-  Atualizado 05/08/2019

Rota de Boulangeries: 10 lugares para tomar seu café da manhã em Paris

Publicado por: Silvia Oliveira Paris

Boulangerie Savuers de Pain Paris 1

O famoso “Grand Prix” — prêmio que elege o melhor pão de Paris — incrementou ainda mais a qualidade das boulangeries da cidade que já eram consideradas as melhores do mundo.

Fiz um roteirinho básico. Algumas padarias passam longe de premiações, mas são endereços tão bacanas que você vai adorar conhecer. Sem contar que a maioria traz no “pacote” uma pâtisserie única e criativa.

É bom lembrar que algumas padarias de Paris fecham dois dias na semana e que a maioria, por lei, tem que tirar férias uma vez por ano.

Para mim, provar uma boa baguete não é só uma questão gastronômica, mas cultural. A casca tem de ser uniforme e crocantinha. Já o miolo, por favor, bem macio e suave. Anote aí!

IMPORTANTE | Antes de começar já quero te alertar que a França faz parte do Tratado de Schengen, um acordo que estabelece normas para quem pretende visitar os países membros. A determinação EXIGE um seguro de viagem obrigatório com cobertura mínima de € 30 mil que muitas vezes deve ser apresentado na imigração, caso solicitado. A boa notícia é que Leitor do Matraqueando tem até 50% de desconto (de verdade!) no seguro internacional. Pegue seu cupom aqui e viaje tranquilo! Vale para mochileiro, luxo, viajante solo, aventureiro e família. E ainda dá para dividir em até 6 vezes! Corre, promoção por tempo limitado. 😉

MEUS LUGARES PREFERIDOS PARA CAFÉ DA MANHÃ EM PARIS

1. SAVEURS DE PAIN

Boulangerie Savuers de Pain Paris

Boulangerie Savuers de Pain Paris 2

Por que? Não está entre as famosas, mas além dos pães artesanais, a Saveurs de Pain oferece sanduíches encorpados feitos na hora — a partir de € 3. A pâtisserie do lugar é clássica e acessível.

Destaque: a Tarte Aux Abricot (torta de damasco) me faz sonhar todos os dias com este lugar.

Onde: 32 Rue Vielle du temple, 70004. Marais – Paris. Metrô: Saint Paul.

Dica: está no bairro Marais, a sete quadras da Places des Vosges.

2.ERICK KAYSER – ARTISAN BOULANGER 

Erik Kaiser Boulangerie Paris 2

Erik Kaiser Boulangerie Paris 4

Por que? O chef Erick Kayser transformou sua boulangerie numa cadeia internacional de padarias com unidades em diversos países e 15 filiais em Paris. Com uma receita secreta de fermentação, são mais de 60 variedades de pães e bolos, além de doces extraordinários. Tudo livre de aditivos e conservantes.

Destaque: os pães de nozes e de figo deveriam ser itens obrigatórios na cesta básica de qualquer mortal.

Onde: 18 Rue du Bac, 75007. Metrô: Rue du Bac

Dica: a maioria das filiais fecha no domingo. Esta unidade da Rue du Bac (que fica perto do Museu D’Orsay) não abre às segundas-feiras. Consulte o site antes de ir.

3. DES GATEAUX DU PAIN 

Des Gateaux du Pain - Boulangerie Paris 1

Des Gateaux du Pain - Boulangerie Paris 2

Des Gateaux du Pain - Boulangerie Paris 3

Por que? A chef pâtisserie e proprietária Claire Damon já trabalhou no podre de chique Hotel Plaza Athénée. A especialidade da casa são os doces, os mais lindos e perfeitos de todas as padarias que visitei. Mas também, de longe, os mais caros. Os pães também fazem sucesso, mas o local não tem lugar para se sentar. Tem que comprar e levar.

Destaque: foi o melhor croissant que comi na viagem. Embora os doces custem, em média, € 9… eu provei um bolo de morango (não me lembro do nome ao certo) que custou € 5. Valeu cada centavo.

Onde: 63 Boulevard Pasteur, 75015. Montparnasse – Paris. Metrô Pasteur

Dica: está a duas quadras de um dos segredos mais bem guardados de Paris, o Museu Bordelle. Fecha às terças-feiras.

DICA ESPERTA | Tá procurando carro para alugar barato no Brasil, na França ou no mundo? Eu conto minha experiência aqui! Descontos incríveis de até 60%, sem IOF nas reservas internacionais e parcelamento em até 12 vezes. Faça sua simulação e reserve agora mesmo aqui! O cancelamento é gratuito. 🙂

4. HURÉ – CREATEUR DE PLAISIR

Hure Createur de Plaisir Boulangerie Paris1

Hure Createur de Plaisir Boulangerie Paris 2

Hure Boulangerie Macarons

Por que? Foi a melhor surpresa da rota. Descobri essa boulangerie caminhando perto da Notre Dame. O local é minúsculo, mas tem a vitrine mais cheirosa da região. Assim como a Des Gateaux du Pain não há lugar para se sentar. Você entra na fila já com o dinheiro trocado na mão — não faça como eu de ficar contando as moedas na hora de pagar porque o povo atrás de você vai chiar. Os macarons são divinos, mas têm preços de boutique, € 3 cada.

Destaque: os pães, uma enorme variedade entre salgados e doces, têm grife e são baratos. Pedi um recheado com pasta de salmão por € 2,90.

Onde: 1 Rue d’Arcole, 75004 – Metrô Cité. Tem mais duas unidades: uma na 10 Place d’Italie, 75013 e outra na 150 Avenue Victor Hugo, 75016.

Dica: a Rue d’Arcole está a uma quadra da Notre Dame.

O Barato de Paris | O guia de viagem definitivo e completo para você conhecer a capital francesa gastando beeeem menos, com conforto e sem perder a dignidade. 3ª edição, revista e ampliada! São 118 páginas com roteiro inovador, bairro a bairro e dicas de economia inteligente. E-book totalmente interativo, com todos os atrativos, restaurantes, e hotéis geolocalizados. Navegue pelo Google Maps! Pegue o seu aqui agora mesmo!

5. LE PAIN QUOTIDIEN 

Le Pain Quotidien Boulangerie Paris 1

Le Pain Quotidien Boulangerie Paris 2

Le Pain Quotidien Boulangerie Paris 4

Le Pain Quotidien Boulangerie Paris 3

Por que? Depois que chegou ao Brasil (são diversas unidades em São Paulo) em 2012, a Le Pain Quotidien ficou ainda mais conhecida por aqui. A rede de boulangerie belga, espalhada pelo mundo todo, foi uma das primeiras padarias a fazer uso de produtos orgânicos e adotar uma mesa comunitária. Você pede o pão e pode se lambuzar com as geleias e nutella que ficam à sua disposição, mas sempre dividindo o espaço com o vizinho do lado.

Destaque: muffins, brownies, croissant… é difícil dizer o que é melhor aqui. O café espresso vem em delicados minibowls, uma espécie de xícara sem asa. Só prepare o bolso, não é das mais baratas! Meu café e pain au chocolat saíram por € 5,20 (isso em 2013). Ao acrescentar um brownie a conta pula para € 10 facim.

Onde: 18-20 Rue des Archives, 75004 – Metrô Hotel de Ville.

Dica: são várias unidades nas cidades (confira aqui). Esta da Rue des Archives (onde eu fui)  fica no Marais, a umas cinco quadras do Pompidou e a umas duas quadras do Hôtel de Ville. Há outra unidade na 18, place du Marché St. Honoré, 75001 – Metrô Tuileries, que fica próxima da Place Vendôme e do Jardin des Tuileries.

6. POMME DE PAIN

Pomme Du Pain Padaria Onde comer bem e barato Paris 1

Pomme Du Pain Padaria Onde comer bem e barato Paris 2

Por que? Não se trata exatamente de uma boulangerie. A Pomme de Pain é uma rede de fast food francesa especializada em bolos, tortas e sanduíches. Mas tem a opção de café da manhã que eu, aliás, adorei. O combo básico (tartine com manteiga — enoooorme, café com leite e suco de laranja) sai por € 4,25. Você também pode almoçar ou jantar aqui a preços módicos.

Destaque: o sanduíche Le Cordon Bleu (frango, presunto, queijo suíço e bacon grelhado).

Onde: 85 Rue de Rivoli, 75001. Metrô Louvre-Rivoli (a uma quadra do Louvre). Há outros endereços na cidade, confira aqui.

Dica: Quer pagar de bacana?  Vá à unidade que fica no metro quadrado mais caro da Europa, Av. Champs Élysées, 50 – Metrô Franklin Roosevelt (linha 1).

7. LEGAY CHOC  

Legay choc Boulangerie Patisserie paris 3

Legay choc Boulangerie Patisserie paris 4

Por que? Porque é a padaria mais divertida do mundo, basta ter senso de humor. Os pães aqui tem um formato, digamos, mais anatômico. Aliás, são vários itens em forma de bilau, como bolos e tortas. E antes que você me pergunte, Legay é o sobrenome da família que toca o negócio. Quer dizer, a empresa.

Destaque: o pão-pinto, claro, também chamado de Baguette Magique. Rá rá! Por € 2,30. Mas eu fiquei, juro, só no miniviennoiserie a € 0,65 cada.

Onde: 45 Rue Sainte-Croix de la Bretonnerie , 75004 – Metrô Hôtel de Ville. (Está a uma quadra da Le Pain Quotidien do Marais).

Dica: fica a quatro quadras do Pompidou e a duas quadras do Hôtel de Ville. Fecha às terças-feiras.

DICA DA MATRACA | Procurando hospedagem boa, bonita e barata com até 50% desconto em Paris? Agora temos a facilidade do Booking.com, o site líder mundial em reservas on-line de acomodações, onde faço minhas reservas há anos! Além de ter cancelamento gratuito para a maioria dos quartos, todas as hospedagens têm notas ranqueadas com as avaliações dos hóspedes. Ficou muito fácil reservar com segurança, antecedência e pelo melhor preço! Faça você mesmo uma simulação e reserve aqui!

8. MUSCOVADO

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Sílvia Oliveira (@matraqueando) em

Por que? Tocado por duas irmãs filipinas, Quina e Francine Lon, o Muscovado é para quem busca somente um café com panquecas ou um brunch completo com granola, torradas com pasta de abacate, ovos, salmão defumado com ovos de codorna, geleias caseiras, molho holandês, aspargos e cafés deliciosos. Os valores são por prato. Tem sobremesas incríveis (prove a torta de creme de groselha ou pudim de mel com morangos) e está num espaço pequeno e acolhedor. Veja as fotos destas delícias no instagram deles!

Destaque: o iogurte com granola e frutas frescas. Custa € 9 e vem numa cumbuca enorme, dá para duas pessoas. Mas a casa tem pratos variados, sempre com linda apresentação. Não é dica mão de vaca, já aviso! Mas é tudo de bom! Com prato principal e sobremesa, a média de gasto é de € 20 por pessoa.

Onde: 1 Rue Sedaine, 75011. Metrô Bréguet-Sabin – linha 5. Atenção: o Muscovado fecha às terças e quartas!

Dica: Está numa rua escondidinha, perto da Praça da Bastilha.

9. LE GRANIER À PAIN 

Le Grenier a Pain

Por que? Ganhou como melhor baguete em 2010 e é considerada uma das bambambãs da cidade. As boulangeries vencedoras do Gran Prix recebem um prêmio em dinheiro e passam a fornecer pão por um ano à Presidência da República.

Destaque: a baguete, perfeita. Levemente crocante por fora e miolo quase umedecido, com gosto de avelã (o algo parecido). Por dentro, os buracos no pão revelam que a fermentação foi longa e tradicional.

Onde: 38 Rue des Abesses – Metro Abesses (linha 12), Montmartre.

Dica: são 14 lojas em Paris e arredores. Eu fui à unidade que fica em Montmartre, perto da Sacré Coeur. Esta é a unidade vencedora, comandada pelo padeiro senegalês Djibril Bodian. Atenção, fecha às terças e quartas. (Não permite fotos).

10. KORCARZ

Korcarz Boulangerie Marais Paris Onde Comer Kosher 5

Korcarz Boulangerie Marais Paris Onde Comer Kosher 7

Por que? A padaria (já falamos dela aqui), fundada há 50 anos, foi a primeira de Paris a comercializar pães e doces kosher (que prepara os alimentos de acordo com a Lei Judaica de alimentação). O local oferece folhados de pistache (baklava) e uma vitrine de doces para judeu algum (e ninguém) botar defeito.

Destaque: o strudel, por € 3.

Onde: 29 Rue des Rosiers, 75004 – Marais. Metrô Saint Paul (linha 1)

Dica: está na ruazinha mais charmosa do Marais, quase ao lado do L’As du Fallafel e perto da Place des Vosges.

IMPORTANTÍSSIMO | A França faz parte parte do Tratado de Schengen, um acordo que estabelece normas para quem pretende visitar os países membros. A determinação EXIGE um seguro de viagem obrigatório com cobertura mínima de € 30 mil que muitas vezes deve ser apresentado na imigração, caso solicitado. A boa notícia é que Leitor do Matraqueando tem até 50% de desconto no seguro internacional. Pegue seu cupom aqui e viaje tranquilo! Vale para mochileiro, luxo, viajante solo, aventureiro e família. E ainda dá para dividir em até 6 vezes!

Política editorial | Pagamos todas as nossas contas de viagem. Não aceitamos convites nem cortesias. Sempre nos hospedamos anonimamente nos hotéis indicados. O Matraqueando não faz post patrocinado. Alguns posts contêm links para programas de afiliados, parceiros comerciais do blog, inseridos espontaneamente pela autora. Por questão de transparência, comunicamos que se você optar por comprar por meio destes links nós recebemos uma pequena comissão. Tudo o que você encontra aqui foi determinado unicamente pelo interesse do leitor, nosso gosto pessoal ou critério particular. Isso é transparência e credibilidade. Pode confiar! Para ajudar a manter o blog sempre com dicas fresquinhas adquira nossos guias na Loja Matraqueando. Desde já agradecemos a preferência! 😉

Texto e fotos | Sílvia Oliveira. Todos os direitos reservados.



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


30 Comentários

  1. Fabio Menezes

    Deu água na boca.

    responder
    • Gaius

      Deu água na boca, mas eu acabo de entregar essa senhora para a torcida do PSG. Onde já se viu comer (eeccaa!) no mocodonaldo e ainda indicar aqui??? “Teje presa…” Mas, tá perdoada. Depois de tudo dibão que colocou aqui, não tem como não perdoar.

      responder
  2. Fabio Menezes

    Adoro sempre as suas sugestões. Fiquei extremamente curioso para conhecer o Museu Bordelle, mas parece que e guardado a sete chaves. Não consegui achar o endereço na rede. Teria como me enviar, caso seja possível. Sou apaixonado por museus.
    Abraços.

    responder
    • Silvia Oliveira

      Ish, Fabio, se você gosta mesmo de museu vai chorar neste… o ateliê dele está comoventemente intocado. Vou fazer post aqui, é só acompanhar! 🙂

      http://www.bourdelle.paris.fr/
      18 Rue Antoine Bourdelle 75015 Paris, França
      Fone: +33 1 49 54 73 73

      responder
  3. Ilma Madureira

    Delicias que devem ser anotadas e experimentadas. Voilá!

    responder
    • Silvia Oliveira

      Voilá! 😀

      responder
  4. Juliani

    Sil, chorei de rir com o “pão-pinto”. rsrsrsrs Excelente as sugestões! 🙂

    responder
    • Silvia Oliveira

      Cêis gostam da baixaria, né! :mrgreen:

      responder
  5. Candida Silva

    Adorei a dica do MacDonalds. Em viagem com meus sobrinhos adolescentes, sempre tínhamos que parar em um para que eles pudessem se conectar! O WIFI do Mac é salvador!

    responder
    • Silvia Oliveira

      Hahahaha! É verdade, Candida! 🙂

      responder
  6. Olá!

    Vou passar uns dias em Paris em fevereiro de 2014. Estou vendo aqui que os hotéis cobram um monte por um café da manhã simples. Inclusive o que eu acho que irei reservar cobra R$ 36 por pessoas! E estaremos em 4.. Vale à pena ou sai mais em conta e mais gostoso ir a algum lugar tomar café?

    Obrigada!

    responder
    • Silvia Oliveira

      Débora, com certeza vale mais a pena comer em alguma padaria ou café por perto. Abraços!

      responder
  7. FernandaMCM

    Olá Silvia, sensacionais os posts sobre Paris!!! Estive lá no final de junho começo de julho e a quantidade de gente na rua, no Marais, na fila do L’as du Falafel ( que por sinal valeu cada minuto na fila) e em todos os lugares era monstruosa!! Qual época do ano vocês foram? Parabéns pelo blog, abç. Fernanda

    responder
    • Silvia Oliveira

      Oi, FernandaMCM! Nesta última vez estive em junho de 2013! Abs!

      responder
  8. André

    O que escrever sobre tudo isso que li ai acima !?!?!?

    MaRaViLhOsoO !!!

    Mto obrigado pelas informações !!!! Abçs !

    André

    responder
  9. Julieta

    Olá Sílvia! Suas dicas e fotos são maravilhosas! Estarei em Paris dia 18/03 e vou ficar hospedada no Rivoli que você indicou (aquele que é vizinho ao xará mais caro!) Morrendo de vontade de provar os sanduíches, pães, tortas….e visitar os lugares indicados aqui. Parabéns pelo blog!! Bisous

    responder
  10. camilla

    Voltei de Paris ha 10 dias e tinha lido suas dicas. Parei na pomme de pains da rivoli e comi um dos paes mais gostosos da vida. ?

    responder
  11. Mariana Moraes

    OLÁ!
    Estou feliz em ter encontrado seu site! Cheguei aqui pois quero conhecer Paris em Julho e estava a pesquisar.

    … PÁRA! PERA! Vossa Senhoria é graduada, tem mestrado, é jornalista, doutoranda, viajante (hehehe), presidenta e se julga “vagabunda”?

    OH, PAI! PERMITA-ME VAGABUNDEAR MUITO NESTA VIDA!

    … brincadeiras à parte, queria parabenizá-la pelas conquistas. Não te conheço, mas já te admiro.
    Estou cursando Turismo, Bacharelado. Me formo em um ano, na FACHA, Rio de janeiro.

    O BLOG ESTÁ TUDO DE BOM.
    ARTE, ORGANIZAÇÃO, CONTEÚDO, FOTOS.
    Beijoca!

    responder
    • Silvia Oliveira

      Valeu, Mariana! Apareça sempre!

      responder
  12. Andressa Silveira

    Silvia, gosto muito do teu blog, acho que tem dicas incríveis de Paris e Londres, na qual estou pegando várias para montar minha viagem. Mas me deixa muito chateada o formato do teu blog não permitir que podemos copiar conteúdo ou imprimir ou até simplesmente salvar a página para olhar em modo offline. Quando preciso pegar alguma dica do teu blog tenho que ficar dando print das telas e tendo um trabalho mega trabalhoso. Penso que tu podias facilitar o trabalho do viajante que adora tuas dicas. Um abraço

    responder
    • Silvia Oliveira

      Olá, Andressa! Isso é chato mesmo. Infelizmente tive que fazer isso para evitar o excesso de cópias e plágio que sofro cotidianamente. De qualquer maneira, liberei o Ctrl C por enquanto. Vou ver, se não der chabu (muita gente copiando post e publicando em outros blogs), eu deixo a cópia livre. Boa sorte! 😉

      responder
  13. Lilian Farjala

    Silvia, bom dia. Moro no Brasil e meu filho está morando em Paris. Gostaria de enviar um presente daqui para o aniversario dele em outubro.Você sabe de algum site dessas bourlangeries que entreguem uma cesta de cafe da manhã? Ou algum site de alguma loja de doces ou chocolate que eu possa comprar aqui no Brasil e eles entregarem em Paris?
    Por favor, me ajude.
    Agradeço desde já, Lilian

    responder
    • Silvia Oliveira

      Uia, Lilian! Não tenho nem ideia! Desculpe não ajudar! Se você encontrar, depois conte pra gente! 😉

      responder
  14. Estou indo a Paris em outubro/15 e estas indicações foram essenciais! Afinal, com o euro passando dos 4 reais, é ótimo ter opções mais em conta para cafés da manhã e lanches rápidos. Parabéns pelo post!

    responder
    • Silvia Oliveira

      Obrigada, Patricia! Depois volte para contar as novidades! 😉

      responder
    • Silvia Oliveira

      Obrigada, Patricia. Boa viagem! 😉

      responder
  15. Oi, Silvia. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia – Natalie

    responder

Deixe seu Comentário






Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2019 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar