Silvia Oliveira

CASV funcionamento

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Parte 3 | Como tirar o visto americano: o atendimento no CASV e a entrevista no consulado

Antes de agendar sua ida ao CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto) ou ao consulado americano você deve preencher o formulário DS 160, obrigatório para todos que querem tirar ou renovar o visto. Nós criamos aqui um passo a passo ilustrado desta primeira parte do processo para facilitar sua vida.

Como tirar o visto americano matraqueando

Após o preenchimento do formulário você tem que pagar a taxa do visto e, então, agendar a entrega dos documentos no CASV, além da marcar a entrevista propriamente dita. Repetindo o que já disse nos posts anteriores: a entrega dos documentos é num lugar e a entrevista é feita em outro. Para não comer barriga, acompanhe aqui nossas dicas para passar tranquilamente pela segunda etapa, o pagamento da taxa e agendamentos.

Como chegar ao CASV da Vila Mariana São Paulo 1

Por fim, vamos contar nesta terceira parte como é o atendimento no CASV — onde você tira a foto oficial e registra as impressões digitais — e a tão temida entrevista no consulado. Eu fui ao CASV da Vila Mariana, em São Paulo. (Existe outro, no Alto de Pinheiros).  Evidentemente que não tenho como relatar sobre o funcionamento de todas as unidades de CASVs no Brasil, mas pelos relatos que li, as regras de segurança e o modus operandi do lado de fora são praticamente iguais em todos os centros. Para ajudar outros leitores, conte sua experiência para nós! ;)

Como é o atendimento no CASV 

Na mesma rua do CASV da Vila Mariana há vários estacionamentos. Quem for de carro prepare-se para pagar a bagatela de R$ 20 a primeira hora e de R$ 5 a R$ 7 por hora adicional. Como não é permitido entrar com bolsa ou mochila você poderá deixar seus apetrechos nos guarda-volumes disponíveis ao lado do CASV por “apenas” R$ 10. Pode entrar com celular desde que esteja desligado.

Como chegar ao CASV da Vila Mariana

 Você deve ter em mãos:

- Passaporte com validade mínima de 6 meses

- Passaporte com visto antigo (se houver)

- Página de confirmação do DS 160 com código de barras

- Página de confirmação do agendamento no CASV

Atenção: pessoas com mais de 66 anos ou  menos de 15 anos não precisam ir ao CASV registrar as impressões digitais. Os solicitantes que se enquadrem nestes perfis devem realizar um agendamento no CASV somente para a entrega da documentação, juntamente com uma foto 5×7 (fundo branco, sem sorrir, mostrando testa e orelhas), tirada nos últimos seis meses. O proceso, nestes casos, também pode ser feito através de um despachante.

Matraqueando Instagram

Como chegar ao CASV da Vila Mariana SP

Se você não levar as páginas de confirmações impressas não poderá nem entrar no CASV (a conferência é feita na porta, manualmente). Por isso, uma máfia rede inteligente de prestadores de serviços está sempre a postos para ajudar os esquecidinhos. Por apenas R$ 30 (trinta pilas!!!) por página (por página!!!) um destes nobres senhores da economia informal providenciarão o documento para você. (Nada que um notebook e uma impressora portátil não resolvam!).

Eu tive muita sorte e peguei o CASV praticamente vazio. Era 29 de julho, uma segunda-feira. Marquei um horário por volta do meio-dia (não me lembro ao certo) e cheguei duas horas antes. MAS NÃO É NECESSÁRIO CHEGAR COM TANTA ANTECEDÊNCIA. A entrada, na verdade, só é permitida 30 minutos antes do horário agendado.

O detalhe é que fui de metrô  e tive medo de chegar atrasada. A boa notícia é que como estava vazio, assim que eu cheguei, por volta das 10h, eles já estavam chamando os agendados para às 12h. Portanto, não esperei nada. Detalhe: isso não é o comum. O comum é ter uma certa muvuca e muita fila para entrar no CASV. E, reforço, você só será chamado 30 minutos antes do horário agendado, isso quando não atrasar!

Ao entrar no CASV da Vila Mariana você passa por uma nova conferência de documentos no térreo e parte para o segundo andar, onde vai tirar a foto oficial e coletar as impressões digitais. No meu caso, isso não durou mais do que 10 minutos. Sim, até eu achei incrível. Mas volto a dizer, existem muitos relatos de gente dizendo que ficou mais de 50 minutos após entrar no CASV. Por isso, vá com tempo.

Importante: se você está renovando o visto seu passaporte ficará retido no CASV (uma vez que, em caso de renovação, não precisa passar pela entrevista.) Se seu visto antigo estiver no passaporte anterior, leve os dois passaportes.

Como chegar ao CASV da Vila Mariana com transporte público

O metrô mais próximo ao CASV da Vila Mariana é a estação Praça da Árvore (linha azul). Dali você pode pegar um ônibus (linha Jardim Ângela, que deixa bem em frente ao CASV) ou um táxi, minha opção. A corrida da estação de metrô até o CASV saiu por R$ 10. O CASV fica na Av. José Maria Whitaker, 370.

Horário de atendimento dos CASVs
Segunda a sexta-feira: 7h às 18h
Domingo: 13h às 18h
Não funciona aos sábados.

Como é a entrevista para tirar o visto americano

A entrega da documentação no CASV é feita  em um dia e a entrevista no consulado em outro. Na mesma rua do consulado americano também há estacionamentos e guarda-volumes com preços semelhantes aos praticados nas redondezas do CASV.  Detalhe: bem em frente ao consulado tem guarda-volume por R$ 5. Eu — que cheguei andando, vindo do metrô — parei no primeiro guarda-volume que vi, a uns 50 metros da entrada, e paguei R$ 10. Dãããrd!

Não pode entrar com qualquer aparelho eletrônico. Bolsas são permitidas, mas apenas uma e pequena. Até fones de ouvidos são barrados, assim como tesourinhas e alicates. Não tente bancar o espertinho, antes de entrar na sala de entrevistas você passará por  raio-x e detector de metais.

Como chegar ao Consulado Americano

Chegue ao consulado com meia hora de antecedência. Assim como no CASV, eles vão chamando de acordo com o horário agendado (9h30, 10h, 10h30 e, assim, sucessivamente). Logo que chegar pergunte que horário estão chamando. O processo todo pode demorar de 1,5h a 2h. No meu caso, apesar de haver filas imensas, andou rápido e  entre o momento em que  coloquei os pés para dentro do consulado até a hora em que saí foi exatamente uma hora!

 Os documentos obrigatórios são:

- Passaporte com validade mínima de 6 meses

- Passaporte com visto antigo (se houver)

- Página de confirmação do DS 160 com código de barras

Como chegar ao Consulado Americano de metrô

Documentos adicionais:

Os documentos adicionais devem comprovar o que você disse no formulário DS 160 — como renda, trabalho e vínculos com o Brasil. Embora na maioria dos casos nenhum documento adicional seja pedido durante a entrevista, a recomendação é que você tenha em mãos:

- Comprovante de Renda (Imposto de Renda, Contracheques ou Pró-labore)

- Carteira de trabalho (se for empregado)

- Se você for empresário, além do pró-labore, leve o contrato social da empresa, cartão de CNPJ e alvará de funcionamento.

- Escrituras de imóveis que estejam no seu nome

- Documento do carro  em seu nome (se houver)

- Matrícula em universidades (graduação ou pós graduação), se houver

- Extrato bancários dos últimos três meses (a movimentação deve ser compatível com a renda declarada)

- Carta convite da empresa e/ou instituição caso vá participar de cursos ou congressos

Atenção: não é necessário levar passagem de ida e volta ou reservas de hotéis. O próprio consulado recomenda que nenhum investimento de viagem seja feito antes de ter o visto aprovado.

O que vão me perguntar na entrevista?

Não existe uma fórmula padrão. O que a gente sabe é que na maioria dos casos a entrevista é rápida e objetiva:

- Você já esteve nos Estados Unidos?

- Qual o seu destino nos Estados Unidos?

- Quantos dias pretende ficar?

- Já viajou para fora do Brasil?

- O que você faz no Brasil?

Depois de algumas perguntas  o agente consular diz: “Ok, seu visto foi aprovado”. Ou seja, você fica sabendo na hora o “resultado” de todo o processo.

Dicas: não responda mais do que o necessário e não apresente documentos que não foram solicitados. Tente manter a calma. Pense que o mundo não vai acabar e que, caso tenha o visto negado, você tem ainda boa parte do mundo para conhecer!

Consulado americao guarda volumes

Assim que seu visto for aprovado, o consulado retém seu passaporte para finalizar os trâmites. O documento será devolvido para o CASV ou para o endereço que você designou durante o agendamento. Alguns demoram mais e outros demoram menos para chegar, mas o prazo médio é de 7 dias úteis, após a aprovação.

E se meu visto for negado?

Caso seu visto seja negado, você poderá fazer novo pedido para a semana seguinte, se quiser. No entanto, além de pagar nova taxa, o solicitante precisa comprovar que houve alguma mudança significativa em relação à solicitação anterior.

Trem São Paulo CPTM

Como chegar ao consulado americano em São Paulo de metrô

É bem fácil. Pegue a linha amarela do metrô (novíssima), sentido Butantã. Desça na estação Pinheiros, onde você fará uma conexão gratuita com a CPTM (trem urbano). Na CPTM você pega a Linha Esmeralda, sentido Grajaú. Desça na estação Morumbi. O consulado está a uns 10 minutos de caminhada do metrô. Saindo da estação Pinheiros o trajeto dura uns 40 minutos.

Boa sorte! ;)

Posts relacionados

Parte 1 | Como tirar o visto americano: passo a passo ilustrado para preenchimento do formulário DS 160

Parte 2 | Como tirar o visto americano: pagamento da taxa e agendamento da entrevista

Procurando hotel bom e barato nos Estados Unidos?

Eu indico nosso parceiro Booking.com. Há anos faço minhas reservas com eles. A grande vantagem é que o sistema não cobra taxa de reserva e tem cancelamento grátis para a maioria dos quartos! Além disso, você pode pesquisar sua hospedagem por preço, localização e avaliação dos hóspedes!

Booking.com é uma das ferramentas mais completas para reserva de hotéis, pousadas e apartamentos. E sempre que você fizer sua reserva clicando nos links acima nós ganhamos uma pequena comissão, o que ajuda a manter o Matraqueando cheio de dicas quentíssimas, atualizadas e GRATUITAS para você! Então já sabe, né? Vai viajar para os Estados Unidos? Busque aqui sua hospedagem e depois conte pra gente como foi sua experiência! :)

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve hotel nos EUA no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro nos EUA na Rental Cars | Grandes marcas, ótimos preços!

Diversos passeios nos EUA pela Viator | Menor preço garantido.

______________________

Fotos: Sílvia Oliveira

Share
sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Parte 2 | Como tirar o visto americano: pagamento da taxa e agendamento da entrevista

Como tirar o visto americano matraqueando

Se você chegou até aqui é porque a parte mais chata e crucial — o preenchimento do formulário DS 160 — já passou. (Veja nosso post com um passo a passo ilustrado dessa primeira etapa.) Ao finalizar o DS 160 você necessita pagar a taxa do visto (US$ 160 para visto de turismo e/ou negócios) e agendar a entrevista no consulado.

Primeiro passo | Criando uma conta no CSC – Visa Information Service

Faça seu cadastro no CSC – Visa Information Service, que é o site oficial do consulado americano para informação sobre o visto. Clique em “criar conta”, um botão verde no canto superior direito da página principal. A partir daí, o preenchimento é intuitivo com perguntas objetivas e, melhor, está tudo em português. É possível também fazer todo o procedimento por telefone. Veja os números aqui.

CASV dados pessoais

Assim que você preencher com seus dados pessoais clique novamente em “Criar conta”. Outra tela se abrirá e aparecerão três opções:

- Agendar entrevista

- Adicionar Membros da Família

- Enviar Documentos ao Setor Consular

Clique em “Agendar entrevista” e escolha, nesta ordem:

CASV Visto Não Imigrante 2

CASV Visto Não Imigrante 3

CASV Visto Não Imigrante 4

1º – Vistos de não-imigrante

2º – Agendamento comum de vistos

3º- Visto de visitante

4º – Negócios ou Turismo (B1/B2).

Clique em “enviar”. Em seguida, escolha o consulado onde você deseja fazer a entrevista (atenção, tem que ser o mesmo consulado que você escolheu no formulário DS 160) e selecione o local de entrega do seu visto.

Há duas opções: retirar seu passaporte com o visto aprovado no CASV ou receber na sua casa. Se você optar por receber no seu endereço residencial, será necessário preencher o endereço (confira todos os dados atentamente, inclusive o CEP).

Matraqueando Instagram

CASV Escolha consulado

Segundo passo | Pagamento da taxa do visto

Após esta etapa, você escolherá a forma de pagamento do visto. É possível pagar com cartão de crédito (Visa ou Mastercard) ou boleto bancário. A vantagem de pagar com cartão de crédito é que a aprovação sai na hora e você já pode marcar a entrevista (passo seguinte).

Caso opte por pagar no boleto, sem problemas. O inconveniente é que você terá que retornar ao site 24 horas depois de ter feito o pagamento para agendar a entrevista no consulado. A taxa para visto de turismo e/ou negócios (B1/B2) está US$ 160. Para ver valores de outros vistos clique aqui.

Terceiro passo | Agendamento da entrevista

A grande pegadinha do agendamento da entrevista vem agora. Uma vez que seu pagamento foi autorizado você tem que marcar DOIS atendimentos em DOIS dias diferentes: um no CASV – Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (onde você vai tirar a foto oficial e registrar as impressões digitais) e outro no consulado, onde será a entrevista propriamente dita.

O detalhe é que o sistema vai ter dar, primeiro, a opção para marcar a entrevista no consulado. Na página seguinte, ele pede o agendamento no CASV.  Só que você tem que ir PRIMEIRO ao CASV (tirar foto e impressões digitais, lembra?) e só depois ao consulado.

Ou seja, se você marca a entrevista para o consulado para uma segunda-feira deve escolher o domingo (dia anterior) para ir ao CASV, principalmente se você vem de outro estado ou cidade. (Eu fiquei tão tensa nesta parte que até me esqueci de dar print das telas que iriam ilustrar este post! Desculpaê!) Mas não tem erro, se até uma Matraca desastrada e perdida como eu conseguiu, qualquer um consegue!

Resumindo: marque sua entrevista no consulado em uma data POSTERIOR ao seu agendamento no CASV. No meu caso, eu marquei a entrevista para uma terça-feira e o CASV para a segunda (um dia antes). Cheguei no domingo a São Paulo. Enfim, quem não tem domicílio nas cidades com consulado, meu caso que moro em Curitiba, vai gastar uma pequena bagatela com hotel e alimentação.

Importante: você pode alterar as datas tanto da sua ida ao CASV quanto da sua ida ao consulado diretamente no site até 24 horas antes da entrevista.

Atenção: pessoas com até 15 anos ou com mais de 66 anos estão isentas da entrevista e da coleta das impressões digitais. Nestes casos, o representante (ou um despachante contratado) vai entregar documentos e as fotos do solicitante isento.

Você está quase lá! Agora, falta pouco! :D

Post relacionado

Parte 1 | Como tirar o visto americano: passo a passo ilustrado para o preenchimento do formulário DS 160

Parte 3 | Como é o atendimento no CASV e a entrevista no consulado

Procurando hotel bom e barato nos Estados Unidos?

Eu indico nosso parceiro Booking.com. Há anos faço minhas reservas com eles. A grande vantagem é que o sistema não cobra taxa de reserva e tem cancelamento grátis para a maioria dos quartos! Além disso, você pode pesquisar sua hospedagem por preço, localização e avaliação dos hóspedes!

Booking.com é uma das ferramentas mais completas para reserva de hotéis, pousadas e apartamentos. E sempre que você fizer sua reserva clicando nos links acima nós ganhamos uma pequena comissão, o que ajuda a manter o Matraqueando cheio de dicas quentíssimas e atualizadas para você! Então já sabe, né? Vai viajar para os Estados Unidos? Busque aqui sua hospedagem e depois conte pra gente como foi sua experiência! :)

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve hotel nos EUA no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro nos EUA na Rental Cars | Grandes marcas, ótimos preços!

Diversos passeios nos EUA pela Viator | Menor preço garantido.

Share
quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Parte 1 | Como tirar o visto americano: passo a passo ilustrado para o preenchimento do formulário DS 160

Como tirar o visto americano matraqueando

Quando fui convidada para palestrar no BloggerCon, o maior evento de blogueiros das Américas, em Porto Rico tive que deixar a preguiça de lado e correr atrás do meu visto americano, que estava vencido desde 2011. É que Porto Rico, embora esteja no Caribe, é um estado associado do Tio Sam (Alguém ainda chama os Estados Unidos de Tio Sam ou é coisa do “meu tempo”?). Portanto, é necessário visto americano para entrar lá.

Quem tem visto vencido há menos de 48 meses e quer renová-lo passa por um processo mais simples e está isento da entrevista. O meu estava vencido há dois anos, mas havia sido emitido em julho de 2001 com validade de 10 anos. E vistos emitidos antes de 1° de julho de 2004 não são renováveis, é necessário pedir um novo. Por isso, tive que enfrentar a burocracia completa. Ou seja, mesmo tendo um visto antigo, se estiver vencido há mais de 48 meses ou emitido antes de 01/07/2004, você tem que entrar com o pedido de um visto novo. Veja aqui sobre renovação de vistos.

A boa-nova é que nos últimos anos ficou bem mais fácil e rápido para um brasileiro tirar o visto americano. Desde junho de 2012, por exemplo, houve ampliação dos consulados americanos no Brasil e centros de triagem foram criados (CASV- Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto), diminuindo muito a fila de espera. Entre o dia que preenchi o formulário na internet até o dia em que o visto chegou à minha casa foram exatos — e apenas — 13 dias.

Como tirar o visto americano - Preenchendo Formulario DS 160

Para tirar o visto americano você passa por três etapas:

1) preenchimento do formulário DS 160 (tema deste post);

2) pagamento da taxa e agendamento para tirar foto e digitais no CASV (post em breve);

3) a entrevista no consulado (post em breve).

ATENÇÃO | Somente compre passagens, passeios ou reserve hotel após receber o visto. Não é necessário ter passagens nas mãos para fazer a solicitação. A orientação é do próprio consulado.

Primeiro passo | Entendendo o formulário DS 160

O formulário DS 160 é o caminho, a verdade e a vida. Ele vai acompanhar você durante todo o processo de solicitação do visto americano. Clique aqui para acessá-lo e  reserve pelo menos umas 2,5 horas  para respondê-lo. Caso não consiga completar o questionário inteiro, você pode gravá-lo e tem até 30 dias para concluir o processo.

Antes de começar o preenchimento tenha em mãos seu passaporte, CPF, RG, visto antigo (se houver) e uma foto sua digitalizada. A foto deve ser frontal, colorida, com fundo branco e tamanho de 600 x 600 px e peso máximo de 240 kb.

ATUALIZAÇÃO: NÃO É NECESSÁRIO MAIS SUBIR UMA FOTO DIGITALIZADA.

A foto oficial será tirada em um CASV, mesmo lugar onde serão colhidas suas impressões digitais.

Como tirar o visto americano - Tradução Português

Segundo passo | Começando o preenchimento do formulário DS 160

Com foto e documentos nas mãos você está pronto para acessar o DS 160 . O formulário está em inglês, mas é só colocar o mouse em cima dos textos que uma caixinha se abrirá com a tradução (como na imagem acima). Atenção: as respostas devem ser sempre em inglês.

Ao entrar no formulário a primeira coisa é escolher o consulado onde deseja fazer a entrevista. (Existem quatro opções: Brasília, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo). No meu caso, a cidade mais próxima seria São Paulo.

Matraqueando Instagram

Como tirar o visto americano - Formulario DS 160

Feito isso você deve, em seguida, incluir a foto digitalizada clicando em Test Photo. Se o sistema aprovar sua foto vai aparecer a mensagem Photo test pass em verde, logo abaixo da imagem.

ATUALIZAÇÃO: NÃO É NECESSÁRIO MAIS SUBIR UMA FOTO DIGITALIZADA.

Então, clique em Continue using this photo e já pode começar o preenchimento de fato, clicando em Start an Application que no meu formulário aparece em português “Iniciar um aplicativo” (tradução automática do google chrome,  horrorosa, aliás!).

Terceiro Passo | Incluindo dados pessoais (e boa parte da sua história de vida)

Sim, eles vão perguntar tudo e mais um pouco. Desde sua educação fundamental, relações de família e até se você tem parentes vivendo (ou que já viveram) nos Estados Unidos. Por isso mesmo eu disse lá no início que vão ser, no mínimo, 2 horas de preenchimento. (Atenção: o formulário para homens contém mais perguntas do que o formulário para mulheres, mas são sempre relacionadas à escolaridade e outras viagens).

Meu conselho é: não minta. Fornecer informação falsa é crime grave nos Estados Unidos. Fale sempre a verdade e não pense em florear/incrementar/aumentar alguma resposta achando que isso poderá te beneficiar. Seja honesto e pense assim: “ah, se me negarem esse visto… vou para Europa!”. :mrgreen:

Como tirar o visto americano -  DS 160

Já de cara vão te perguntar o National Identification Number, que nada mais é que o número do seu CPF. Quando pedirem U.S. Social Security Number e o U.S. Taxpayer ID Number marque “Does not apply” (que significa “não se aplica”).

Como tirar o visto americano - Consulado

Ao pedir informações sobre seu passaporte escolha a opção “REGULAR” (a não ser que esteja pedindo um passaporte diplomático) e, em seguida, coloque o número do passaporte com as letras na frente — sem pontos ou traços. No Passport Book Number clique em “Does not aply” (Não se aplica). (Brasileiros não têm passport book number).

O formulário pergunta qual é o propósito da sua viagem (Purpose of Trip to the U.S.) e que tipo de visto você está solicitando. O visto de turismo é o B2 e o visto de negócios, o B1. Se você pretende visitar feiras, participar de congressos ou eventos (meu caso em Porto Rico), você deve pedir o B1 e o B2 juntos.  Você paga o mesmo valor para tirar ambos, US$ 160. Consulte outros tipos de visto aqui.

Como tirar o visto americano passo a passo

Quando perguntarem se você já teve algum passaporte perdido ou roubado (Have you ever lost a passport or had one stolen?) e você responder que sim (yes) abrirá uma caixa para você explicar o motivo. Escreva sempre em inglês, este é o idioma oficial do formulário. Na dúvida, use o Google Tradutor.

Ao responder sobre o valor do seu rendimento mensal, cuidado! Ele deve ser compatível com a movimentação da sua conta corrente e/ou poupança e com o seu salário ou pró-labore declarados.

Atenção: nunca use vírgulas ou acentos, principalmente nos dados de endereço, cidade e estado, se não dará erro.

Quarto passo | Seus contatos nos Estados Unidos

O consulado quer saber onde você vai se hospedar, quem está pagando sua viagem (caso não seja você mesmo), qual a sua relação com essa pessoa (se for o caso), entre outros detalhes. Quando perguntarem o Contact Person Name in U.S. escreva Do not know. Já na Organization Name in the U.S coloque o nome do hotel onde você vai ficar e no U.S Contact Address, o endereço da hospedagem, mesmo que não tenha feito a reserva ainda.

Se você não tiver nem ideia de onde vai ficar escreva “N/A” (Not Available).

Importante: obviamente que se você conhece alguém e vai justamente ficar na casa dessa pessoa coloque o nome dela em Contact Person Name in U.S.

Quinto passo | Respondendo às questões de segurança

A parte mais chata (mas que chega a ser divertida) é quando você tem que responder a Security and Background Information, já quase no final do formulário. São perguntas, como o próprio nome diz, relacionadas à segurança e você tem que responder YES ou NO. Alguns exemplos:

Você faz parte de organizações armadas ou grupos terroristas?

Você pensa em se prostituir ou incentivar a prostituição nos Estados Unidos?

Você pensa em comercializar armas de fogo nos Staitis?

Você é traficante de drogas?

Então, o que você responderia? Pode colocar “NO” em todas as respostas, partindo do princípio de que você é um homem/mulher de bem!

Como tirar o visto americano - Formulario DS 160 passo a passo

Ao finalizar o preenchimento aparecerá uma ficha de confirmação do envio. O documento tem um código de barras e é necessário imprimi-lo, já que este papelzinho será responsável pelo andamento de todo o processo. Quando concluí o preenchimento minha foto não aparecia (conforme imagem acima), mas na cópia que enviei para o e-mail, sim, aparecia tudo normal.

Importante: caso não consiga imprimir na hora em que finalizar o preenchimento, mande para seu e-mail e imprima ANTES de ir ao CASV. Se você chegar sem este papel no dia em que for tirar a foto oficial e colher as impressões digitais não vão deixar você nem entrar.

Por outro lado, existe uma pequena máfia organização de prestadores de serviços ao redor dos CASVs esperando os mais esquecidinhos e imprimindo  a folha de confirmação pela bagatela de R$ 30… por página. Mas isso eu explico melhor no próximo post! ;)

Posts relacionados

Parte 2 | Como pagar a taxa do visto americano e agendar a entrevista

Parte 3 | Como é o atendimento no CASV e a entrevista no consulado

Procurando hotel bom e barato nos Estados Unidos?

Eu indico nosso parceiro Booking.com. Há anos faço minhas reservas com eles. A grande vantagem é que o sistema não cobra taxa de reserva e tem cancelamento grátis para a maioria dos quartos! Além disso, você pode pesquisar sua hospedagem por preço, localização e avaliação dos hóspedes!

O Booking.com é uma das ferramentas mais completas para reserva de hotéis, pousadas e apartamentos. E sempre que você fizer sua reserva clicando nos links acima nós ganhamos uma pequena comissão, o que ajuda a manter o Matraqueando cheio de dicas quentíssimas, atualizadas e GRATUITAS para você! Então já sabe, né? Vai viajar para os Estados Unidos? Busque aqui sua hospedagem e depois conte pra gente como foi sua experiência! :)

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve hotel nos EUA no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro nos EUA na Rental Cars | Grandes marcas, ótimos preços!

Diversos passeios nos EUA pela Viator | Menor preço garantido.

Share
MATRAQUEANDO - Viagens e Comidinhas | Por Sílvia Oliveira | Jornalista & Blogueira | Curitiba, BR

Todos os direitos reservados. 2006-2014 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
Content Protected Using Blog Protector By: PcDrome.
Copy Protected by Chetans WP-Copyprotect.