-  Atualizado 09/03/2015

Museu da Gente Sergipana, Aracaju: primeiro centro multimídia do Nordeste

Publicado por: Silvia Oliveira Aracaju

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Fachada

Enrolei para fazer este post porque já desconfiava que daria nisso: nenhuma foto ou relato consegue expressar a experiência que você vai ter ao visitar o Museu da Gente Sergipana em Aracaju. Para os vidrados em história, causos e cultura, o complexo é quase um parque temático lúdico e interativo, com a vantagem de que aqui você não vai precisar de tobogã algum para sentir a emoção à flor da pele. E melhor: é de graça!

Museu da Gente Sergipana - Carrosel

Ao mapear a segunda edição da Expedição Brasil Express no ano passado incluí o Sergipe de cara. Mas não pense que o Cânion do Xingó estava em primeiro lugar na minha lista. Eu estava intrigada com o novo centro multimídia inaugurado há pouco mais de um ano na capital do estado.

Museu da Gente Sergipana - Cafe da Gente - Aracaju com criancas

Algo que acendeu meu “alerta motor” foi descobrir que a concepção artística do Museu da Gente Sergipana foi de Marcello Dantas, a mesma pessoa que fez o extraordinário Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo (um dos meus preferidos no mundo!)

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Piao

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Jogo do Piao

A confirmação do potencial do atrativo veio alguns meses depois, quando o museu foi eleito a Atração do Ano pelo Guia Quatro Rodas 2013. Aracaju, aliás,  é a primeira capital nordestina a ter um museu multimídia voltado para a preservação do passado, resgate da memória e construção do cotidiano.

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Rede

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Mapa e Rede

O museu é uma celebração da identidade do povo sergipano, gente que vive num estado tão pequenininho, mas com enorme diversidade —  que vai da comida aos diferentes sotaques.

Logo que você passa pelo Foyer (a principal área de circulação na entrada do museu) você chega ao Átrio, onde é possível passear sobre um mapa do estado. Em cada região há um fone para você escutar a forma de falar daquele determinado pedaço do Sergipe.

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Multimidia

O circuito dentro do museu é livre, embora exista visita guiada. Mas há monitores em todas as salas caso precise de alguma informação adicional. O museu tem uma narrativa pouco linear. Não se trata de uma autobiografia datada cronologicamente.

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Vendinha

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Venda

O complexo está dividido por áreas temáticas: Nossas feiras (onde você regateia um desconto com um feirante virtual), Nossos Falares ( instalações que apresentam palavras e expressões da oralidade sergipana), Nossos Leitos (uma barquinho leva você pela fauna e flora do estado), Nossos Pratos (onde montamos virtualmente receitas típicas), Nossas Roças, Nossas Praças, Nossas Histórias, Nossos Cabras (retrata gente importante da terra) Nossos Marcos, Nossas Festas, Nossas Coisinhas e Nossos Trajes.

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Amarelinha

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Amarelinha - Mariana

Na sala Nossas Festas um divertido jogo de amarelinha recria um ambiente alegre com os principais marcos folclóricos do estado. É só jogar o enorme cubo para ativar vídeos com as principais festas do estado.

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Repentistas

O local é perfeito para adultos e crianças. Como é altamente interativo você fica duas horas ali dentro e nem vai sentir o tempo passar. Eu, particularmente, adorei as salas do Repente e da Literatura de Cordel. No pequeno estúdio de gravação do repente, por exemplo, você cria a sua trova e, se quiser, publica o desafio no You Tube na mesma hora.

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Literatuta de Cordel

Com a Literatura de Cordel é a mesma coisa. Você escolhe um tema e, em seguida, o texto começa a passar numa telinha à sua frente. Você declama o livrinho e depois manda para o You Tube. Pena que no dia em que fomos o sistema estava travando e não conseguimos publicar nada na internet.

Museu da Gente Sergipana Aracaju - Paredes

O Museu da Gente Sergipana está num prédio de 1926 que foi  totalmente restaurado para receber o atrativo. Uma das salas abriga fotos do local antes e depois de reformado. É impressionante o que a boa vontade política pode fazer pelo patrimônio, cultura e memória de um lugar.

Museu da Gente Sergipana - Cafe da Gente

Museu da Gente Sergipana - Cafe da Gente - Almoco

Você pode finalizar o passeio no Café da Gente, um pequeno restaurante e lanchonete nos fundos do museu. Petiscamos dadinhos de tapioca, petit gateau de carne seca (um bolinho de macaxeira recheado) e um prato executivo com frango e batatas que eu dividi com a Mariana. Não me lembro o preço exato de cada coisa, mas a conta ficou em uns R$ 50, com a bebida.

SERVIÇO

Museu da Gente Sergipana

Local: Rua Ivo Prado, 398 – Centro | Aracaju – SE

Tel.: (79) 3218-1551

Horários:  de terça a sexta, 10h às 17; sábado, domingo e feriados, 10h às 16h. O Café da Gente funciona de terça a domingo (inclusive feriados) das 10h às 20h. Fechado às segundas e nos dias 24, 25 e 31 de dezembro, 01 de janeiro, 07 de setembro e terça-feira de carnaval.

Entrada: gratuita

Como chegar: o museu está na região central de Aracaju. Para quem for de carro há estacionamento gratuito. Existem diversas linhas de transporte público que passam por aqui. Saindo de Atalaia (principal praia de Aracaju) pegue as linhas Santa Tereza – Bairro Industrial 008 ou Circular Cidade 01 -5001. Se você estiver no terminal de Integração Sul (Atalaia) pegue o Fernando Collor – Atalaia 007 ou Circular Cidade 01 –  5001

Posts relacionados

Cânion do Xingó: como visitar o belíssimo atrativo que projetou Sergipe no mapa turístico nacional

Laranjeiras: a cidade histórica que tinha tudo para ser a capital de Sergipe

Leia também

Rota do Cangaço: o passeio que leva você à história do sertão nordestino

Piranhas, Alagoas: a cidade que virou referência para a história do cangaço

Outros museus que amamos:

Museu da Língua Portuguesa

Museu Oscar Niemeyer em Curitiba

Catavento Cultural: mude sua concepção de museu

Lisboa Story Centre: atração multimídia conta as memórias da capital portuguesa

Museo de los niños em Buenos Aires

Museu Carnavalet: essencial para conhecer a história de Paris

__________________

Minha viagem ao Sergipe faz parte da Expedição Brasil Express II – projeto do matraqueando que leva recortes do Brasil até você.

Fotos: Raul Matar

__________________ 



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


6 comentários

  1. maia
    Comentário do dia 25/10/2013 às 16:21

    Silvia, vc recomenda mais as praias ao sul ou norte de Aracaju? E com relação ao Canion vc foi com seu gps e adquiriu este passeio? Obrigada!!

    (Responder)

  2. Karolina
    Comentário do dia 10/11/2013 às 19:46

    Aracaju é, realmente, um ótimo lugar a ser visitado. Lugares lindos e, o melhor, com acesso gratuito. Lugar rústico, mas com várias opções. Gastronomia vai da parte típica à mais sofisticada. Fica fácil encontrar culinária de vários países, num valor relativamente baixo.
    Quanto às praias, recomendo as da parte Sul. São mais belas e com mais opções de restaurantes. E ainda tem a Orla de Atalaia, que é a orla mais bonita do Brasil!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Karolina, realmente, a orla de Atalaia é completíssima, para toda a família! 😉

    (Responder)

  3. Uiara
    Comentário do dia 16/2/2015 às 21:49

    Irei a Aracaju em Março, irei me hospedar em Barra dos Coqueiros, como fica um pouquinho longe, planejei conhecer somente o Mercado Municipal e a Orla de Atalaia, você tem alguma dica desses lugares, ou de outros imperdíveis?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Uiara, o Mercado Municipal e a Orla são alguns dos principais atrativos de Aracaju. Tem ainda o Oceanário, legal para quem está com crianças!

    (Responder)

  4. Roman
    Comentário do dia 27/2/2015 às 17:45

    Tive o prazer de participar da Reforma desse museu a 5 anos atrás ! Foi incrivel um dos melhores trabalho da minha vida !

    (Responder)

  5. maiara
    Comentário do dia 16/6/2015 às 18:22

    ja fui la e bom

    (Responder)

  6. wendes f pereira
    Comentário do dia 25/7/2016 às 01:43

    Amei seu blog vc me fez lembrar de quando eu era adolescente, sou da cidadezinha Itabaianinha-SE, lendo seu blog me fez lembrar de uma viagem que fiz a Pirinhas , Canindé, demais e adoro seus contos com toda graça PARABÉNS VIREI SEU FÃ.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Valeu, Wendes. Apareça sempre! 😉

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar