-  Atualizado 21/09/2010

10 dicas para economizar em viagens nacionais

Publicado por: Silvia Oliveira Descubra Brasil

Bolinho de Macaxeira: iguaria nordestina. (Foto: Matraca’s Image Bank)

1. Assuma sua porção muquirana

Todo mundo que viaja tem seu momento patrão. Dá ordens para o taxista. Reclama com o garçom. Solicita toalhas extras. Exige café da manhã colonial. Esbanja gorjetas. Só que estamos falando de viagens econômicas. Gastar menos não significa ter que expiar os pecados em todas as férias, mas há restrições – que podem variar do hotel-pelourinho à classe chicoteia do avião.  Faça sua planilha de gastos, estipule valores diários, priorize o urgente e dê preferência ao importante. Seja nobre, mas não arrogante.

2. Pacotes X viajar por conta

Há alguns anos os pacotes eram o melhor custo-benefício para quem queria conhecer algum destino brasileiro. Ainda existem boas pechinchas do gênero. Mas com a entrada de novas companhias aéreas no país, viajar de avião ficou mais fácil e barato. Algumas empresas dividem o valor da passagem em até 36 vezes. A ampla oferta de hotéis, pousadas e hostels também abre a possibilidade de encontrar hospedagem com preços honestos e compatíveis com seu orçamento. Se puder, evite marcar bilhetes de ida e volta na sexta e segunda-feira. Os dias mais baratos para viajar são terça e quarta. Pesquise e compare antes de comprar!

3. Estude seu destino

A menos que você vá para um resort – cujo destino é o complexo em si – aprenda sobre o modus-operandi do lugar que vai visitar. Blogs, sites, revistas e guias de turismo são feitos para isso mesmo. Virar um explorador à la Marco Pólo justo no dia em que sua viagem começa vai fazer você perder tempo, o bem mais valioso em uma viagem. Quem não sabe o que ver ou fazer no destino costuma arruinar roteiros clássicos, comer mal, comprar errado e, invariável, pagar muito.

4. Utilize o transporte público

Não reclame. Até Curitiba – com um transporte público considerado modelo para muitos países – tem lá seus problemas no quesito locomoção barata. Como o próprio nome diz é um serviço de uso comum, compartilhado e, por isso, mais acessível. Use o busão de forma inteligente. Horários de pico e trajetos muito longos vão comprometer seu bom humor. Prefira metrô e ônibus para passeios depois das nove da manhã e antes da cinco da tarde. Economizar nos tours privados ajuda a monetizar sua viagem. Só apele para o ar condicionado dos táxis em caso de (muita!) chuva ou se for meio-dia e a temperatura passar dos 30ºC.

5. Caminhe

Nem só de táxi, ônibus ou metrô vive um turista. Explore roteiros que possam ser feitos a pé. São gratuitos e despojados de preconceitos. Caminhar da igreja matriz até o museu mais próximo ou da praia até a praça central sai de graça.  É nesse trajeto descompromissado que você vai descolar aquele restaurantinho prosaico e econômico que nenhum guia consegue indicar. Ou vai descobrir uma rua, uma loja, um monumento que só a sua história de viagem poderá contar.

 

6. Conheça o supermercado local

Os grandes mercados de rede ou até aquele empório na esquina do seu hotel podem render deliciosos e econômicos lanchinhos. Sucos de caixinha, pães, bolos e frutas – tudo em porções individuais – são fáceis de carregar e enganam aquela fominha miserável que faz você gastar um bom trocado no meio da tarde. Aproveite para incluir no seu self-mão-de-vaca-service as comidinhas de rua: são típicas, baratas, aconchegantes e levam você à essência de qualquer lugar.

7. Fuja dos feriados

Quantas vezes você já ouviu esse conselho? E quantas vezes você não seguiu a recomendação? Sim, eu também tenho dias de folga justamente nos feriados prolongados, assim como você. O ideal é negociar no trabalho e com a família para que as viagens não coincidam com os fins de semana que duram quatro dias e custam cinco vezes mais. Se for inevitável viajar nesses períodos ou em alta temporada planeje e reserve tudo com muita antecedência (leia-se três meses antes, no mínimo) para tentar alguma barganha.

8. Dê preferência a hotéis com wi-fi grátis

Se você tem um computador portátil ou celular com acesso à internet vai economizar muito se seu hotel ou pousada oferecer conexão gratuita. Além de poder revisar os e-mails – para os que não conseguem viajar desplugados – é possível falar com a família através de sistemas como o Skype. Do computador para um telefone fixo ou móvel você pode fazer chamadas com tarifas simbólicas. Abra uma conta em Skipe.com.

9. Pesquise o clima da região

Alguns dias antes do embarque investigue nos sites especializados em previsão do tempo como está o clima no seu destino. Saber se vai chover, fazer muito calor ou muito frio ajuda na hora de montar a mala e evita gastos desnecessários por conta das intempéries de São Pedro.

 

10. Vá às compras com moderação

Já aprendi – por experiência própria – que não adianta dizer: fuja das compras! Investir num badulaque qualquer faz parte do processo psicológico ao qual somos submetidos durante uma viagem. Quando saímos de férias subimos um posto na nossa hierarquia pessoal. Por mais econômico que seja o seu passeio você vai gastar em uma semana fora de casa o que provavelmente gastaria durante um mês ficando nela. É como subir na vida por 15 dias. Ir às compras vai consagrar esse seu estado emergente. O segredo é estipular um valor para os souvenires. Ninguém mais do que você é capaz de determinar quanto custa para ser feliz!

Texto publicado originalmente na minha coluna “Viagens econômicas e inteligentes”, que sai semanalmente no portal Descubra Brasil.


Artigos Relacionados


Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


17 comentários

  1. Marcia Cristina
    Comentário do dia 19/2/2010 às 14:15

    Eu não sabia que viajar de avião as terças e quartas é mais barato. Ótima dica!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Pois é, Márcia! Todo mundo quer viajar na sexta e voltar na segunda! hahahaha! Eu, inclusive! Por isso, nestes dias (terças e quartas) há menos demanda de passageiros, portanto as tarifas caem. E isso vale em qualquer companhia aérea, inclusive as internacionaios. Bjs!

    (Responder)

  2. Comentário do dia 21/2/2010 às 16:50

    Basico e essencial! Perfeito Silvia!
    Tenho uma outra dica: faça uma planilha de viagem! Coloque todos os gastos (desde passagens, hoteis, shows, entradas, etc) p/ não se perder nos gastos e em caso de estourar o orçamento, saber ver onde vc pode economizar! E na volta de viagem, ver que vc ficou na planilha e até abaixo dela (meu recente caso), não tem preço! rsrsrs
    bjus

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Definitivamente, Guta! Planilha é essencial. É muito comum mesmo os turistas gastarem com coisas pequeninas ao longo do dia e não anotarem. No final, dá um rombo no orçamento. Brigadão pela dica!

    (Responder)

  3. Ernesto, o pato
    Comentário do dia 23/2/2010 às 17:29

    Silivia, são dicas muito inteligentes e praticas!

    Outras dicas:

    Recuse o couvert no restarurante. Dependo do lugar 2 porções alimentam 3 pessoas (e, se voce ficar com fome pode pedir outra, ou uma sobremesa)

    Sempre peça desconto no Hotel, a não ser que voce ja tenha reservado em sites de desconto como hoteis.com ou o hotwire.com

    (Responder)

  4. Comentário do dia 24/2/2010 às 12:01

    Hummm.. Esse kieber de frango da foto eu conheço. hehehe. Em Curitiba só no Sr. Garibaldi.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Hahahaha! É verdade… =)

    (Responder)

  5. Cristina Fiuza
    Comentário do dia 31/7/2011 às 12:12

    Oi Gente!!!! Quando encontrei o site de voces, vi que tinha achado o melhor site da net. Tudo do jeitinho que eu procurava para a minha viagem à Europa em setembro de 2012. Voces vao direto ao assunto com uma clareza indiscutivel. Adoro todo o site e todas as dicas. Me sinto segura e confiante ao viajar com as dicas de voces. Que voces tenham muita saude e sucesso nas suas jornadas. Obrigada Cristina

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Opa! Valeu, Cristina! Volte sempre! 🙂

    (Responder)

  6. Comentário do dia 13/9/2011 às 22:07

    Olá Sílvia,
    adoro seu site, com objetividade e bom humor você nos dá dicas preciosas para a realização de nossos sonhos. Estou precisando de uma orientação e gostaria de saber se poderia me ajudar. Quero viajar com meu filho de 8 anos e o filho de meu namorado de 14 para uma praia. Ambos, eu e meu namorado gostamos de explorar os lugares, de ter contato especialmente com a natureza e cultura dos lugares onde vamos, mas como vamos com as crianças, onde podemos conciliar nossa busca por lugares bonitos, preservados com atividades para nossos pimpolhos. Estamos procurando um destino não muito caro.
    Obrigadíssima pela atenção.
    Um abraço,
    Marli Assis

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Ish, Marli! As possibilidades são tantas! Você pelo menos sabe qual região quer visitar? Sul, sudeste, nordeste??? Você mora em qual estado? Abs!

    (Responder)

    Resposta de marli assis

    Ei Sílvia,
    moramos em Belo Horizonte e gostaríamos de ir para o Nordeste. Já conhecemos alguns lugares na Bahia, pensamos em ir para outras regiões, mas a matemática dos programinhas em comum para as crianças é que é nossa grande dúvida. Obrigada.Abraços

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Marli: MACEIÓ (minha capital preferida no Nordeste) ou NATAL… acho que indo para a praia você não precisa se preocupar muito com os programas de crianças. Geralmente eles adoram praia e esse será seu destino em si! Bjs! 🙂

  7. Comentário do dia 25/9/2011 às 21:50

    Valeu,Sílvia! Obrigada! Bjs

    (Responder)

  8. Comentário do dia 16/10/2011 às 13:26

    Ótimas dicas!
    Parabéns pelo trabalho!

    (Responder)

  9. Comentário do dia 23/10/2011 às 20:14

    olha só cara gostei muito da suas dicas. É claro que ninguém mesmo se preoculpa com esse pequenos detalhes quando vai viajar. a preoculpaçào é só de curtir o roteiro. mas voc6e matou a pau.

    http://www.viajandonlineblog,com

    (Responder)

  10. Vilma
    Comentário do dia 27/7/2012 às 17:18

    Ola, alguém sabe me informar se tem algum trem do aeroporto Leornardo da Vinci ROMA, para Civitavecchia?

    (Responder)

  11. Comentário do dia 05/8/2012 às 21:54

    Muito bom, uso muitas dessas dicas e realmente consigo economizar! Abraços

    (Responder)

  12. Comentário do dia 06/8/2012 às 01:06

    Oi Silvia !
    Adoro seu site, pq tb sou muquirana 🙂
    Realmente dá uma preguiça de usar transporte público em cidade que não tem metrô, até pegar a manha dos ônibus… Um lugar que usei e valeu super a pena foi em Salvador. Os ônibus andam pela orla e por isso são quase um “praia tour”, além de ser fácil entender os trajetos 🙂
    Outra dica de economia que uso pra viagens aqui é ter sempre na cabeça uma listinha de destinos candidatos (e das épocas boas de visita). Aí, quando saem aquelas promoções de passagens, vou procurando por algum da minha listinha, e pego o que está compensando mais. Se ficar procurando um destino específico, talvez as tarifas não estejam tão atrativas.
    Ah! E as promoções fico sabendo pelo @melhoresdestinos, eles avisam tudo rapidinho.

    Bjs, e obrigada por todas as dicas que já peguei por aqui 🙂

    (Responder)

  13. Cleide
    Comentário do dia 15/8/2012 às 19:33

    Olá, Silvia. Adorei todas as tuas dicas. Muito legal expor as experiências pessoais com viagens. Tô indo pra Gramado no final de agosto e estou muito ansiosa. Se vc puder m dar mais dicas de onde comer bem e barato lá, eu agradeço. Ah! sou do Ceará e gostaria d t dar uma sugestão d viagem, caso ainda não conheça: JERICOACOARA. Obg.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Não conheço Jericoacoara, ainda! Tudo o que sei de Gramado e Canela está aqui: http://www.matraqueando.com.br/gramado-e-canela-post-indice

    (Responder)

  14. Rita de Cássia
    Comentário do dia 27/1/2013 às 09:43

    Olá,

    Estou indo com minha filha pra Curitiba. Adoro viajar.

    Adorei as dicas.

    (Responder)

  15. Comentário do dia 25/2/2013 às 19:00

    Oie… conheci teu site agora, achei sensacional!! Estranhei por não encontrar o nosso destino por aqui. Ou não procurei direito, as já estou há mais de uma “matraqueando” por aqui. rs… Bonito-MS é a minha sugestão de destino pra você.. e se não for um problema, quero compartilhar um link justamente de uma dica de economia que vale a pena aqui no nosso paraíso ecológico! Quando quiser conhecer por aqui, conte com a gente, ok? Segue aí a nossa dica:

    http://agenciaarbonito.com.br/noticias/bonito/conhecer-bonito-na-baixa-temporada-tem-algumas-vantagens

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Luiz! Não conheço Bonito, nunca escrevi sobre o destino. Obrigada pela dica! 😉

    (Responder)

  16. Comentário do dia 20/5/2013 às 19:17

    Silvia: Gosto muito de suas dicas, pois tb viajo muito. Uma dica pra vc: Caverna do Diabo e Cavernas do Núcleo Santana. A dica é ficar hospedado em Iporanga, onde fica o Núcleo de todos os passeios. Tem tb boia cross e rafting. O Núcleo Santana é muito organizado. Só pode entrar com guia. Tem várias cavernas visitáveis lá. Outra dica boa é Brotas, capital dos esportes radicais. Fiz rafting lá e gostei muito. Tudo isto no interior de Sampa.
    Vale A pena citar tb Lençóis, na Chapada Diamantina. Meu Deus, vcs. vão adorar!!!!!!!! Muita cachoeira, rios, Morro do Pai Inácio…. Só vendo!!!!!!! Se quiser dicas do litoral norte e do Sul da Bahia posso te dar tudinho, bem mastigadinho. Moro em Salvador.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Obrigada pelas dicas, Idalia! 🙂

    (Responder)

  17. Comentário do dia 21/6/2013 às 14:19

    site MARAVILHOSO!!!!!

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar