-  Atualizado 09/01/2013

Roma: o sonho de ginásio

Publicado por: Silvia Oliveira Itália, Roma
O primeiro idioma que escolhi para aprender de verdade (depois de anos, em vão, tentando assimilar o inglês) foi o italiano. Era um daqueles desejos pessoais, uma espécie de investimento a fundo perdido, porque é o tipo de língua que você não fala em qualquer outro lugar a não ser na Itália.

Estudei à beça para descobrir que – sem passar um longo período no país – quando você chega a Roma o máximo que sai é ciao e prego. Mas de todos os países europeus que conheço (ainda faltam muitos, è vero) a Itália é onde nos sentimos mais em casa.

É bem provável que na sua primeira viagem para cá, Roma esteja no roteiro. Aliás, Roma, Grécia e Egito estão entre aqueles lugares que povoam nossa imaginação desde as aulas de história do ginásio. E é tudo daquele jeitinho que você imagina e vê nas fotos.

Assim como Paris, Roma é muito mais bonita à noite. Mas somente em um único dia conseguimos superar o cansaço diurno do nosso vai e vem frenético. Foi quando resolvemos sair para conhecer a Fontana de Trevi iluminada. Certamente não fomos os únicos a ter essa idéia. O local fica coalhado de turista, quase não dá para tirar uma foto decente. Até os próprios italianos passam por lá para imortalizar momentos importantes da vida deles.

Mas acho que é de dia que o roteiro na cidade funciona melhor, além de ser menos perigoso. Comece pelo Coliseu (o verdadeiro nome é Anfiteatro Flávio), o mais famoso e antigo monumento de Roma.

Ali aconteciam as brutais lutas de gladiadores. Lá de dentro é possível apreciar por inteiro o Arco de Constantino, construído no século 4, depois de Cristo.

Ao contrário da bobona que vos fala, quando estiver nessa região da cidade não pegue nenhum ônibus turístico. Nem mesmo táxi. Aproveite para gastar a sola do sapato. O arrebatador de Roma está em qualquer esquina, em cima de qualquer calçada. A cada meio passo você se depara com algum sítio arqueológico. O Fórum Romano é um deles.

No momento Ben-Hur da viagem vá ao Circo Maximo, onde os romanos organizavam as espetaculares corridas de bigas e quadrigas, fortemente retratadas no filme protagonizado por Charlton Heston.
.
Seguindo, percorra a Via Apia Antiga para chegar às catacumbas, antigos cemitérios subterrâneos. As Catacumbas retratam a fé dos primeiros caras que aderiram ao cristianismo, cuja crença se baseava (e ainda se baseia) na esperança de vida eterna após a morte.
.

É bom que saiba: por onde quer que você vá os monumentos estarão como a foto acima: apinhados de gente. E depois desse roteiro turistóide-obrigatório – passeie sem rumo pelas praças e cafés da cidade. Resta pouca coisa do que as aulas do colégio ensinavam, mas é o resquício da história e o que sobrou do império romano que fazem do destino um marco na sua trajetória mochilística.
.

Quando se deparar com a Piazza di Spagna, suba a escadaria. Você conhecerá a Villa Borghese que – num clichê bem típico – é uma espécie de oásis urbano, com acolhedores jardins. Mas que quase nenhum guia de viagem comenta ou indica. É a melhor ocasião para cumprir o ditado: em Roma faça como os romanos

Posts relacionados

Europa Barata: Roma pela primeira vez

Itália a 50 euros por dia


Artigos Relacionados


Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


5 comentários

  1. Sirlene
    Comentário do dia 06/10/2008 às 11:53

    uôu, fico uma semana sem aparecer aqui e você desembesta a falar! saudades!

    (Responder)

  2. SÍLVIA OLIVEIRA
    Comentário do dia 06/10/2008 às 13:26

    Ué, tô matraqueando!

    (Responder)

  3. Anonymous
    Comentário do dia 06/10/2008 às 13:39

    Silvia!!!
    Já tava com saudades. Vc não vai acreditar?? Ano q vem, volto pra nossa querida Espanha…(de lei, né?? Joelzinho não perdoa!!) E desta vez quero emendar com algumas outras cidades. Tô achando as dicas da Itália fantásticas. Quem sabe??? né!! Depois vou comentando meus planos!!
    Ahhhh… em Roma, lembrei que na Fontana, de fato ninguém tem uma foto que preste!!ôhhh tumulto!!! E todo mundo nas minhas fotos tá com o bracinho jogando a moeda!!! rsrs… Tá na hora de voltar! Santas moedas…
    Beijocas.
    Nair

    (Responder)

  4. SÍLVIA OLIVEIRA
    Comentário do dia 06/10/2008 às 18:38

    Ow, Nair! Também devo dar uma passadinha na Espanha no ano que vem! O destino principal é a Grécia, que o Raul não conhece ainda. Mas estamos escolhendo a dedo por onde vamos passar antes, afinal vai ter um rabichinho de um aninho nos acompanhando! beijos!!!

    (Responder)

  5. CarlaZ
    Comentário do dia 18/8/2009 às 23:59

    Amei o título! Era meu sonho de ginásio também…lembro com 16 anos a emoção de ver o Coliseu!
    Agora que vou voltar vim pegar algumas imagens;informações por aqui.
    Beijo

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar