Silvia Oliveira

Na categoria Paris

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Paris | La Fourmi Ailée: casa de chá perto da Notre Dame

La fourmi ailee casa de cha

Fachada simpática, ambiente convidativo. Paredes forradas de livros e teto pintado com nuvens. Não encontrei adjetivo para descrever o estilo da casa de chá La Fourmi Ailée — um misto de gracinha, papo-cabeça e “livraria cultura”. O curioso é que o lugar foi sede de uma das primeiras livrarias feministas de Paris.

No cardápio você encontra pratos variados e sobremesas, mas a estrela do lugar são os chás. São 25 blends que vão do tradicional camomila, passando por chás chineses e indianos. Custam entre € 3,20 e € 4,50. A água vem num bulinho fofo e as ervas, amarradas num saquinho.

La fourmi ailee casa de cha paris

A La Fourmi Ailée (nome que significa algo como a formiga voadora) fica na região chamada Odeón-Saint Michel. Mas cai perfeitamente para quem está zanzando pelo Quartier Latin. A catedral de Notre Dame está a duas quadras e a casa fica em frente ao Zenyama, restaurante japonês bom, bonito e barato do qual já falei neste post.

La fourmi ailee casa de cha dicas paris

Para quem quiser comer aqui já aviso que os preços do lugar estão acima da média para um mão de vaca. Mas se você está no seu momento-patrão espere gastar num almoço com bebida e sobremesa em torno de € 25. (Entenda: muquiranas não gostam de investir mais de € 10 por prato de comida!) 😀

Fui várias vezes só para o chá. Em uma delas pedi uma torta de maçã que custou € 7. Achei caro e não foi a melhor tarte aux pommes da vida. (Para você ter uma ideia, o Zenyama tem menu com brochettes (espetinhos), arroz e sopa a partir de € 8,80.)

La fourmi ailee casa de cha paris cardapio

Não espere o melhor atendimento do mundo. O lugar, apesar de pouco conhecido entre os turistas, está numa região frenética. Portanto, sempre lotado. E as garçonetes parecem meio atrapalhadas. Na hora do jantar, por exemplo, não pode ficar só para “bebidas”. Se for só para tomar o chá (como eu) escolha o meio da manhã ou da tarde.

Tirando os pormenores, o local é agradável e está numa região prática para o turista que pode, também, fazer da La Fourmi Ailée uma parada para o café — € 1,90 a xícara pequena.

SERVIÇO

La Fourmi Ailée

Local: 8 Rue du Fouarre, 75005 | Odéon-Saint Michel

Tel. +33 1 43 29 40 99

Funcionamento: todos os dias, meio-dia à meia-noite.

Metrô: Maubert-Mutualité (linha 10), Saint Michel (linha 4) e Cluny-La Sorbonne (linha 10)

A La Fourmi Ailée fica perto de:

Catedral de Notre Dame
Quartier Latin (bairro)
Boulevard Saint Germain
Zenyama (restaurante japonês)

Posts relacionados

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Fauchon: a célebre épicerie e pâtisserie francesa

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez 

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Museu Bourdelle: a incrível casa-ateliê do discípulo prodígio de Rodin

Museude Montmartre: onde você encontra o jardim que inspirou Renoir

Place des Vosges e Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito no Marais

________________ 

Fotos: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.

Share
domingo, 07 de junho de 2015

Paris | Fauchon: a célebre épicerie e pâtisserie francesa

Fauchon Paris Fachada

O que uma pessoa como eu, acostumada com doce de abóbora de coração, vai fazer numa loja do porte e magnitude da Fauchon? Entrar em estado de choque, evidentemente. Não sei se seria exagero dizer que este é o melhor empório gourmet (e pâtisserie) de Paris, mas posso garantir que, para mim, é o mais bonito e organizado.

Fauchon Paris Macarons

Para os tradicionalistas temos a Hediard (a 100 metros daqui) e a La Grande Epicerie do Le Bon Marché (do outro lado do rio, a 3 quilômetros de distância) — ambos espaços gastronômicos caros e de alta qualidade. A Fauchon segue a mesma linha: produtos de excelente qualidade e preços acima da média.

Fauchon Paris Como chegar

Mas a decoração modernosa nas cores branca, pink e preta e o colorido da pâtisserie fazem do lugar um atrativo turístico mesmo que você não compre nada e vá só para apurar o gosto! :mrgreen:

Fauchon Paris Charlotte

Gente apaixonada por coisinhas diferentes, gostosas e com design harmonioso — chamou? — corre o risco de sofrer uma crise de Stendhal, uma síndrome psicossomática que se revela quando somos expostos a uma inexplicável beleza.

+ E-book | O Barato de Paris –> baixe o seu agora mesmo!

A Fauchon é dividida em departamentos, cada um merece um olhar dedicado:

Fauchon Paris Chocolates

1. Chocolat et Confiserie | Imensa variedade de chocolates, marrom glacê e doces de frutas secas ou quadradinhos açucarados do tipo a nossa goiabada e bananada!

Fauchon Paris Eclair

2. Macarons et Pâtisseries | Onde você encontra uma seleção inacreditável de Éclairs (€ 6) — a nossa bomba, os populares macarons (€ 3) e uma variedade dos melhores doces franceses como o Charlotte aux fruits rouges (€ 6,50) e o Millefeuille (€7,50), o tradicional mil folhas.

Fauchon Paris

3. Épicerie Fine | Foi a seção que mais me deixou desorientada. Biscoitos finos (a partir de € 4,50), torradinhas com especiarias, geleias e creme de avelã (a partir de € 7,50), mostardas (muita, muita variedade a partir de € 5,50), foie gras, azeite, vinagres (de frutas, de mel, de nozes, de trufas), caviar, café e castanhas. Um templo de delícias para preparar entradinhas de altíssima qualidade.

Matraqueando Instagram

Fauchon Paris Chas

4. Thé | Quase 100 tipos de blends de chá. Um festival de aromas distribuídos em caixinhas fofas que por si só valem a compra. Tem até botão de rosa para infusão. A partir de € 9.

Fauchon Paris Comidinhas

5. Traiteur Frais | Para matar a fome em alto estilo. Saladas finas (a partir de € 10), quiches lorraine (€ 39, serve seis pessoas), sanduíches de salmão da Noruega e caviar (a partir de € 14), minitábua de queijos (a partir de € 7), Escargot de Bourgogne (€ 1,50 cada), entre outras delícias para você provar. A Fauchon conta também nesta seção com uma pequena boulangerie com pães especiais.

Fauchon Paris Agua

6. Cave | Vinhos, champanhe e bebidas sem álcool como sucos e água com a marca… Fauchon, claro.

Fauchon Paris Frutas Secas

7. Le Café Fauchon | Um lugar especial reservado no andar de cima para o seu café da manhã (a partir de € 18 o mais simples até € 45 o mais completo, veja o cardápio aqui) , almoço (menu a partir de € 27, veja o cardápio aqui)  ou jantar (€ 68 por pessoa, cardápio aqui).

Fauchon Paris Queijos

Fauchon é puro luxo e sofisticação, mas não chega a ser uma ode à ostentação. Qualquer mortal mão de vaca muquirana pode comprar um docinho aqui e levar para casa um combo incomum e bem-vestido de geleia, chá, mostarda, patês e grissinis sem ter que penhorar a casa para pagar o cartão de crédito depois.

+ Leitor do Matraqueando tem 15% de desconto no seguro de viagem: pegue seu cupom agora!

Querendo terminar a noite aqui inclua na sua conta do momento extravagância. (Sei que quem converte não se diverte, mas não custa nada lembrar que € 68, valor do jantar no Fauchon no câmbio de hoje, são quase R$ 250.) Respirando fundo. Expira. Calmô?

Fauchon Paris lembrancinhas

A épicerie-pâtisserie-boulangerie é um ícone francês. Só por isso já vale a visita. A fachada pink-neon tinha tudo para ser cafona, mas é justamente esta ousadia da marca em contraponto ao requinte e à qualidade dos produtos que faz da Fauchon única na cidade.

fauchon Paris Macaron

A loja está no mesmo lugar desde 1886 quando foi fundada por Auguste Fauchon. Fica na Place de la Madeleine, atrás da igreja de mesmo nome. Fácil chegar. Simples de ser feliz.

SERVIÇO

Fauchon

Local: Place de la Madeleine, 24-26 e 30. 8º Arrondissement| Metrô Madeleine (Linhas 8, 12 e 14)

Tel.: +33 (0) 1 70 39 38 00

Horário: segunda a sábado, 8h às 20h30 (loja) e até 23h30 (café)

Posts relacionados

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez

França a € 50 por dia

Como ir do aeroporto Charles de Gaulle ao centro de Paris

____________________

Fotos: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.©

Share
sexta-feira, 05 de junho de 2015

Paris | Museu de Montmartre: onde você encontra o jardim que inspirou Renoir

Museu Montmartre Paris Rua

O museu que conta a história do bairro mais charmoso de Paris não traz nenhuma obra blockbuster. Ele não deve entrar na sua lista para concorrer com o Louvre. O que conta nesta visita é a experiência de reviver o entusiasmo e a excitação da boemia e dos famosos cabarés que inundaram Montmartre nos séculos 19 e 20.

Museu Montmartre Paris Fachada

Mais do que isso — o prédio, o mais antigo da região — já foi residência e ponto de encontro para diversos artistas como Renoir, Suzanne Valadon e Émile Bernard. Era o lugar onde eu gostaria de estar com as pessoas que eu gostaria de ter conhecido.

Museu Montmartre Paris Entrada

Além do que não há aglomerações nem filas. Dificilmente você vai encontrar aqui turista tirando foto com pau de selfie em frente a algum anúncio de cabaré antigo. Rá!

Museu Montmartre Paris Acervo

Museu Montmartre Paris Moulin Rouge

São pinturas, cartazes, porcelanas, litografias e desenhos assinados por Toulouse-Lautrec, Modigliani, Kupka, Valadon e Utrillo. Uma das salas é inteirinha dedicada ao Cancan, a dança típica dos cabarés franceses.

Museu Montmartre Paris Bar

Até parte do bistrô L’Abreuvoir (foto acima), frequentado por Maurice Utrillo, foi reproduzido com peças do café original.

Museu Montmartre Paris  Chat Noir

À esquerda, o célebre cartaz Le Cabaret du Chat Noir de Steinlen. À direita, a obra Bruant de Toulouse Lautrec.

O cartaz original criado por Alexander Steinlen para o cabaré Le Chat Noir (com seu enigmático gato preto) também faz parte do acervo do museu. A obra é tão famosa que você encontra reproduções dela por toda a cidade, até em cartão postal.

Museu Montmartre Paris Jardim

Já Auguste Renoir chegou a instalar seu atelier aqui em 1876, onde nasceram algumas de suas obras maestras como Le Bal du Moulin de la Galette (O Baile no Moulin de la Galette), um marco da pintura impressionista. (A obra original está no Museu d’Orsay.)

Museu Montmartre Paris La balancoire

O jardim da residência, aliás, foi recriado totalmente baseado nas telas que Renoir fez durante sua permanência na rue Cortot.  Até o balanço que inspirou o belíssimo quadro La Balançoire (foto acima) foi reproduzido nos jardins que circundam o museu.

Museu Montmartre Paris Jardins de Renoir

Eu fiquei meio paralisada com a visita. Por mais que tivesse me preparado eu nunca estaria pronta para chegar tão perto da realidade de Renoir. (Acho que, guardadas as devidas proporções, é a mesma emoção que a gente sente quando visita os Jardins de Monet em Giverny.)

Museu Montmartre Paris Placa Vinhedo

Dentro do museu você tem acesso ainda ao Vinhedo de Montmartre (da vinícola Clos de Montmartre), o último parreiral remanescente da cidade. Fica na esquina das ruas Saint Vincent e des Saules e pode ser visto por fora caso você não visite o museu.

Museu Montmartre Paris Vinhedos e cabare

Daqui você pode avistar o antigo (e ainda na ativa) cabaré Au Lapin Agile (aquela casinha vermelha lááá na esquina). A produção anual é limitada e justamente por isso cada garrafa sai em torno de € 40. A venda é toda revertida para obras de caridade.

Museu Montmartre Paris Vinhedos

Pouco tempo depois da minha visita foi inaugurado o estúdio onde viveu Suzanne Valadon e o filho Maurice Utrillo, parte do complexo que eu não cheguei a conhecer.

O Musée de Montmartre está bem próximo da Place du Tertre (onde vários artistas mantém a tradição impressionista do bairro) e a duas quadras da basílica Sacre Coeur. O espaço pode ser visitado em menos de duas horas.

Mas vá sem pressa. Não é um centro só para apreciar as obras concretas. A essência do lugar esta no que ele foi e representa para a história artística e folclórica de Montmartre.

SERVIÇO

Museu de Montmartre

Local: Rue Cartot 12 – 75018 | Paris | Metrô Lamarck-Caulaincourt ou Anvers + Funicular de Montmartre

Horário: abre todos os dias durante o ano todo, 10h às 18h. Nos meses de maio, junho, julho e agosto fecha às 19h.

Entrada: € 9,50. Crianças até 10 anos não pagam. (A visita guiada custa € 13,50. É necessário reservar.)


Exibir mapa ampliado

Posts relacionados

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Museu Bourdelle: a incrível casa-ateliê do discípulo prodígio de Rodin

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Place des Vosges e Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito em Paris

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez

Como ir do aeroporto Charles de Gaulle ao centro de Paris

França a € 50 por dia

___________________

Fotos: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.© 

Share
domingo, 08 de março de 2015

Paris | Museu Bourdelle: a incrível casa-ateliê do discípulo prodígio de Rodin

Musee Bordelle Paris 04

Difícil pensar em qualquer outro museu em Paris depois de passar pelo Louvre ou pelo D’Orsay. Temos, para ajudar, o Museu Picasso (recém-aberto após um longo período de reforma) e o moderninho Georges Pompidou. Poderia citar mais uns três ou quatro, só para ficar entre os grandes e mais renomados da capital francesa.

Musee Bordelle Paris 06

Musee Bordelle Paris Banhista de Cocoras sobre a rocha

Mas são nos pequenos espaços da cidade – quase sempre gratuitos, incluindo este – que você poderá ter algumas de suas experiências mais genuínas em Paris. O Musée Bourdelle, praticamente desconhecido dos brasileiros, vai encher seus olhos e seu coração e, de lambuja, aumentar incrivelmente sua sensibilidade sobre a arte de fazer… arte.

(O “praticamente desconhecido dos brasileiros” é apenas uma percepção empírica de quem foi até a 5ª página do Google e não encontrou mais do que dois relatos completos em português sobre o local.)

Musee Bordelle Paris 01

Escondido numa esquina de Montparnasse, está a antiga casa de Antoine Bourdelle, escultor francês e discípulo de ninguém menos que Rodin (outro que tem coleção com sede própria em Paris). Os dois trabalharam juntos por 15 anos.

Eu não entendo nada de arte, sou uma observadora da criatividade humana, apenas. Mas o folhetinho do museu destaca que Bourdelle tinha traços romanticistas, o que atenuava o expressionismo de Rodin. Seja lá o que isso signifique, estamos falando de uma das figuras mais destacadas da Belle Époque francesa.

Musee Bordelle Paris 10

O local já passou por muitas reformas e foi ampliado algumas vezes. Além de preservar boa parte do acervo deixado por Bourdelle, o museu guarda o comovente e intocado ateliê do artista. Apesar de ter mais de cem anos,  a oficina é algo tão presente e penetrante que você terá um sucessão de “déjà vu” ali dentro.

Musee Bordelle Paris atelie

Móveis, esculturas, piso, parede e objetos que Bourdelle usava, tudo conservado em estado original. Não precisa ser um místico sensitivo para absorver a aura do lugar. Depois de me perder pelo bairro, cheguei  desconcentrada e esbaforida ali –  mas foi só botar o pé na oficina que eu pude ouvir o profundo silêncio do lugar.

Musee Bordelle Paris 07

Musee Bordelle Paris 09

A casa-museu é dividida em várias salas. O quarto de Bourdelle, quase em frente ao ateliê, contribui com essa aproximação do visitante ao cotidiano do artista. Mas são nos jardins e no Grande Salão que você poderá ver algumas de suas esculturas monumentais. O branco e a claridade do lugar reforçam uma das principais fontes de inspiração de Bourdelle: a Grécia Antiga, seus deuses e heróis.

Musee Bordelle Paris 02

Da intimidade do ateliê do artista ao gigantismo das esculturas, você terá liberdade para escolher o caminho da sua visita. Pode fotografar todos os ambientes e ficar horas admirando um único molde de gesso. Não há filas para entrar nem multidões debatendo-se para garantir a melhor selfie diante das figuras de “Hércules, o Arqueiro”, obra- estudo de destaque, uma espécie de “Monalisa” do lugar.

Musee Bordelle Paris Hercules

Musee Bordelle Paris 05

Além da vasta coleção de esculturas em gesso, mármore, bronze (entre outros materiais), o Musée Bourdelle abriga também fotografias e desenhos feitos pelo artista. O aluno prodígio de Rodin deixou uma contribuição intrigante e altamente didática para os visitantes, sejam eles entendidos ou não do assunto.

Pela proporção e grandeza de sua obra, você sai do museu com uma sensação de engrandecimento, com as expectativas dilatadas e vai passar o resto do dia perguntando-se “como eu nunca havia ouvido falar desse cara antes?”

Musee Bordelle Paris 08

SERVIÇO

Musée Bourdelle

Local: 18, rue Antoine Bourdelle | 75015 Paris | Metrô Falguière

Tel. + 33 (0) 1 49 54 7373

Horário: de terça a domingo, 10h às 18h. Fechado: segundas-feiras e feriados.

Entrada: grátis

Como chegar: embora o site do museu diga para você descer na estação de metrô Montparnasse-Bienvenüe, a estação de metrô mais próxima é a Falguière. Ao sair da estação, pegue a rue Falguière e vire na 2ª rua, à esquerda, que já é a rua Antoine Bourdelle. Da estação ao museu são uns 200 metros.


Exibir mapa ampliado

Outros museus bacanas e grátis de Paris:

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito em Paris

Posts relacionados

Onde comer

Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Onde ficar

Ideal Hôtel Design: hospedagem com ótimo custo benefício em Montparnasse

Smart Place: hospedagem budget a uma quadra da Gare du Nord

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez

Banner venda Paris

Share
quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Rue Sainte-Anne: a Little Tokyo de Paris

Rue Sainte Anne Paris Little Tokio Localizacao

Um pedaço do Japão habita uma rua inteira em Paris. Conhecida como Little Tokyo, a pequena Rue Sainte-Anne reúne alguns dos mais tradicionais (e baratérrimos) restaurantes japoneses da cidade. O local agrega não só lugares bacanas para comer — mas, também, mercadinhos, livrarias e lojas de roupas orientais.

Rue Sainte Anne Paris Little Tokio Lojas

A rua fica no 2º arrondissement. Embora esteja localizado numa região central, o bairro — conhecido pelas passagens cobertas (como a Galerie Vivienne) — não tem nenhum monumento ou atrativo famoso (portanto, não está entre os mais procurados pelos turistas).

Rue Sainte Anne Paris Little Tokio Como chegar

Mas isso é uma questão de geografia teórica. Porque, na prática, temos um ponto turístico célebre a pouco mais de um quilômetro da Rue Sainte-Anne, a Ópera Garnier (que, tecnicamente, fica no 9º arrondissement — bairro da não menos famosa Galerias Lafayette).

Rue Sainte Anne Paris Higuma Como chegar Franca

O metrô mais próximo da Sainte-Anne é a estação Pyramides (linhas 7 e 14) ou a estação Quatre- Setembre (linha 3) para quem chega pelo final da rua. É só entrar na Sainte-Anne para você começar a treinar o seu Arigatô. Em algumas vitrines o cardápio está em — acho — japonês, o que é bom sinal: significa que recebe não só turista, mas grande parte da comunidade oriental da capital francesa.

Apesar de parecidos, cada restaurante tem sua especialidade. O Kunitoraya (39 Rue Sainte – Anne) está focado no Udon (um tipo de macarrão japonês servido em tigelas de sopa) com acompanhamentos fartos de camarão ou tempurá. Em média, sai € 15 cada prato. É um dos mais “caros” e bonitinhos da rua.

Já o Yakiniku (11 bis, Rue Sainte-Anne) faz uma espécie de churrasco corerano (vem uma grelha à mesa e você mesmo frita a sua carne!) acompanhado de molho (a escolher), rolinhos primavera e legumes. Tudo por € 12,50. O local é simples, porém agradável. A comida, divina.

Rue Sainte Anne Paris  Restaurante Higuma Little Tokio Localizacao

Mas o meu preferido é o Higuma (32 bis, Rue Sainte-Anne, quase em frente ao Kunitoraya), uma cantina japonesa tradicional, clássica e sem frescura. Inclusive indico este restaurante no nosso guia O Barato de Paris desde o lançamento do e-book. Aqui, por € 10-12, você garante entrada, bebida e uma tigela enorme de arroz, macarrão ou sopa atolados até o topo com carne, frutos do mar ou salada.

Rue Sainte Anne Paris Higuma Como chegar

Mas (muquiranas, atenção!) por apenas € 7 você pode pedir somente o macarrão (o tradicional yakisoba). Vai ser um dos melhores da sua vida, acredite — e a jarra de água é de graça!

O melhor de tudo é que a cozinha é aberta e fica bem na entrada. Você acompanha todo o preparo dos pratos com direito à correria dos atendentes  e panelas pegando fogo! Rá!

Importante, o Higuma forma filas enormes na porta, mas o giro é rápido. Ah, o horário de funcionamento varia de um restaurante para o outro, mas geralmente abrem às 11h30 e vão até às 22h.

Rue Sainte Anne Paris Little Tokio Localizacao 2 arrondissement

A Rue Sainte-Anne é um marco antropológico em Paris. Serve para você que gosta de comer bem sem reclamar demais e/ou para aqueles que desfrutam sair das rotas tradicionais dos destinos muito manjados. 😉


Exibir mapa ampliado

Posts relacionados

Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

Leia também

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Paris pela primeira vez: passo a passo para você aproveitar ao máximo a capital francesa

Museus gratuitos de Paris:

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Museu Victor Hugo: passeio casado e gratuito em Paris

Museu Bourdelle: a incrível casa-ateliê do discípulo prodígio de Rodin

___________________________

Fotos: Sílvia Oliveira 

___________________________

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com— onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis! Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉

___________________________

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

Share
terça-feira, 19 de novembro de 2013

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Le fromagerie Lepic Montmartre Paris - Onde comprar queijos baratos em Paris - Franca

Fromageries são lugares para você se esquecer de que um dia comeu Queijo Prato na vida. Sei que chamar de queijaria tira um pouco do gramur da coisa. Mas as fromageries nada mais são que uma espécie de mercearia especializada num dos itens mais importantes do cardápio francês: o queijim.

O fato: se para mim já era difícil entender o universo obscuro dos vinhos, agora, então… harmonizar um Carménère com um Brie se tornou um desafio para mentes brilhantes.

Le fromagerie Lepic Montmartre Paris - Queijos

É que por aqui existem o Brie de Meaux, o Brie de Montereau, o Brie de Provins e mais um par de bries para você escolher. Rapaiz, eu não sei a diferença nem entre um brie e um camembert, quanto mais… Passo.

Le fromagerie Lepic Montmartre Paris - Onde comprar queijos baratos em Paris

Por isso, zifio, prepare-se. Não faltarão fromageries no seu roteiro pela capital francesa.  Elas estão espalhadas pela cidade. Todo mundo tem uma para indicar. São queijos de primeiríssima qualidade a preços módicos se comparados aos praticados no Brasil.

Le fromagerie Lepic Montmartre Paris

Entre tantas fromageries que conheci (tipassim, de entrar e sair correndo) foi justamente nesta, em frente ao café da Amélie Poulain (que a gente já falou aqui), em Montmartre, que eu me encontrei. Me encontrei mais perdida do que nunca.

Havia queijo duro com crosta mole, queijo mole com crosta dura, queijo fedorento, queijo embolorado, queijo tipo requeijão, queijo picante, adocicado, aromático… Olha, e de pensar que meu repertório mais sofisticado sobre queijos se resumia a muzzarela e cheddar derretido.

Le fromagerie Lepic Montmartre Paris - Onde comprar queijos baratos em Paris - Tabua de queijos

O local, pequeno e modesto, oferece esta variedade incrível de queijos artesanais com eventuais degustações e um dos melhores preços da cidade. Peças inteiras de 300 g saíam por pouco mais de € 3.

Há bandejas — a partir de € 7 — que reúnem várias “espécies” da iguaria, um combo pronto para levar para o hotel ou para o lanche descontraído no Jardim de Luxemburgo. (Essa bandeja gigantona da foto saía por € 13)

Le fromagerie Lepic Montmartre Paris - Queijos Baratos Paris

O bacana aqui foi o ótimo atendimento da vendedora. Ela teve uma paciência de jó com meu francês macarrônico e tentou me explicar sobre origem e textura de algumas peças que me chamaram a atenção.

Para finalizar, bem ao lado há uma épicerie com frutas cheirosíssimas: groselha (GROSELHA!!!), amora e framboesas para acompanhar. O vinho? No mercadinho mais próximo. Voilá!

Le fromagerie Lepic Montmartre Paris - Onde comprar queijos baratos em Paris - Frutas em Frente

SERVIÇO

Fromagerie Lepic

Local: 20, rue Lepic – Montmartre | 75018 – Paris (está em frente ao Café da Amélie Poulain)

Metrô: Blanche (linha 2)

Tel.: +33 1 46 06 90 97

Atenção: lembre-se de que produtos alimentícios artesanais, principalmente os derivados de leite, são proibidos pela Vigilância Sanitária de entrar no Brasil.

Posts relacionados

Onde comer

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Onde ficar

Ideal Hôtel Design: hospedagem com ótimo custo benefício em Montparnasse

Smart Place: hospedagem budget a uma quadra da Gare du Nord

Museus bacanas e gratuitos em Paris

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito em Paris

Museu Bourdelle: a incrível casa-ateliê do discípulo prodígio de Rodin

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez

França a 50 euros por dia

Banner venda Paris

Fotos: Sílvia Oliveira

___________________________

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com— onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis! Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

Share
sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Paris | Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Cafe Amelie Poulain Paris - Como chegar - Les Deus Moulin

Era para ser só mais uma cafeteria de Paris. O local não tem muito charme e passaria batido por você (e por mim) se não fosse um pormenor: aqui foram gravadas diversas cenas do filme O Fabuloso Destino de Amelie Poulain, lançado em 2001.

A personagem principal — interpretada pela fofíssima Audrey Tautou — trabalhava aqui, no Des Deux Moulins, no bairro boêmio de Montmartre.

Cafe Amelie Poulain - Paris - Como chegar - Les Deus Moulin - Montmartre

O longa do diretor Jean-Pierre Jeunet tem fãs enlouquecidos e o “Café da Amélie Poulain” (como ficou conhecido) atrai turistas do mundo inteiro, gente que lota as mesinhas apertadas do lugar.

Nada que seja um inconveniente para os aficionados do filme. A “presença” de Amélie — a carismática garçonete que tinha o dom de realizar os sonhos das pessoas que viviam ao seu redor — é constante.

Cafe Amelie Poulain Paris - Localizacao - Les Deus Moulin

Um enorme cartaz do filme traz o rostinho simpático e travesso da Amélie e ao lado do banheiro um armário deixa à mostra vários objetos usados no filme, um pequeno museu para delírio dos entusiastas da obra (presente!).

A sobremesa mais pedida da casa, o crème brûlée  (€ 8, inclui um café), era a preferida da personagem, que fazia do ato de degustar o doce um rito sensível e solene. Mas eu investi em algo mais refrescante, o Fromage Blanc Miel (€ 5,50) — uma espécie de iogurte natural com mel, que eu amo!

Cafe Amelie Poulain Paris - Como chegar - Les Deus Moulin - Montmartre

O cardápio é variado e oferece café da manhã (servido até meio-dia) com bebida quente (chá, café, cappuccino), suco de laranja, pães, manteiga, presunto, croissant e omelete por € 12; almoço com entrada e prato principal ou prato principal e sobremesa por € 14,80, além de diversos itens para petiscar, como a tradicional batata frita.

Cafe Amelie Poulain Paris - Montamartre - Localizacao - Les Deus Moulin

Vale destacar que os preços costumam ser maiores que os de outros cafés da região, por motivos óbvios. (Mas também não é nenhum absurdo!)

E como não provei nada, além do Fromage Blanc Miel, não tenho como garantir que a comida é a melhor do mundo! Aqui, o que vale é a experiência, aquele pormenor do nosso primeiro parágrafo! 😉

SERVIÇO

Café Des Deux Moulins

Local: 15 rue Lepic |  75018 – Paris

Metrô: Blanche (linha 2)

Tel.: + 33 1 42 54 90 50

Funcionamento: todos os dias, das 7h30 às 2h.

Curiosidade: o café recebeu este nome, Des Deux Moulins, porque está entre dois moinhos (moulin, em francês) famosos do bairro: o Moulin Rouge (um cabaré tradicional fundado em 1889) e o Moulin de la Galette, imortalizado no célebre quadro O Baile no Moulin de la Galette, pintado por Renoir.


Exibir mapa ampliado 

O Café da Amélie Poulain fica perto de:

Moulin Rouge

Moulin de la Galette

Musée de Montmartre

Basílica de Sacré Coeur

Posts relacionados

Onde comer

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Onde ficar

Ideal Hôtel Design: hospedagem com ótimo custo benefício em Montparnasse

Smart Place: hospedagem budget a uma quadra da Gare du Nord

Museus bacanas e gratuitos em Paris

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito em Paris

Museu Bourdelle: a incrível casa-ateliê do discípulo prodígio de Rodin

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez

França a 50 euros por dia

Banner venda Paris

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com— onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis! Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

_______________

Fotos: Sílvia Oliveira 

Share
quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Paris | Smart Place: hospedagem budget a uma quadra da Gare Du Nord

Smart Place Hotel Economico Paris

Pela segunda vez fui de Londres a Paris com o Eurostar (o trem que atravessa o Canal da Mancha por um… túnel!). Ao chegar à capital francesa o desembarque é na Gare Du Nord, no bairro de Montmartre. Escolhi este hostel basicamente pela localização, está a 100 metros da estação. Era descer do trem e caminhar uma quadra, onde uma cama e um banho quente estariam me esperando.

Reserva |  Pelo Booking.com. O sistema não cobra taxa de reserva e tem cancelamento grátis. (Observe que na política específica do Smart Place, às vezes, a diária é cobrada no ato da reserva, sem possibilidade de reembolso).

Smart Place Hotstel Budget Paris

O quarto | Minúsculo. Eu fiquei num dormitório com seis camas e estava lotado. Mal havia lugar para abrir a mala e não existia tomada para todo mundo. Tive que deixar meu celular carregando na tomada do banheiro que, por sorte, ficava dentro do quarto. (O banheiro, aliás, merece uma ressalva: uma pessoa com sobrepeso não entra no box, é bem apertado!). Mas a cama é boa e, apesar da janela ficar de frente para a rua, não havia muito barulho. Dormi bem.

Wi-fi | Gratuito e rápido, mas só funciona nas áreas públicas do hostel.

Smart Place Hotstel Onde ficar em Paris

Smart Place, Paris: vista do quarto.

Localização | Está a 100 metros da estação de trem e metrô Gare Du Nord, onde chega e sai o Eurostar para Londres e Bruxelas. Já a estação Gare de l’Est (de onde partem os trens para Estrasburgo, Reims e Zurique) fica a 10 minutos a pé. Em 20 minutos caminhando você chega ao coração de Montmartre, onde está a Basílica Sacre Coeur e o famoso cabaré Moulin Rouge.  Se você vier do Aeroporto Charles de Gaulle pegue o RER B (linha azul) e desça na estação Gare du Nord. Facílimo. O hotel fica a 2 minutos a pé da estação.

Check-in | A partir das 15h.

Check-out | Até às 11h. Só aceitam cartões Visa e Mastercard.

Smart Place Hostel Bom e Barato Paris

Atendimento | Simpático. O staff é trilíngue.

Vantagem | No meu caso, a vantagem foi a localização. Além de estar perto da estação onde eu desembarcaria vindo de Londres, o hostel serviu de QG para eu fazer um roteiro a pé por Montmartre. O prédio tem elevador, o que é uma raridade quando se trata de hospedagem econômica em Paris. O banheiro é privativo, mesmo nos quartos coletivos. Ao redor do hostel há vários restaurantes, bares e redes de fast food, além de farmácias e mercadinhos.

Desvantagem | Estou acostumada a ficar em albergues, portanto sei o que vou encontrar: muvuca e pouca privacidade. Em troca disso, você paga uma tarifa mais em conta. Mas o que me incomodou foi a falta de tomadas suficientes para todos os hóspedes do quarto. Não oferece café da manhã.

Preço | A diária nos quartos coletivos está a partir de € 28. Na alta temporada chega a € 35. O quarto de casal sai a partir de € 79. Sem café da manhã, lembrando.

SERVIÇO

Smart Place

Local: 28 rue de Dunkerque, 10 – Gare du Nord,| 75010 Paris

Tel.: + 33 (1) 48 78 25 14

Posts relacionados

Ideal Hôtel Design: hospedagem com ótimo custo/benefício em Montparnasse

Canterbury Hall: hospedagem econômica na residência universitária da University of  London

Goldem Tram 242: hostel tinindo de novo no coração de Lisboa

Leia também

Rota de Boulangeries: 1o lugares para você tomar seu café da manhã em Paris

Chocolaterie De Neuville: enfim, a democratização dos chocolates finos na França

Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Paris pela primeira vez

Como ir do aeroporto Charles de Gaulle ao centro de Paris

__________________

Fotos: Sílvia Oliveira 

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

Share
quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Paris | Ideal Hôtel Design: hospedagem com ótimo custo/benefício em Montparnasse

Ideal Hotel Design Paris Onde se hospedar em Paris Montparnasse 02

Na minha última passada por Paris fiquei em três hotéis diferentes.  Todos foram escolhidos baseados na localização, algo que facilitasse a execução do meu roteiro programado. Como Montparnasse era um bairro pouco conhecido por mim passei duas noites aqui para explorar melhor a região.

O Ideal Hôtel Design é considerado um três estrelas. Foi onde paguei a diária mais cara da viagem (eu disse que era um hotel com ótimo custo/benefício, não muquirana), mas — ainda assim — um valor bem econômico (menos de € 100 casal) se comparado a outros hotéis semelhantes, só que mais próximos do atrativos turísticos.

Minhas fotos não mostram um terço da belezinha do lugar. Tem uma recepção superestilosa, com academia de ginástica e lounge bar. Veja fotos decentes aqui.

Ideal Hotel Design Paris Onde se hospedar em Paris

Reserva | Feita pelo Booking.com. O sistema não cobra taxa de reserva e tem cancelamento grátis.

