-  Atualizado 14/07/2015

Castelinho Caracol: a melhor torta de maçã do Brasil, o famoso Apfelstrudel, está em Canela

Publicado por: Silvia Oliveira Canela

[Posts atualizado em julho de 2015]

É um passeio completo, mas nada conveniente para um mão de vaca muquirana. Mistura arquitetura (a residência foi construída em madeira de araucária no início do século 20), história (virou museu), gastronomia (tem o melhor Apfelstrudel do país) e paisagem (o local parece um bairro da Suíça).

O detalhe é que a brincadeira não sai barata. Para visitar o Castelinho Caracol, (onde fica a casa de chá e o museu) custa R$ 10. Ali dentro você pede a famosa torta de maçã (o Apfelstrudel) e paga mais R$ 22 pelo acecipe. (Preços de julho de 2015)

E mesmo quem consome algo no café do castelinho não está livre da taxa de visitação. Ou seja, entrou na residência, pagou as dez pilas! Assim, em 40 minutos, um casal gasta mais de R$ 60 para comer uma sobremesa – sem bebida.

Os cômodos abrigam louças, mobiliários e objetos que pertenceram à Família Franzen, fundadora do local.

Na Casa de Chá, que funciona na antiga sala, você pode provar geleias caseiras, waffle feito na hora e, claro, a vedete do lugar, o Apfelstrudel – servido com nata ou com sorvete de creme. É muito, muito bom mesmo.

Mas caso seu fascínio por doces não seja tão grande você pode dividir uma única torta por dois, o que já diminui os custos do passeio! Rá!

A boa notícia é que, caso não queira entrar na residência, a visitação externa é gratuita. O Castelinho Caracol está rodeado por um belo jardim, com várias casas em estilo enxaimel – herança dos antigos imigrantes. Rende um passeio gostoso com boas fotos para levar de lembrança!

SERVIÇO

Castelinho Caracol
Local: Estrada do Caracol, Km 03 | Canela-RS (está a 3 quilômetros de centro da cidade)
Tel. (54) 3278.3208
Visitação: diariamente, das 9h às 13h e das 14h20 às 17h40.
Ingresso: R$ 10 (adulto). R$ 5 (pessoas acima de 60 anos). Crianças até 10 anos não pagam.

Fotos: Raul Mattar. Todos os direitos reservados. © 

Banner-venda-Gramado1



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


6 comentários

  1. Claudinha
    Comentário do dia 07/7/2011 às 10:11

    Oiiii Silvinha….Quando fui para Gramado fui tbém nesse lugar lindo…
    E claro que comemos essa delicia…..muitooo bom…..

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Clau, deve ter “só” umas 1800 calorias… cada bocanhada! 🙂

    (Responder)

  2. Comentário do dia 07/7/2011 às 12:01

    Nao, nao, nao: a melhor torta de maça do sul está na casa da minha mae, hehehe 😀
    Beijocas, e lindas fotos!!!
    Angie

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Hohohohohoho! 🙂

    (Responder)

  3. paulo e rosi
    Comentário do dia 11/8/2013 às 12:30

    fui mais de um vez nesse museu gaundo vou a canela e um lugar que sempre vou e levo alguem para apreciar esse lugar mágico e com essa torta maravilhosa acompanhado com esse cha .e um lugar que sempre vai lembrar a casa dos avós. degustando de vagar e apreciando o lugar e imaginando as criancar correndo e brincando na casa.

    (Responder)

  4. ana maria da silva
    Comentário do dia 22/7/2014 às 20:25

    Local lindo,maravilhoso,o chá,torta mas acho que pessoas que ja visitaram como eu e meu esposo vamos ate la so para tomar um chá e cobram entrada?acho ridículo !
    Não e pelo valor e sim pela indelicadeza!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Concordo, não deveriam cobrar entrada (que não é barata, por sinal!)

    (Responder)

  5. Karen
    Comentário do dia 27/1/2015 às 20:07

    Não fica barato não, mas vale cada centavo. Pra mim, virou parada obrigatória em Canela. Amei!!

    (Responder)

  6. Cristiane
    Comentário do dia 14/10/2015 às 07:30

    Estive no castelinho este feriado, a casa realmente é muito bonita, mas não concordo em pagar taxa de entrada sendo que todos que vão na casa já gastam c consumo, acho isso um abuso, sem contar que a torta de maçã não é lá essas coisas, já degustei de outras bem melhores, a torta não tem massa, até comentei c a pessoa que estava lá, mas ela não me deu muita atenção, na cidade existem muitos outros lugares bonitos que valem mais a pena conhecer do que o castelinho.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Cristiane! Adoro a torta de lá (gosto mesmo porque tem muuuito recheio e pouca massa), mas também acho um abuso cobrar para entrar! (E a gente, tonta, paga!) :mrgreen:

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar