terça-feira, 12 de junho de 2012

Europa Barata: Madri pela primeira vez

Gran Via  Madri

A série Europa Barata do Matraqueando pretende matar duas questões com uma só postada: orientar quem vai pela primeira vez à Europa, mas tem o orçamento restrito. Não ambiciono esgotar todos os aspectos da cidade, muito menos elaborar listas do que é ou não é obrigatório fazer nas principais capitais que aparecerão aqui. A proposta é oferecer alternativas que gerem satisfação através da economia inteligente.

MADRI PELA PRIMEIRA VEZ

A capital da Espanha é moderna e progressista. Mas nunca perdeu as tradições nem o aspecto aristocrático. Madri se consagra como uma das cidades europeias mais boêmias e notívagas. Tem padaria que abre às 9h da manhã e restaurante que começa a colocar as mesinhas na calçada para o almoço depois do meio-dia.

Na sua estréia em  Madri você não vai escapar da Gran Vía, avenida emblemática que acabou de completar 100 anos! Já a siesta é o maior patrimônio zen-erudito-cultural da Espanha. É uma espécie de meditação ibérica que ocorre sempre depois do almoço e vai até umas quatro da tarde. Ainda que a siesta não seja tão notada nas cidades maiores, algumas lojas e escritórios da capital fecham as portas das 14h às 17h.

E-book | O Barato de Madri —> Baixe o seu agora mesmo!

COMO IR DO AEROPORTO AO CENTRO

O aeroporto internacional de Barajas, em  Madri, é o maior da Espanha e o segundo maior da Europa. Ao contrário dos aeroportos de Roma e Paris, Barajas está conectado ao metrô (linha 8). As estações estão em dois terminais: T2 (Metro Aeropuerto T1, T2, T3) e T4 (Metro Aeropuerto T4). O bilhete — que pode ser comprado em máquinas automáticas ou nos guichês — custa € 4,50 (tarifa simples de € 1,50 + € 3 do suplemento do aeroporto). O metrô funciona das 6h da manhã às 2h da madrugada.

A Linha Express Aeroporto  funciona 24 horas e o bilhete custa apenas € 5. O ônibus faz somente quatro paradas entre o aeroporto e a estação Atocha. O trajeto até o centro não dura mais do que 40 minutos. Não cobra bagagem. Pode ser uma excelente opção para quem chega de madrugada — quando não há mais metrô — e não quer gastar com táxi. Os ônibus saem, em média, a cada 15 minutos de dia e a cada 35 minutos à noite. A passagem pode ser comprada diretamente com o motorista e o troco máximo é para notas de € 20.

Veja post atualizado de como ir do aeroporto ao centro de Madri aqui.

COMO CIRCULAR NA CIDADE

O metrô de Madri — limpo, organizado e ecológico — é a maneira mais fácil e barata de circular pela capital. A maioria dos atrativos turísticos está próxima de alguma estação. Funciona das 5h30  à meia-noite e meia durante a semana e até às 2h da matina nos finais de semana. O  bilhete simples custa € 1,50. Já o abono que dá direito a 10 viagens sai por € 12.

MADRID CARD

Benefícios | O cartão turístico de Madri dá direito a transporte público gratuito, à  entrada em centros culturais e em mais de 50 museus e monumentos. O detalhe é que esta lista inclui mais de 30 atrações que já são gratuitas sempre.

Validade | É possível comprar bilhetes válidos para um, dois, três e cinco dias.

Quanto custa | O passe de 24h custa € 39, o de 48h sai por € 49, o de três dias está € 59 e o de cinco dias vale € 69.

Onde comprar |  No centro de informação turística da Plaza Mayor, no aeroporto, em alguns museus, hotéis e agências de viagem. Na compra on-line utilizando um cartão Mastercard você ganha 10% de desconto.

Vale a pena? |  Eu acho um passe caro. Quase ninguém consegue visitar três museus, dois palácios e, ainda por cima, andar para cima e para baixo de metrô em 24 horas. Porque só assim para compensar a tarjeta de um dia, por exemplo. Por outro lado, se você pretende visitar o estádio do Real Madri — que custa € 16 e está incluído no Madrid Card — é caso de considerar o passe turístico.

Dica: O Paseo del Arte é um cartão econômico para quem pretende visitar o Museo del Prado, o Reina Sofía e o Thyssen-Bornemisza, mas não quer enfrentar a muvuca dos dias gratuitos. Tarifa única: € 21,60. Pode ser comprado na bilheteria de qualquer um desses museus. Comprando as entradas destes museus separadamente você paga € 27.

+ Leitor do Matraqueando tem 15% de desconto no seguro de viagem da Mondial e ainda dá para dividir em 6 vezes!

Plaza-Cibeles-Madri-Como-chegar

10 ATRAÇÕES GRÁTIS EM MADRI

1. O impressionante centro cultural, CaixaForum.

2. O Parque del Buen Retiro,  refúgio urbano de madrilenhos e turistas.

3. As conferências e exposições da Casa Encendida.

4. A monumental a aristocrática Plaza de Cibeles (foto acima).

5. A história das touradas no Museu Taurino na Plaza de Toros de las Ventas.

Madri plaza mayor

6. A Plaza Mayor, a mais bela e emblemática praça da Espanha.

7. A Catedral de Almudena, construída em homenagem à padroeira da cidade.

8. O histórico Mercado de San Miguel.

9. A charmosa Plaza de la Villa e sua imponente Torre dos Lujanes, no centro histórico.

10. O Matadero de Madri,  antigo local de abate e hoje descolado espaço cultural da cidade.

E-book | O Barato de Madri —> Baixe o seu agora mesmo!

VALE O INVESTIMENTO!

– O Centro de Arte Reina Sofía, onde está a célebre obra Guernica de Picasso.  € 6. Gratuito de segunda  a sexta, 19h-21h;  sábado, à tarde e domingo pela manhã.

– O Museo Nacional del Prado, o mais importante da Espanha e um dos melhores da Europa. € 12. Grátis de segunda a sábado 18h-20h e domingos/feriados 17h-20h.

La-Latina-Madri-Centro

CITY TOUR GRATUITO

Todos os dias, às 11h, sai da Plaza Mayor um Free Walking Tour pela cidade. O passeio, grátis,  é coordenado por guias treinados. O tour dura, mais ou menos, três horas e percorre os principais pontos de interesse histórico da cidade. No final, é bem possível que peçam alguma gorjeta. Faça sua reserva aqui: www.newmadrid-tours.com

REFEIÇÕES POR MENOS DE € 10

Nos supermercados Al Campo procure pelo produtos Primer Precio. Estão por todas as gôndolas. São 40% mais baratos que os concorrentes, com a mesma qualidade. Entre no site para ver onde há uma filial mais próxima de você. Pizzas médias, por exemplo, a € 2,30. Existem massas prontas (ravióli, capeletti e talhatelli) com vários temperos (ricota, pesto, carne ou quatro queijos) a partir de € 1,85.

Em qualquer café decente prove o churros com chocolate. Vai custar pouco e nada pode ser tão típico e aconchegante por aqui. Para desfrutar do modo mais espanhol de beliscar comidinhas, vá de tapas  — o petisco espanhol. Em alguns bares as porções são grátis! Trata-se de uma rodada generosa de petisco que vêm de graça ao pedir uma caña (chope).  Na calle Infantas (Metrô Gran Via) há dois bares tradicionais do tapeo gratuito, o El Tigre (nº 30) e o El Respiro (nº 34).

Bairro-Salamanca-Restaurante-VIPs

Para pratos fartos e econômicos procure uma unidade da rede de restaurante VIPs. É uma cadeia que oferece desde o café da manhã, sanduíches até refeições completas a preços excelentes. Meu almoço aqui foi o menu do dia (há várias opções): prato principal com carne, pão, salada e bebida por € 7,90 (foto acima).  Existem muitas unidades do VIPs em Madri. Encontre a sua aqui.

Em diferentes cidades da Espanha você encontra a cadeia de restaurante FrescCo, especializada em comida saudável e mediterrânea. O buffet completo inclui saladas, prato quentes, sobremesas (geralmente frutas das estação) e bebida (que pode ser água, refrigerante, chopp ou vinho) por módicos € 9,95 por pessoa até às 18h. À noite, fins de semana e feriados custa € 11,95 euros.Todos os restaurantes são novos e aconchegantes, apesar do burburinho (vivem lotados!) na hora das refeições! Consulte o site deles para saber onde há um restaurante mais próximo de você.

Na capital espanhola você também pode conhecer a Taberna Alhambra.  A Paella Mixta está € 7 e saladas a partir de € 4. Ambiente típico. Está a três quadras da Puerta del Sol.  Já a rede Maoz — com filiais no mundo todo — incluindo Madri e Barcelona, é uma rede especializada em falafel e outras gostosuras na linha do fast-food-saudável (com buffet de salada à vontade).

+ Alugue um carro aqui com segurança e percorra a Espanha com mais economia

5 DICAS DE HOSPEDAGEM BOA E BARATA

Madri oferece boa oferta de hospedagem boa e barata. Há vários hostales — uma espécie de pensão — nas principais vias turísticas da cidade. Ao longo dos anos, a capital passou a receber, também, albergues-design e descoladinhos!

U Hostel madri

U-Hostels | Superclean, espaçoso (acho que foi o quarto de albergue mais espaçoso que já fiquei) e com varanda. Há luminárias de leitura e tomadas ao lado de todas as camas. O U-Hostels (foto acima) tem ar condicionado, armários individuais e a roupa de cama está incluída. Está a apenas cinco minutos caminhando do descolado bairro Chueca. A partir de € 25 por pessoa em quarto coletivo com café da manhã simples. Veja meu relato completo sobre este albergue aqui.

Hostal Murallas |  Excelente custo benefício. O quarto duplo está a partir de € 32 com televisão e banheiro privado. Sem café da manhã. Os quartos são bem simples, mas o hostal está no coração da cidade, a 200 metros da Gran Via, ao lado da Puerta del Sol.

Astoria |  Está em um edifício histórico de 1890. É uma pensão recém reformada com pinta de hotel 2 estrelas. Tem wi-fi grátis. Diárias do quarto duplo com banheiro a partir de € 49. A suíte com varanda, hidromassagem, televisão LCD e ar-condicionado está € 85. Próximo a Puerta del Sol. Metrô Sevilla ou Sol.

Chueca-Hostel-Room-007

Room 007 Chueca | Moderninho e com decoração design. Roupa de cama e toalhas estão incluídas, assim como sabonete líquido nos banheiros. Há luminárias de leitura e tomadas ao lado de todas as camas. O Room 007 Cheuca (foto acima) está a 100 metros da estação de metrô Chueca. O bairro é conhecido por seu fuzuê inventivo. Diárias a partir de € 21 em quarto coletivo com café da manhã. Quarto quádruplo por € 89. Veja meu relato completo sobre este albergue aqui.

Hostal Victoria |  Apesar da decoração cafonilda, os quartos — reformados — têm toalhas brancas, ar condicionado, frigobar, TV e estão de frente para a Puerta del Sol. A diária está a partir de € 50 para o casal. Aceita cartão de crédito, o que é raro nesse tipo de hospedagem.

ALUGUEL DE TEMPORADA EM MADRI

Se você viaja em grupos ou pretende ficar mais de uma semana na cidade alugar um apartamento de temporada pode ser um bom negócio. No Apart In Madrid há  apartamentos que acomodam até 3 pessoas a partir de € 65 a diária. Já o Rent4days oferece apartamentos para sete pessoas a partir de € 120 por dia.

COMPRINHAS LEGAIS

O Las Rozas Village  é um enorme outlet nos arredores de Madri que abriga um aglomerado de marcas famosas com descontos de até 70%. Já a marca espanhola Zara — que custa os olhos da cara aqui no Brasil — tem precinho de C&A na Espanha. Querendo ter seu momento extravagância, encha a mala com modelitos que só chegarão aqui uma temporada depois e pelo dobro do preço.

O Mercado del Rastro é o mercado de pulgas mais famoso do país, daqueles que reúnem todo tipo de tranqueira, balangandã e coisinhas antigas. Funciona aos domingos 9h-15h.

DICA DA MATRACA

Num raio de 200 quilômetros de Madri estão cinco cidades Patrimônio Histórico da Humanidade: Toledo, Segóvia, Ávila, Cuenca e Salamanca. A medieval Toledo — às margens do Rio Tejo — por exemplo, está a 60 km – a meia hora de trem. Na estação Atocha dá para comprar os bilhetes a partir de € 11,90. A Santa Catedral Primada de Toledo demorou 250 anos para ficar pronta e a sacristia abriga obras de El Greco e Tristán. Entrada gratuita antes das 12h, depois das 16h e aos domingos.

Já Segóvia, a 30 minutos de Madri com o trem rápido (bilhetes a partir de € 11,90), merece um dia inteiro de visita. A cidade preserva o mais alto aqueduto do Império Romano, com 29 metros de altura. Entre no site oficial da Renfe (www.renfe.es) para saber informações e horários dos trens.

BLOGOSFERA

Conexão Madri, Rumo a Madrid e Descubra Madrid

Bannerzinho Mondial Assistance

IMPORTANTE | A Espanha faz parte parte do Tratado de Schengen, um acordo que estabelece normas para quem pretende visitar os países membros. A determinação EXIGE um seguro de viagem obrigatório com cobertura mínima de € 30 mil que muitas vezes deve ser apresentado na imigração, caso solicitado. A boa notícia é que leitor do Matraqueando tem 15% de desconto no seguro internacional da Mondial Assistance. Pegue seu cupom aqui e viaje tranquilo! Vale para mochileiro, viajante solo, luxo, aventureiro e família. E ainda dá para dividir em até 6 vezes!

INFORMAÇÕES ESSENCIAIS

DDI | 34
Língua Oficial | Espanhol
Fuso Horário | Quatro horas a mais do que o Brasil
Quando ir | No verão, Madri se rende ao calor europeu e a cidade brilha. Em agosto, os espanhóis saem de férias e, embora a cidade fique pinhocada de turistas, muitos restaurantes e lojas fecham nessa época.  No inverno, a mínima chega fácil a 2ºC e no verão, de dia, a média de temperatura é de 23ºC. De uma maneira geral, chove pouco na capital.
Site do país | www.spain.info
Site da cidade | www.esmadrid.org
Informações turísticas | www.guiadelocio.es
Embaixada brasileira | Calle Fernando El Santo, nº 06 (3491) 700-4650 – www.brasil.es
Brasil Direto a cobrar via Embratel | 900990055
Companhias aéreas low cost:  Vueling

Posts relacionados

Europa Barata: Barcelona pela primeira vez

Europa Barata: Berlim pela primeira vez

Europa Barata: Paris pela primeira vez

Europa Barata: Londres pela primeira vez

Europa Barata: Roma pela primeira vez

Europa Barata: Lisboa pela primeira vez

Leia também

Madri bairro a bairro

Barrio de las Letras

Chueca e Malasañas

Salamanca

La Latina

Gran Vía e Callao

Compre seu ingresso antecipado e evite filas

– Museu do Prado

– Museu do Prado + Museu reina Sofia + Museu Tyssen Bornemisza

– Ônibus Hop On Hop Off em Madri com desconto

– Compre aqui seu Madrid Card: acesso gratuito a mais de 50 museus e atrações

E ainda

Espanha a € 50 por dia | Parte 1

Espanha a € 50 por dia | Parte 2

Espanha a € 50 por dia | Parte 3

Fotos: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.

Banner-venda-Madri

 

Disclaimer | Pagamos todas as nossas contas de viagem. Não aceitamos convites nem cortesias. Este post contém links para programas de afiliados, parceiros comerciais do blog, inseridos espontaneamente pela autora. O Matraqueando não faz post patrocinado. Por questão de transparência, comunicamos que se você optar por comprar por meio destes links nós recebemos uma pequena comissão. Assim, você ajuda  a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas, além de não pagar nada mais por isso. Desde já agradeço a preferência! 😉
Share