O quarto | Decoração harmoniosa, tudo novo. Colchão e lençóis excelentes. Banheiro pequeno, porém funcional. Oferece TV de tela plana com canais via satélite. Tem mesinha de trabalho. Já o secador deixa a desejar.

Wi-fi | É grátis e funciona muito bem em todas as áreas do hotel.

Ideal Hotel Design Paris Onde se hospedar em Paris Montparnasse

Localização | Está em Montparnasse, bairro de tradição literária. O nome, Montparnasse, inclusive, é uma referência a Parnasso, uma espécie de região simbólica onde viviam os poetas da Grécia Antiga. Vários escritores americanos moraram aqui como Henry Miller e Hemingway.

O hotel fica exatamente em frente ao metrô Porte D’Orléans. Está a 20 minutos do Louvre de metrô. Já o bairro de Saint-Germain-des-Prés está a 10 minutos. A estação Porte D’Orléans fica a três paradas da estação Denfert-Rochereau (menos de 10 minutos), de onde sai o OrlyBus, ônibus que leva ao aeroporto de Orly.  Ah, a padaria Pascal Robin (que eu falei no post Rota de Boulangerie) fica exatamente ao lado do hotel. :)

Check-in | A partir das 14h30. Recepção 24 horas.

Check-out | Antes das 12h. Aceitam, entre outros, o cartão Diners, o que é uma raridade na França.

Atendimento | Cordial e solícito.

Vantagem | Localização em frente ao metrô, bairro tranquilo e ótimo custo/benefício. Se você não ficar de #mimimi com o elevador-cubículo tenho certeza de que vai adorar! Ficar aqui é uma opção para conhecer este bairro menos explorado pelos turistas com um metrô na porta para ir aonde quiser.

Ideal Hotel Design Paris Onde se hospedar em Paris Montparnasse 01

Desvantagem | Se você quiser se hospedar bem próximo dos atrativos turísticos e não depender de metrô  talvez a localização deste hotel não te agrade. (Só que por este preço e qualidade não se encontra nada ao lado da Torre Eiffel).

Preço | a partir de € 99 a diária para casal (€ 89 individual), sem café da manhã que custa € 9.  Mas tem padaria ao lado. (Agora em agosto, há tarifas promocionais no Booking.com a partir de € 70 o casal)

SERVIÇO

Ideal Hôtel Design
Local: 108 Boulevard Jourdan, 14. Torre de Montparnasse, 75014 – Paris
Tel.: +33 (1) 45 40 45 16
Metrô: Porte D’Orléans


Exibir mapa ampliado

Posts relacionados

Europa Barata: Paris pela primeira vez

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar seu cafe da manhã em Paris

_________________

Fotos: Sílvia Oliveira 

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

Share
sexta-feira, 05 de julho de 2013

Rota de Boulangeries: 10 lugares para tomar seu café da manhã em Paris

Boulangerie Savuers de Pain Paris 1

O famoso “Grand Prix” — prêmio que elege o melhor pão de Paris — incrementou ainda mais a qualidade das boulangeries da cidade que já eram consideradas as melhores do mundo. Fiz um roteirinho básico.  Algumas padarias passam longe de premiações, mas são endereços tão bacanas que você vai adorar conhecer. Sem contar que a maioria traz no “pacote” uma pâtisserie única e criativa.

É bom lembrar que algumas padarias de Paris fecham dois dias na semana e que a maioria, por lei, tem que tirar férias uma vez por ano. Para mim, provar uma boa baguete não é só uma questão gastronômica, mas cultural. A casca tem de ser uniforme e crocantinha. Já o miolo, por favor, bem macio e suave. Anote aí!

1. SAVEURS DE PAIN

Boulangerie Savuers de Pain Paris

Boulangerie Savuers de Pain Paris 2

Por que? Não está entre as famosas, mas além dos pães artesanais, a Saveurs de Pain oferece sanduíches encorpados feitos na hora — a partir de € 3. A pâtisserie do lugar é clássica e acessível.

Destaque: a Tarte Aux Abricot (torta de damasco) me faz sonhar todos os dias com este lugar.

Onde:  32 Rue Vielle du temple, 70004. Marais – Paris. Metrô: Saint Paul.

Dica: está no bairro Marais, a sete quadras da Places des Vosges.

2.ERICK KAYSER – ARTISAN BOULANGER 

Erik Kaiser Boulangerie Paris 2

Erik Kaiser Boulangerie Paris 4

Por que? O chef Erick Kayser transformou sua boulangerie numa cadeia internacional de padarias com unidades em diversos países e 15 filiais em Paris. Com uma receita secreta de fermentação, são mais de 60 variedades de pães e bolos, além de doces extraordinários. Tudo livre de aditivos e conservantes.

Destaque: os pães de nozes e de figo deveriam ser itens obrigatórios na cesta básica de qualquer mortal.

Onde: 18 Rue du Bac, 75007. Metrô: Rue du Bac

Dica: a maioria das filiais fecha no domingo. Esta unidade da Rue du Bac (que fica perto do Museu D’Orsay) não abre às segundas-feiras. Consulte o site antes de ir.

3. DES GATEAUX DU PAIN 

Des Gateaux du Pain - Boulangerie Paris 1

Des Gateaux du Pain - Boulangerie Paris 2

Des Gateaux du Pain - Boulangerie Paris 3

Por que? A chef pâtisserie e proprietária Claire Damon já trabalhou no podre de chique Hotel Plaza Athénée. A especialidade da casa são os doces, os mais lindos e perfeitos de todas as padarias que visitei. Mas também, de longe, os mais caros. Os pães também fazem sucesso, mas o local não tem lugar para se sentar. Tem que comprar e levar.

Destaque: foi o melhor croissant que comi na viagem. Embora os doces custem, em média, € 7… eu provei um bolo de morango (não me lembro do nome ao certo) que custou € 4. Valeu cada centavo.

Onde: 63 Boulevard Pasteur, 75015. Montparnasse – Paris. Metrô Pasteur

Dica: está a duas quadras de um dos segredos mais bem guardados de Paris, o Museu Bordelle. Fecha às terças-feiras.

4. HURÉ – CREATEUR DE PLAISIR

Hure Createur de Plaisir Boulangerie Paris1

Hure Createur de Plaisir Boulangerie Paris 2

Hure Boulangerie Macarons

Por que? Foi a melhor surpresa da rota. Descobri essa boulangerie caminhando perto da Notre Dame. O local é minúsculo, mas tem a vitrine mais cheirosa da região. Assim como a Des Gateaux du Pain não há lugar para se sentar. Você entra na fila já com o dinheiro trocado na mão — não faça como eu de ficar contando as moedas na hora de pagar porque o povo atrás de você vai chiar. Os macarons são divinos, mas têm preços de boutique, € 2 cada.

Destaque: os pães, uma enorme variedade entre salgados e doces, têm grife e são baratos. Pedi um recheado com pasta de salmão por € 2,90.

Onde: 18 Rue Rambuteau, 75004 – Metrô Rambuteau e 1 Rue d’Arcole, 75004 – Metrô Cité.

Dica: a unidade da Rue Rambuteau fica ao lado do Pompidou e a da Rue d’ Arcole a uma quadra da Notre Dame.

5. LE PAIN QUOTIDIEN 

Le Pain Quotidien Boulangerie Paris 1

Le Pain Quotidien Boulangerie Paris 2

Le Pain Quotidien Boulangerie Paris 4

Le Pain Quotidien Boulangerie Paris 3

Por que? Depois que chegou ao Brasil (são três unidades em São Paulo) no ano passado, a Le Pain Quotidien ficou ainda mais conhecida por aqui. A rede de boulangerie belga, espalhada pelo mundo todo, foi uma das primeiras padarias a fazer uso de produtos orgânicos e adotar uma mesa comunitária.  Você pede o pão e pode se lambuzar com as geleias e nutella que ficam à sua disposição, mas sempre dividindo o espaço com o vizinho do lado.

Destaque: muffins, brownies, croissant… é difícil dizer o que é melhor aqui. O café espresso vem em delicados minibowls, uma espécie de xícara sem asa. Só prepare o bolso, não é das mais baratas! Meu café e pain au chocolat saíram por € 5,20. Ao acrescentar um brownie a conta pula para € 10 facim.

Onde: 18-20 Rue des Archives, 75004 – Metrô Hotel de Ville.

Dica: são várias unidades nas cidades (confira aqui). Esta da Rue des Archives (onde eu fui)  fica no Marais, a umas cinco quadras do Pompidou e a umas duas quadras do Hôtel de Ville. Há outra unidade na 18, place du Marché St. Honoré, 75001 – Metrô Tuileries, que fica próxima da Place Vendôme e do Jardin des Tuileries.

6. POMME DE PAIN

Pomme Du Pain Padaria Onde comer bem e barato Paris 1

Pomme Du Pain Padaria Onde comer bem e barato Paris 2

Por que?  Não se trata exatamente de uma boulangerie. A Pomme de Pain é uma rede de fast food francesa especializada em bolos, tortas e sanduíches. Mas tem a opção de café da manhã que eu, aliás, adorei. O combo básico (tartine com manteiga — enoooorme, café com leite e suco de laranja) sai por € 4,25. Você também pode almoçar ou jantar aqui a preços módicos.

Destaque: o sanduíche Le Cordon Bleu (frango, presunto, queijo suíço e bacon grelhado).

Onde: 85 Rue de Rivoli, 75001. Metrô Louvre-Rivoli (a uma quadra do Louvre). Há outros endereços na cidade, confira aqui.

Dica: Quer pagar de bacana?  Vá à unidade que fica no metro quadrado mais caro da Europa, Av. Champs Élysées, 50 – Metrô Franklin Roosevelt (linha 1).

7. LEGAY CHOC  

Legay choc Boulangerie Patisserie paris 3

Legay choc Boulangerie Patisserie paris 4

Por que? Porque é a padaria mais divertida do mundo, basta ter senso de humor. Os pães aqui tem um formato, digamos, mais anatômico. Aliás, são vários itens em forma de bilau, como bolos e tortas. E antes que você me pergunte, Legay é o sobrenome da família que toca o negócio. Quer dizer, a empresa.

Destaque: o pão-pinto, claro, também chamado de Baguette Magique. Rá rá! Por € 2,30. Mas eu fiquei, juro, só no miniviennoiserie a € 0, 65 cada.

Onde: 45 Rue Sainte-Croix de la Bretonnerie , 75004 – Metrô Hôtel de Ville. (Está a uma quadra da Le Pain Quotidien do Marais).

Dica: fica a quatro quadras do Pompidou e a duas quadras do Hôtel de Ville. Fecha às terças-feiras.

8. PASCAL ROBIN

Sylvia e Pascal Robin Boulangerie Porte DOrelans Paris 1

Sylvia e Pascal Robin Boulangerie Porte DOrelans Paris

Por que? Embora desconhecida, acho que até da maioria dos parisienses, você ainda assim vai ter que enfrentar uma filinha para garantir uma baguete  artesanal ou um doce sofisticado a preço de banana. É que os trabalhadores e estudantes do bairro já sabem onde bater ponto para comer um recheado sanduíche ou provar as novidades da pâtisserie da casa.

Destaque: a torta de maçã, pedaço gigante e sabor impecável, por € 2,50.

Onde: 106 Boulevard Jourdan 75014 – Montparnasse. Metrô Porte D’Orleans.

Dica: está a umas 10 quadras do cemitério de Montparnasse, mas o metrô fica na porta. O local é minúsculo e não tem mesas. É comprar e levar.

9. LE GRANIER À PAIN 

Le Grenier a Pain

Por que? Ganhou como melhor baguete em 2010 e é considerada uma das bambambãs da cidade. As boulangeries vencedoras do Gran Prix recebem um prêmio em dinheiro e passam a fornecer pão por um ano à Presidência da República.

Destaque: a baguete, perfeita. Levemente crocante por fora e miolo quase umedecido, com gosto de avelã (o algo parecido). Por dentro, os buracos no pão revelam que a fermentação foi longa e tradicional.

Onde: 38 Rue des Abesses – Metro Abesses (linha 12), Montmartre.

Dica: são 14 lojas em Paris e arredores. Eu fui à unidade que fica em Montmartre, perto da Sacré Coeur. Esta é a unidade vencedora, comandada pelo padeiro senegalês Djibril Bodian. Atenção, fecha às terças e quartas. (Não permite fotos).

10. KORCARZ

Korcarz Boulangerie Marais Paris Onde Comer Kosher 5

Korcarz Boulangerie Marais Paris Onde Comer Kosher 7

Por que?  A padaria (já falamos dela aqui), fundada há 50 anos, foi a primeira de Paris a comercializar pães e doces kosher (que prepara os alimentos de acordo com a Lei Judaica de alimentação). O local oferece folhados de pistache (baklava) e uma vitrine de doces para judeu algum botar defeito.

Destaque: o strudel, por € 3.

Onde: 29 Rue des Rosiers, 75004 – Marais. Metrô Saint Paul (linha 1)

Dica: está na ruazinha mais charmosa do Marais, quase ao lado do L’As du Fallafel e perto da Place des Vosges.

11. MAC DONALD’S (Mais uma de brinde!)

Cafe da Manha MacDonalds Paris

Por que? Só para não perder o costume mão-de-vaca-muquirana. Café com leite e pão com manteiga por € 2,50. (Ó, e não é ruim, não).

Destaque: a internet wi-fi. :mrgreen:

Onde: na esquina mais próxima de você.

Dica: não dizer que foi o Matraqueando que indicou.

___________________________

Leia aqui todos os nossos posts sobre Paris.

Adquira já nosso guia O Barato de Paris
___________________________

Fotos: Sílvia Oliveira 

___________________________

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com— onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis! Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉

___________________________

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

Share
quarta-feira, 03 de julho de 2013

Chocolaterie De Neuville: enfim, a democratização dos chocolates finos na França

De Chocolat Neuville Marais Onde comprar chocolate Paris 01

Amadas, sabem por que as mulheres francesas não engordam? Porque elas gostam de chocolates finos. E chocolates finos, além de trabalhados com matéria-prima especial, pouca gordura e mais cacau…costumam ser beeem mais caros que os tradicionais. Significa que não dá para encher a sacola como a gente faz com o sonho de valsa. Resultado: você come menos. Rá!

Existem tantas “chocolaterias” famosas em Paris que eu cheguei a pensar em fazer uma rota turística com elas. Mas pelo bem dos meus cinco quilos a menos (feito que eu consegui após acompanhar o Raul numa dieta saudável) fiquei só com a rota de boulangeries e pâtisseries mesmo.

De Chocolat Neuville Marais Onde comprar chocolate Paris

É claro que você já ouviu falar no Pierre Hermé, famosésimo pelos macarons com combinações e sabores incomuns.  O chef pâtissier (acho que é assim que se escreve) também tem uma linha de chocolates, considerados pelos aficionados do gênero como um dos melhores — e mais caros — do mundo.

Outras chocolateries como Michel Cluizel (com apenas uma unidade selecionadíssima em Paris, na Rue Saint Honoré, 201 – 75001), Pierre Marcolini (da Bélgica, mas com filiais na capital francesa) e Valrhona (com quiosques na Printemps e Galerias Lafayette, mas que não vendem um bombom, pequeno, por menos de € 5) entram facilmente na lista de quem gosta de saborear chocolates finos, independente do preço.

Aí que entra a rede de chocolates De Neuville com 140 unidades espalhadas pelo França. Só pelo excesso de lojas, os puristas já torcem o nariz — e podem, a qualquer momento, ensaiar um protesto contra o brogue. (Mas, muquiranas queridos, unidos jamais seremos vencidos!) Eu, ao contrário, vejo com bons olhos e paladar atento. A De Neuville é a nossa Cacau Show. Em cada esquina você vai encontrar uma. Embalagens sofisticadas. Tabletes, drágeas, minichocolates, caixas de bombons e lascas cobertas com castanhas e frutas secas que você pode comprar por quilo.

De Chocolat Neuville Marais Onde comprar chocolate Paris 04

Só que ao contrário da nossa Cacau Show que realmente democratizou o segmento no Brasil, a rede francesa não chega a ser uma pechincha. Mas é bem mais acessível em comparação às suas primas-irmãs. Este pedaço de chocolate (foto acima) com castanhas, passas e lascas de laranja saiu € 3,90.  Beira à perfeição! (Desculpem amigos gourmets, mas esta é a opinião de quem está acostumada com Diamante Negro).

De Chocolat Neuville Marais Onde comprar chocolate Paris 02

Já o conjuntinho de 6 minichocolates está por € 3 e ainda vem envolto numa delicada fitinha  de cetim. Quer souvenir mais fofo e aconchegante que este?

De Chocolat Neuville Marais Onde comprar chocolate Paris 06

Já o combo com 40 unidades deste minichocolate (foto da esquerda) custa € 15 e a caixa com 23 bombons sortidos (foto da direita) custa € 12. (Imagens do site da De Neuville, com permissão.)

Concordo que talvez não se compare a um Leonidas (cadeia belga consagrada com 340 lojas na França) ou ao líder no segmento um-monte-de-lojas-no-país Jeff de Bruges (que muita gente pensa que é de origem belga — por causa do “bruges” no nome — mas trata-se de uma rede francesa também com várias franquias). O que vale na De Neuville é provar o autêntico chocolate francês e, ainda por cima, poder levar para casa algumas unidades de presente por valores bem honestos.

SERVIÇO

Chocolat de Neuville
Local: são vários endereços na cidade, confira aqui. Abaixo, seguem algumas filiais que ficam próximas de atrativos turísticos:

De Neuville – Marais (Perto da Places des Vosges e Museu Carnavalet)
36 Rue Vieille du Temple, 75004 — quase esquina com Rue des Rosiers.
Tel.: +33 01 42 71 50 06
Metrô: Saint Paul (linha 1)

De Neuville – St. Germain (Perto da Notre Dame, Museu Cluny e Sobornne)
70 Boulevard Saint Germain, 75005.
Tel.: +33 01 43 54 23 39
Metrô: Maubert-Mutualité (linha 10)

De Neuville – Buci (Perto do Jardim de Luxemburgo e Teatro Odeón)
29 Rue de Buci, 75006.
Tel.: +33 01 46 33 77 63
Metrô: Mabillon (linha 10) ou Saint Germain-des-Prés (linha 4)

De Neuville – Marbeuf (A uma quadra da Av. des Champs Élysées, no trecho entre os metrôs George V e Franklin D. Roosevelt e a umas sete quadras do Arco do Triunfo)
24 rue Marbeuf , 75008.
Tel.: +33 01 42 25 26 88
Metrô: Franklin D. Roosevelt (linha 1)

Posts relacionados

Europa Barata: Paris pela primeira vez 

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Place des Vosges e Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito no Marais

Leia também

Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Fotos: Sílvia Oliveira (menos a última que pertence ao site da De Neuville, usada com permissão)

___________________________

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com— onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis! Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉

___________________________

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas, valores imbatíveis!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido. 

Share
terça-feira, 02 de julho de 2013

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Museu Carnavalet Historia de Paris Pontos turisticos 1

Difícil não gostar de um lugar como esse. Até quem não é fã de museus do gênero vai se impressionar no Carnavalet. Para começar, o museu está no queridinho bairro Marais — instalado em duas pomposas mansões dos séculos 15 e 16. São quase 140 salas de exposições. Tudo retratado para contar minunciosamente a história da capital francesa desde a fundação da cidade até os dias de hoje. O único porém é que fotos e filmagens são totalmente proibidas.

Uma pena. Se eu pudesse mostrar aqui um terço do que eu vi lá tenho certeza de que as imagens instigariam muito mais a curiosidade das pessoas que ainda não conhecem o museu. Aliás, até onde eu sei, o local é bem pouco assediado pelos turistas. (Eles até sabem que existe, mas nunca vão lá!) Muita  gente desconhece, por exemplo, que o jogo de xadrez que Luiz 16 usou para se distrair – reza a lenda – antes de ser guilhotinado, está exposto no Carnavalet.

Museu Carnavalet Historia de Paris Pontos turisticos 2

Museu Carnavalet Historia de Paris Pontos turisticos 4

Deixemos o #mimimi de lado e vamos ao que interessa. Você vai encontrar no Museo Carnavalet desde relíquias arqueológicas até maquetes arquitetônicas que reconstroem edifícios e monumentos que não existem mais. O Hôtel Carnavalet, uma das mansões onde está instalado o museu, é considerado o palacete mais antigo de Paris. O “hôtel”, interligado a outro palacete por uma passarela e rodeado por lindos jardins, está intimamente ligado à escritora francesa Madame de Sévigné que se mudou para cá em 1677. Dizem que daqui saiu algumas das suas mais belas cartas enviadas à filha. A correspondência acabou se transformando em um dos principais documentos literários e sociológicos daquela época.

Os jardins, o apartamento, a mobília… tudo parece intocado. A sensação, aliás, é de que alguém ainda mora ali. O museu também conserva a coleção mais importante do mundo sobre a Revolução Francesa, de célebres retratos de Robespierre a pedras da Bastilha. Já a vida literária está retratada nas cartas e pertences de Madame de Sévigné, Rousseau, Voltaire e até na réplica do quarto onde Marcel Proust escreveu Em Busca do Tempo Perdido.

Museu Carnavalet Historia de Paris Pontos turisticos 6

Além de tudo, o Museu Carnavalet é multidisciplinar e está dividido em departamentos, tudo muito didático: arqueologia, pinturas, artes gráficas, fotografia, esculturas, maquetes, numismática e insígnia (nome difícil da sala que abriga mais de 200 placas e letreiros que retratam os anúncios ou nomes dos estabelecimentos a partir do século 17, documentando as atividades comerciais da época).

Só fiquei meio perdida com a cronologia da coisa. Na verdade, o acervo, pelo que eu entendi, não está em ordem cronológica — o que pode confundir um pouco a visita. No mais, o Museu Carnavalet é só boa notícia. Além do acervo impressionante, você dificilmente vai pegar fila e a entrada é gratuita — assim como mais de 20 museus municipais da cidade. O Barato de Paris está aqui!

SERVIÇO

Museu Carnavalet
Local: 23 rue de Sévigné, 75003. Marais – Paris
Tel.: +33 01 44 59 58 58
Funcionamento: terça a domingo, 10h às 18h. Fecha às segundas e nos feriados.
Entrada: gratuita
Metrô: Saint Paul (linha 1) ou Chermin Vert (linha 8)
Dica: a Cripta Arqueológica e As Catacumbas de Paris são consideradas sedes do Museu Carnavalet, por também contarem parte da história da cidade. Mas ambas têm entradas pagas.


Exibir mapa ampliado

O Musée Carnavalet fica perto de:

– Places des Vosges
– Maison Victor Hugo
– Rue des Rosiers (onde ficam Korcarz, Chez Hanna e L’As du Fallafel)
– Centro Georges Pompidou

Descarregue o PDF do museu aqui. (Está em Francês, mas você consegue visualizar melhor o que eu não pude mostrar aqui).

Posts relacionados

Places des Vosges e Maison Victor Hugo

Onde comer no Marais

L’As du Fallafel: porque faláfel não é brinquedo, não!

Chez Hanna: se não é o faláfel mais gostoso do Marais, é tão bom quanto.

Korcarz: pâtisserie e boulangerie kosher no Marais

Fotos: Sílvia Oliveira 

___________________________

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com— onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis! Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉 

___________________________

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

Share
segunda-feira, 01 de julho de 2013

Paris | Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Zenyama Restaurante Onde comer bem e barato Paris 6

Se você já foi a Paris sabe que restaurantes orientais estão em toda esquina. (Aliás, como em qualquer lugar do mundo!) De uma maneira geral, todos são baratos. Difícil é saber em qual deles você não precisa ser ninja para encontrar uma comida agradável com bom atendimento e ambiente bacana.

(Já peço desculpas pela péssima qualidade das fotos. Minha maquininha tômatica costuma ser bem rebelde em ambientes com pouca luz.)

Zenyama Restaurante Paris 2

O Zenyama ganha nos três quesitos e, ainda por cima, está a duas quadras do monumento mais visitado de Paris, a Catedral de Notre Dame. (Não, não é a Torre Eiffel). Acho a questão da localização importante, porque é sempre difícil comer bem por um preço justo perto dos atrativos turísticos.

Zenyama Restaurante Onde comer bem e barato Paris 2

Assim que você se senta o garçom traz uma toalhinha quente e úmida para higienizar as mãos. (Lusho!) O cardápio é grande e oferece desde temaki (a partir de € 4,80) e gyoza (6 unidades por € 5,80) a enormes barcos com combinados de sushi e sashimi a partir de € 40. O que me chamou a atenção foi o Menu Brochettes.

Zenyama Restaurante Paris 4

As “brochettes” são nossos espetinhos. O menu mais barato (o que eu pedi) está € 8,80. São cinco espetos (salmão, carne, frango, almôndega e queijinho assado) acompanhados de sopa, arroz (tipo gohan) e salada (repolho). Só não gostei do repolho, achei o tempero muito azedo.

Zenyama Restaurante Onde comer bem e barato Paris 3

Para beber pedi uma água com gás, que custou € 2 (500 ml). O Menu Brochette mais caro vem com 10 espetos ( inclui camarão, linguiça, cogumelos, etc) e acompanhamentos. Sai por € 14,90. Duas pessoas podem dividir tranquilamente, é muita comida! Ah, e se você comprar para levar tem 10% de desconto (menos no Menu do Dia). 😀

SERVIÇO

Zenyama – Restaurant Japonais

Local: 10 Rue Lagrange, 75005. Pantheón – Paris. (Há outra unidade na Bd. du Montparnasse, 84 – a uma quadra do Cemitério do Montparnasse.)

Tel.: +33 01 52 10 88 88

Funcionamento: todos os dias, menos almoço de domingo, 11h às 15h, 18h30 às 23h (ou 23h30 nos fins de semana)
Metrô: Maubert-Mutualité (linha 10) e Saint Michel (linha 4)


Exibir mapa ampliado 

O Zenyama fica perto de:

Catedral de Notre Dame
Quartier Latin (bairro)
Boulevard Saint Germain

Posts relacionados

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez 

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Place des Vosges e Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito no Marais

Fotos: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.

___________________________

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com— onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis! Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉

___________________________

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas, valores imbatíveis!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido. 

Share
domingo, 30 de junho de 2013

Place des Vosges e Maison Victor Hugo: passeio casado e gratuito em Paris

Place des Vosges Paris Turismo 01

Não houve sequer uma vez que eu tenha vindo a Paris que não tenha dado uma passadinha na Place des Vosges, talvez o principal atrativo turístico do Marais. É a praça planejada mais antiga da cidade.

Maison Victor Hugo Place des Vosges Maris Paris França

Place des Vosges Paris Turismo 04

Foi construída lá pelos anos de 1600. Já foi até arena para duelos. Tem uma arquitetura quadrada com pavilhões simétricos de tijolinhos aparentes.

Place des Vosges Paris Turismo 03

Aos domingos costuma ter música ao vivo. Mas em qualquer dia da semana, basta um rasgo de sol para levar dezenas de pessoas aos gramados do lugar. A praça por si só é um passeio completo (e, óbvio, não paga nada para entrar).

Place des Vosges Paris Turismo 06

Mas além de lojas, galerias e café espalhados por ali, a Place des Vosges tem algo absolutamente especial: a Maison Victor Hugo, casa-museu de um dos maiores escritores franceses. Grátis.

Maison Victor Hugo Place des Vosges Maris Paris Pontos Turisticos 1

Ele viveu aqui por 16 anos (de 1832 a 1848), onde escreveu grandes romances, inclusive parte de Os Miseráveis (Les Misérables). O local só virou museu no começo do século 20 e foi reconstituído a partir de fotos e documentos. Mas a escrivaninha e a pena de onde saíam suas obras, o busto feito por Rodin e parte do mobiliário são originais.

Maison Victor Hugo Place des Vosges Maris Paris Pontos Turisticos 4

O apartamento foi dividido em salas que contam a história de Victor Hugo através de cartas, rascunhos, pinturas, gravuras, obras de arte e desenhos feitos pelo próprio escritor. Não sei você, mas meus museus preferidos são como esses, de história, do tipo casa-museu. (E Paris tem vários neste estilo como a Maison Balzac e Maison Edith Piaf  – ambos também com entrada gratuita).

Maison Victor Hugo Place des Vosges Maris Paris Pontos Turisticos 6

Victor Hugo foi um gênio, considerado o principal representante do romantismo francês. Era ativista dos direitos humanos e teve grande atuação política na França. Suas obras, além de intensa criatividade, traziam posições progressistas e enorme consciência social.

Maison Victor Hugo Place des Vosges Maris Paris Pontos Turisticos 3

Ver onde a pessoa morou, seu estilo de vida, imaginar que tudo aquilo é absolutamente real e gerou boa parte da história que você gosta de ler é, realmente, espetaculoso. A cama onde o autor de “O Corcunda de Notre Dame” morreu é essa aí da foto. Mesmo pessoas racionais como eu ficam arrepiadas num lugar como esse.

Place des Vosges Paris Turismo 05

A dobradinha de luxo Place des Vosges e Maison Victor Hugo cabem perfeitamente numa tarde de Paris e, sem dúvida, é um dos passeios gratuitos mais significativos da cidade.

Place des Vosges Paris Turismo 02

SERVIÇO

Maison Victor Hugo

Local: 6 Place des Vosges, 75004. Marais – Paris.

Tel.: + 33 01 42 72 10 16

Funcionamento: de terça a domingo, 10h às 18h, Não abre às segunda-feiras e feriados.

Entrada: gratuita (menos para exposições temporárias que são pagas à parte)

Metrô: Saint-Paul (linha 1) ou Bastille (linhas 1, 5 e 8)


Exibir mapa ampliado

Outros museus bacanas e grátis de Paris:

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

Museu Bourdelle: a incrível casa-ateliê do discípulo prodígio de Rodin

Posts relacionados

Onde comer

Zenyama: restaurante japonês bom e barato perto da Notre Dame

Fromagerie Lepic: a sua queijaria em Paris

Café da Amélie Poulain: ponto de peregrinação em Montmartre

Rota de Boulangeries: 10 lugares para você tomar café da manhã em Paris

Korcarz: boulangerie e pâtisserie kosher no Marais

L’As du Fallafel, Marais: porque faláfel não é brinquedo não

Chez Hanna, Marais: se não é o faláfel mais gostoso de Paris, é tão bom quanto

Restaurante Fluch, Paris:  self service à vontade com precinho daqui, ó!

Onde ficar

Ideal Hôtel Design: hospedagem com ótimo custo benefício em Montparnasse

Smart Place: hospedagem budget a uma quadra da Gare du Nord

Leia também

Europa Barata: Paris pela primeira vez

Banner venda Paris

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com — onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis!

Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

Share
sábado, 29 de junho de 2013

L’As du Fallafel, Paris: porque faláfel não é brinquedo, não!

Las Du Fallafel Marais Paris 1

Se ninguém falasse para você que este boteco pequeno, praticamente escondido numa viela do Marais, é um dos preferidos do guitarrista Lenny Kravitz, talvez o L’As du Fallafel nem entrasse na sua lista. Mas bem antes do local cair no gosto das celebridades que apostam na street food de Paris, o restaurante já estava na mais alta conta dos moradores da cidade.

Las Du Fallafel Marais Paris Onde comer bem e barato em Paris 3

Fica na Rue des Rosiers (a mesma que abriga a boulangerie Korcarz e o restaurante Chez Hanna), um pedacinho do Marais (antigo bairro judeu) que, volta e meia, você vai ouvir falar por aqui. (Paixonei na região!). O L’As du Fallafel está ali há mais de 30 anos e, dizem, oferece o melhor faláfel da cidade. (Eu havia comido aqui acho quem em 2002 ou 2003, mas não me lembrava exatamente da experiência.) Sabia que era bom, mas quando um local fica muuuuito famoso ou aparece na Caras,… eu começo a desconfiar. Rá!

Las Du Fallafel Marais Paris

Ontem mostrei para você o faláfel do Chez Hanna (que fica quase do lado do L’As du Fallafel). O pitéu estava ótimo. Comi sentada, garfo e faca a postos. Mas dois dias depois voltei ao bairro para tirar a prova dos nove no concorrente. Enfrentei fila (era domingo), pedi o faláfel básico (vegetariano), dinheiro trocado na mão (€ 5,50) e esperei a montagem do meu “sanduíche”.

Las Du Fallafel Marais Paris Onde comer bem e barato em Paris

Mal dá para segurar a criança. Observe que nesta foto, não havia aquela berinjela perfeita do post de ontem: ao tentar fazer a imagem, o legume caiu no chão! Hahaha! Para comer, espere sujar a roupa com o molho de alho picante. Quando você morder em cima, vai escapar salada por baixo. Na hora em que você virar para abocanhar a salada lá de baixo, um bolinho de grão de bico vai saltar por cima.

Las Du Fallafel Marais Paris Onde comer bem e barato em Paris 4

O segredo do bom faláfel é o malabarismo que você faz para comer o dito cujo. Não dá para ser de outro modo, tem que lambuzar as mãos. A cara, o nariz e o cabelo. É da natureza da iguaria. Assim como cachorro quente e pastel são feitos para os seus dedos (ou alguém aí já comeu hot dog de garfo e faca?), o faláfel só vale a pena quando você entra na brincadeira que ele propõe. E por menos de € 6. :mrgreen:

SERVIÇO

L’As du Fallafel
Local: 34 Rue des Rosiers 75004. Marais – Paris, França
Funcionamento: de segunda a quinta, 12h às 0h. Atenção, fecha durante o Shabat (sábado judaico). Por isso, na sexta abre das 12h às 17h, não funciona aos sábados e reabre no domingo, das 12h às 0h.
Tel.: +33 1 48 87 63 60
Metrô: Saint Paul (linha 1)

Exibir mapa ampliado

Leia também:

Chez Hanna: se não é o faláfel mais gostoso do Marais, é tão bom quanto.

Korcarz: pâtisserie e boulangerie kosher no Marais

Angelina: o chocolate quente mais famoso de Paris. Só que…

Restaurante Flunch, Paris: self service à vontade com um precinho daqui, ó!

Fotos: Sílvia Oliveira 

___________________________

Procurando hospedagem boa e barata em Paris? Recomendo o nosso parceiro Booking.com— onde sempre faço minhas reservas. Pesquise aqui opções de hotéis, hostels, pousadas e apartamentos na capital francesa. E ainda: o sistema não cobra taxa de reserva e o cancelamento é grátis! Sempre que você reservar seu hotel neste link, o Matraqueando recebe uma pequena comissão. Além de garantir uma hospedagem pelo melhor preço você ainda ajuda a manter o blog com dicas fresquinhas e gratuitas. Desde já agradeço sua preferência! Clique e faça a sua reserva já! 😉 

___________________________

PLANEJE SUA VIAGEM COM QUEM ENTENDE

Reserve seu hotel no Booking.com | Cancelamento grátis!

Seguro de viagem na Mondial Assistance | 15% de desconto p/ leitor Matraqueando

Alugue carro na Rental Cars | Grandes marcas!

Diversos passeios e excursões na Viator | Menor preço garantido.

Share
Páginas:12
Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio