartre nos séculos 19 e 20.

Museu Montmartre Paris Fachada

Mais do que isso — o prédio, o mais antigo da região — já foi residência e ponto de encontro para diversos artistas como Renoir, Suzanne Valadon e Émile Bernard. Era o lugar onde eu gostaria de estar com as pessoas que eu gostaria de ter conhecido.

Museu Montmartre Paris Entrada

Além do que não há aglomerações nem filas. Dificilmente você vai encontrar aqui turista tirando foto com pau de selfie em frente a algum anúncio de cabaré antigo. Rá!

Museu Montmartre Paris Acervo

Museu Montmartre Paris Moulin Rouge

São pinturas, cartazes, porcelanas, litografias e desenhos assinados por Toulouse-Lautrec, Modigliani, Kupka, Valadon e Utrillo. Uma das salas é inteirinha dedicada ao Cancan, a dança típica dos cabarés franceses.

Museu Montmartre Paris Bar

Até parte do bistrô L’Abreuvoir (foto acima), frequentado por Maurice Utrillo, foi reproduzido com peças do café original.

Museu Montmartre Paris  Chat Noir

À esquerda, o célebre cartaz Le Cabaret du Chat Noir de Steinlen. À direita, a obra Bruant de Toulouse Lautrec.

O cartaz original criado por Alexander Steinlen para o cabaré Le Chat Noir (com seu enigmático gato preto) também faz parte do acervo do museu. A obra é tão famosa que você encontra reproduções dela por toda a cidade, até em cartão postal.

Museu Montmartre Paris Jardim

Já Auguste Renoir chegou a instalar seu atelier aqui em 1876, onde nasceram algumas de suas obras maestras como Le Bal du Moulin de la Galette (O Baile no Moulin de la Galette), um marco da pintura impressionista. (A obra original está no Museu d’Orsay.)

Museu Montmartre Paris La balancoire

O jardim da residência, aliás, foi recriado totalmente baseado nas telas que Renoir fez durante sua permanência na rue Cortot.  Até o balanço que inspirou o belíssimo quadro La Balançoire (foto acima) foi reproduzido nos jardins que circundam o museu.

Museu Montmartre Paris Jardins de Renoir

Eu fiquei meio paralisada com a visita. Por mais que tivesse me preparado eu nunca estaria pronta para chegar tão perto da realidade de Renoir. (Acho que, guardadas as devidas proporções, é a mesma emoção que a gente sente quando visita os Jardins de Monet em Giverny.)

Museu Montmartre Paris Placa Vinhedo

Dentro do museu você tem acesso ainda ao Vinhedo de Montmartre (da vinícola Clos de Montmartre), o último parreiral remanescente da cidade. Fica na esquina das ruas Saint Vincent e des Saules e pode ser visto por fora caso você não visite o museu.

Museu Montmartre Paris Vinhedos e cabare

Daqui você pode avistar o antigo (e ainda na ativa) cabaré Au Lapin Agile (aquela casinha vermelha lááá na esquina). A produção anual é limitada e justamente por isso cada garrafa sai em torno de € 40. A venda é toda revertida para obras de caridade.

Museu Montmartre Paris Vinhedos

Pouco tempo depois da minha visita foi inaugurado o estúdio onde viveu Suzanne Valadon e o filho Maurice Utrillo, parte do complexo que eu não cheguei a conhecer.

O Musée de Montmartre está bem próximo da Place du Tertre (onde vários artistas mantém a tradição impressionista do bairro) e a duas quadras da basílica Sacre Coeur. O espaço pode ser visitado em menos de duas horas.

Mas vá sem pressa. Não é um centro só para apreciar as obras concretas. A essência do lugar esta no que ele foi e representa para a história artística e folclórica de Montmartre.

SERVIÇO

Museu de Montmartre

Local: Rue Cartot 12 – 75018 | Paris | Metrô Lamarck-Caulaincourt ou Anvers + Funicular de Montmartre

Horário: abre todos os dias durante o ano todo, 10h às 18h. Nos meses de maio, junho, julho e agosto fecha às 19h.

Entrada: € 9,50. Crianças até 10 anos não pagam. (A visita guiada custa € 13,50. É necessário reservar.)


Exibir mapa ampliado

Posts relacionados

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Museu Bourdelle: a incrível casa-ateliê do discípulo prodígio de Rodin

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Place des Vosges e Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito em Paris

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez

Como ir do aeroporto Charles de Gaulle ao centro de Paris

França a € 50 por dia

___________________

Fotos: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.© 



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


Um comentário

  1. Comentário do dia 22/3/2016 às 16:58

    Adorei!! A fachada do prédio é linda!

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar