-  Atualizado 10/01/2017

Corais, peixinhos coloridos e águas transparentes nas piscinas naturais de Picãozinho, João Pessoa

Publicado por: Silvia Oliveira João Pessoa

Picaozinho Joao  Pessoa Piscinas Naturais Passeios  12

Existem dois passeios náuticos em João Pessoa que fazem bastante sucesso entre os turistas: o que leva à ilha de Areia Vermelha (um gigante banco de areia em alto mar que se forma na maré baixa) e o tour de barco até Picãozinho.

Este último são piscinas naturais a dois quilômetros da costa (saindo da Praia de Tambaú) que também surgem na maré baixa, revelando uma enorme concentração de corais.

Picaozinho Joao  Pessoa Piscinas Naturais Passeios  1

Eu optei pelo segundo. A melhor época para fazer tanto um quanto o outro é na lua cheia ou na lua nova. O curioso é que estávamos em plena lua cheia — mas, mesmo assim, a maré marcava 0.5 (que significa 50 centímetros acima do joelho que, no meu caso, batia na goela!)

Eu estava consciente disso (quando fui comprar o passeio o guia nos avisou que não ia dar pé para a criança). Mal sabia ele que quase não deu pé nem para a mãe da criança. Rá!

Picaozinho Joao Pessoa Piscinas Naturais Passeios  16

Picaozinho Joao  Pessoa Piscinas Naturais Passeios  2

Picãozinho… aí vamos nós! Acredite, nunca havia estado antes numa piscina natural na minha vida. Nem quando fui a Maceió tive coragem de subir naquelas jangadas. Não sou fã de praia (ok, podem começar as vaias), muito menos de alto mar. Tenho medo de água.

O trajeto dura 15 minutos e a tripulação avisa que é proibido andar sobre o recife. O certo é que com os poderes da SuperMatraca eu até cheguei a descer do barco e dar três passos dentro da piscina, mas estava muita alta. Fiquei agoniada e voltei correndo para a embarcação.

Picaozinho Joao Pessoa Piscinas Naturais Passeios  4

Picaozinho Joao  Pessoa Piscinas Naturais Passeios  8

Já o Raul e a Mariana que, pela primeira vez me acompanhavam num destino da Expedição Brasil Express, se esbaldaram naquelas águas mornas e clarinhas. O cenário é realmente lindo, com mar azul-esverdeado. Venta gostoso e peixinhos coloridos arrematam os mergulhos.

O barco oferece aquelas boias tipo macarrão. Alguns fotógrafos se posicionam estrategicamente para garantir suas fotos com os peixinhos — por R$ 40.  Achei caro, mas vi fotos de quem comprou e achei a qualidade bacana! Então, fica a seu critério levar ou não esta lembrança para a casa!

Picaozinho Joao  Pessoa Piscinas Naturais Passeios  9

Picaozinho Joao  Pessoa Piscinas Naturais Passeios  7

INFORMAÇÕES PRÁTICAS

Onde comprar o passeio | Há diversas agências e/ou pessoas oferecendo o passeio na orla de Tambaú (principal praia urbana de João Pessoa), de onde saem os Catamarãs para Picãozinho.

Picaozinho Joao Pessoa Piscinas Naturais Passeios  13

Quanto custa | A partir de R$ 25. Negociando, conseguimos por R$ 20/pessoa no Barco Pirata que tem tobogã e trampolim. (Depois do mergulho nas piscinas, os barcos voltam para a costa. Este fica mais um pouco para o pessoal treinar as barrigadas na água!) Crianças até 5 anos não pagam.  (Confirme valores antes de ir!)

Picaozinho Joao  Pessoa Piscinas Naturais Passeios  15

Quando ir | Recomenda-se ir nos períodos de lua cheia ou nova, quando a maré — supostamente — está baixa. Fui no final de novembro de 2012/lua cheia e a maré marcava 0.5, que significa 50 centímetros acima do joelho. Beeem alta pro meu gosto! (Se estiver marcando 0.3, por exemplo, significa 30 centímetros acima do joelho). Consulte antes a Tábua de Marés. Entre os meses de dezembro a março as águas da região ficam mais transparentes.

Picaozinho Joao  Pessoa Piscinas Naturais Passeios  14

Comodidades | Os barcos oferecem banheiro, lanchonete (espetinho por R$ 5, porção de carne de sol com batata frita por R$ 18 e refrigerante por R$ 3) e aluguel de máscara e snorkel por R$ 10.

É proibido | Andar sobre os corais e alimentar os peixes.

Posts relacionados

Pôr do sol na Praia do Jacaré: passeio clássico do turista que vai a João Pessoa

Centro Histórico de João Pessoa: modo de usar

Estação Cabo Branco, projeto de Niemeyer: ciência, cultura e artes em João Pessoa

João Pessoa: com o ir do aeroporto ao centro ou à orla da cidade

Tambaú: a mais famosa praia urbana de João Pessoa

As praias do Litoral Sul de João Pessoa

Hotel Íbis em João pessoa: hospedagem econômica na praia de Cabo Branco

Fotos: Raul Mattar e Sílvia Oliveira

___________

Minha viagem a Paraíba faz parte da Expedição Brasil Express II, projeto do Matraqueando que leva recortes do nosso país até você.



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


11 comentários

  1. Comentário do dia 24/1/2013 às 21:39

    Oi Silvia. Também fiz esse passeio com minha esposa em 2009. Tivemos sorte e pegamos uma maré bem seca e os corais ficaram completamente aparentes. Fomos até lá com um barquinho pequeno, então saímos mais cedo que os barcos maiores e fomos os primeiros a chegar lá. Com tudo isso consegui fazer umas fotos bem interessantes do passeio, que coloquei aqui neste relato da viagem, olha só:
    http://www.viajenaimagem.com/2009/10/nordeste-joaopessoa.html
    Mas achei muito interessante a ideia do trampolim no barco, se eu soubesse teria considerado seriamente ir com eles!

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Nossa, ficou lindo seu material, parabéns! 🙂

    (Responder)

  2. Comentário do dia 24/1/2013 às 23:29

    Silvia, acho que você, com seu medo de água, teria gostado de Areia Vermelha, porque ia poder ficar sentada dentro d’água! Eu também não sou uma grande fã de praia, tenho medo da fauna marinha em geral – trauma de infância, quando sofri uma queimadura por um bicho não identificado. Só entro no mar quando a água é transparente e consigo ver tudo ao meu redor, e consegui aproveitar Areia Vermelha. Não fui a Picãozinho, mas, sendo aqui tão perto de mim, quem sabe…

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Wanessa, então, eu não teria tempo de fazer os dois passeios e optei por Picãozinho por causa dessa coisa de “piscinas naturais”. Pois um dos meus “pavores” foi justamente colocar o pé na água e sentir alguma coisa (tipo algum coralzinho, pedrinha, sei lá) e não saber o que é! Saí correndo! Rá rá! 🙂

    (Responder)

  3. Ana Paula
    Comentário do dia 25/1/2013 às 02:00

    Ai Silvia,pena que não foi ao areia vermelha,,fui nesses passeios,,o do Picaozinho eh bonito,,mas eu sou medrosa como vc,,nem desci do barco,meu esposo aproveitou muito,tbm nao sou mto fã de praia,,,kkkk…achei companheira,,mas o da areia vermelha fui meio descrente,,amei,,,uma delicia,,a agua fica rasinha onde o barco para,,,eu tenho 1,53,,entao era rasa,,kkkk,,,eh aquele monte de areia e o mar todo em volta,,eh lindo,minha prima amou,,corria ,,brincava,,eh a comida la no meio do nada,super boa,,ate maquina de cartao tinha!Então em outra ocasião aproveite esse tbm!Eu amei João Pessoa!

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Ana Paula, com certeza da próxima vez (a gente quer voltar logo a João Pessoa) vou conhecer Areia Vermelha, acho que aproveitarei mais! 😉

    (Responder)

  4. Comentário do dia 25/1/2013 às 22:52

    que delícia de cidade!!!!

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Um sonho, Sonia!

    (Responder)

  5. Comentário do dia 27/1/2013 às 21:53

    Ai meu Brasil, quanta belezura! Uma pena que seja tão caro viajar pelo nosso país. Se algum dia eu conseguir ver pelo menos 1/10 do que gostaria nele já serei feliz. Lindas fotos!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Se conseguir viajar fora da temporada, o Brasil é uma pechincha! 😉

    (Responder)

  6. Pedro Duarte
    Comentário do dia 29/1/2013 às 17:51

    Oi! Estive lá há uma semana e os preços mudaram bastante do que é falado nas matérias sobre a cidade… Água de cocô está mais cara e os passeios foram “padronizados” a R$50 para Picãozinho, snedo alvo de investigação. O passeio de Areia Vermelha fica por R$20. No mais, a cidade é linda e você consegui se divertir bastante na área urbana!

    Quem quiser gastar mais, pode um, a noite, jantar no restaurante NAU! Muito bom mesmo!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Nooossa, que horror, não sabia dessa cartelização dos preços dos passeios! Valeu pelo alerta! Abs|!

    (Responder)

  7. Comentário do dia 05/4/2013 às 23:29

    Oi Silvia..adorei a matéria…. to muito a fim de ir a João Pessoa.. mas vi uns vídeos e parece ser muito simples..sem muita estrutura..é isso mesmo ??? e as pousadas? estou procurando lugar bomXbarato mas está difícil… só encontro pousadas bem mais caras que Jeri…srsr
    Quantos dias é interessante ficar?
    bjo
    se puder me ajudar..

    Paula
    viagensinviagens.blogspot.com.br

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Paula, JP é cidade de médio porte… mas tem toda a infraestrutura de que um turista necessita. Já as praias do Litoral Sul são mais rústicas, mas Jacumã por exemplo, tem até uma cidadezinha ao redor. Abs!

    (Responder)

  8. Fabiana
    Comentário do dia 05/9/2013 às 08:14

    O passeio das pisinas naturais tem qye duração? Dá para curtir a praia de tambau ou outra urbana depois?
    Muiti legal seu espaço.
    Obrigada

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Fabiana!
    O passeio dura umas 3 horas. Sim, dá para curtir outra praia depois. Abs!

    (Responder)

  9. Maria Inah Ferreira Pepe Czaikowski
    Comentário do dia 23/5/2016 às 19:15

    FIZ O PASSEIO PARA PICÃOZINHO SABADO DIA 21/O5/2016, FIQUEI SEM FÔLEGO, QUE MARAVILHAAAAAAAAAAA….EMBORA TENHA PÂNICO DE AGUA KKKK…MAS MEU FILHO APROVEITOU E EU TOMEI BANHO DE SOL, VOLTEI COR DE CANELA HAHAHAHA…CHEGANDO EM CURITIBA COM FRIO E GEADA KKKKK
    VALE A PENA FAZER ESTE PASSEIO..

    (Responder)

  10. Lourrany
    Comentário do dia 12/9/2016 às 20:56

    Adorei o post. Muito detalhado, principalmente nos preços. Parabéns e obrigada pelas dicas que me ajudaram muito!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Lourrany! Obrigada pela visita. Só observe que estes preços são antigos, a data do post está acima do título! Abs!

    (Responder)

  11. Ana
    Comentário do dia 26/11/2016 às 12:07

    Olá, Sílvia! Meus pais pretendem passar as férias de verão no Nordeste (total de 7 a 10 dias). Eles não tem muita experiência viajando, e buscam conhecer novos ares, descansar um pouco, aproveitar uma praia… A última aventura praiana foi há muitos anos, provavelmente em Caiobá ou Guaratuba =)
    Que cidade você recomendaria? João Pessoa, Natal, Fortaleza…?

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Oi, Ana!
    Sem dúvida alguma eu recomendaria João Pessoa. Olha, Natal e Fortaleza também são maravilhosas e têm suas belezas. Mas eu acho que, para o perfil dos seus pais, João Pessoa é uma cidade menor, mais fácil de se locomover e com muitos passeios na própria cidade e nas redondezas. As praias urbanas são lindíssimas, limpas e com toda estrutura turística necessária. No verão, as águas ficam azuis. E se eles quiserem dar uma escapada num passeio histórico, Olinda (em Pernambuco) fica a 115 km de João Pessoa. 😉

    (Responder)

    Resposta de Ana

    Obrigada! Adorei a resposta e as dicas 🙂

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar