-  Atualizado 05/02/2016

Para onde você vai no Carnaval?

Publicado por: Silvia Oliveira Crônicas

Eu vou para a Terra do Nunca. O foco é mesmo desaparecer. Virar purpurina, que seja!

De preferência ir para algum daqueles lugares que nunca existiram porque – suponho – lá ninguém nem teria ouvido falar em confete, abre-alas, Sabrinas, Gracyannes, abadá ou trio-elétrico.

Pensei em ir para Atlântida, o continente perdido. Civilização avançada, espiritualmente evoluída, um luxo cultural. Mas dizem que chove muito por lá e que está tudo inundado. Nessa época do ano, é provável também a incidência de tsunamis na região.

E tem essa coisa do zika aí. Além do que, os atlantis são subaquáticos. E eu não aprecio mergulho. Então, deixa pra lá.

Depois confabulei: vou para Etérnia, o planeta do He-Man. Isso, Etérnia! Imagine só, encontrar aquela gracinha do Gorpo e ainda visitar o Castelo de Greyskull. Sou fascinada por turismo histórico e esse castelo, especialmente, me faz lembrar velhos amigos de infância como o Daniel Azulay, por exemplo.

Huumm, só há um incoveniente, a chata da She-Ra! Pelo estilo da moça aposto que ela lê a Caras (em Etérnia deve ter Internet). Pensando bem, é chegar lá e encontrar a banda armada… e a fofis, de Rainha da Bateria. Não, melhor não.

Imediatamente me recordei de Krypton, terra natal do Super-homem. Fechado: um lugar excêntrico, tecnologicamente pioneiro e bem pacato! Dizem que é só chegar e o visitante recebe um kit olhos-de-raio-x e uma asa-delta-automática. (É que lá todo mundo voa.)

Sem falar que eu ainda posso conhecer a casa do Christopher Reeve, o homem mais lindo da terra. Quer dizer, de Krypton. Êita, só tem um detalhe, criptonita me dá azia.

Sítio do Pica Pau Amarelo também estava na minha lista. Mas apesar de ser apaixonada pelo Saci-Pererê, estou de dieta e passar o carnaval fazendo turismo rural, com comida da fazenda, bolo de milho, leitão à pururuca… não ia dar certo!

Meditei mais um pouco e me lembrei: Shangri-lá! Um lugar paradisíaco fincado em alguma montanha do Himalaia. Tão bem descrito no livro Horizontes Perdidos, de James Hilton, que muitos países da Ásia reclamam para si o improvável lugar que inspirou a construção fictícia de Shangri-lá!

Acho que ia ser bem divertido. Fica ali, mais ou menos na altura do Tibet. Provavelmente deve ter espaço para meditação (Será que consigo?), silêncio. É pra lá que eu vou! Oooommmmm…

Pera, não. Tem que levar repelente. E eu desconfio de destinos que incluem repelente no manual de sobrevivência. Sei lá, boa coisa não deve ser!

Quer saber?  Vou-me embora pra Pasárgada! Lá, pelo menos, sou amiga do rei que de Momo nada tem.

Leia também

O mundo acabando e você aí, falando de viagens?

Farofeiros de raiz, uni-vos!

Ofício de blogueira versus espírito de viajante: como manter um sem acabar com o outro

Sílvia Oliveira, a moça do tempo

Pela atenção, muito obrigado!

Generalizar é pecado

Por favor, deixem o turista em paz!

O que se aprende com uma viagem

Os 10 mandamentos do viajante

Os sete pecados capitais do turista



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


9 comentários

  1. Heloísa Prado
    Comentário do dia 15/2/2007 às 16:21

    Oi Silvinha,

    Ir para Kripton é bem a sua cara, um "ser" que – na minha opinião – deve ser de outro planeta! Bem, seja lá para onde vc for, acho que pegarei uma carona, já que compartilhamos a mesma opinião sobre o Carnaval. Saudades, beijos…Helô

    (Responder)

  2. Malu Bueno - Flórida
    Comentário do dia 15/2/2007 às 17:11

    Silvinha!

    Você ainda tem duas outras opções: Sítio do Pica Pau Amarelo e o País das Maravilhas, da famosa Alice. Então?

    (Responder)

  3. silvia oliveira
    Comentário do dia 16/2/2007 às 00:10

    HelôôÔÔÔôô, minha amiga de infância… sim, porque todas as minhas amiguinhas da universidade eu já considero de infância!
    "Ser" de outro planeta?? Elogio, crítica ou mera constatação? hahahaha. Beijos e muitas saudades!

    (Responder)

  4. Silvia Oliveira
    Comentário do dia 16/2/2007 às 00:13

    Malu, sei não…
    Apesar de ser apaixonada pelo Saci-Pererê, estou de dieta e passar o carnaval fazendo turismo rural, com comida da fazenda, bolo de milho… não ia dar certo! Já o País das Maravilhas, este eu conheço, nem te conto!

    (Responder)

  5. Rico
    Comentário do dia 18/2/2007 às 10:12

    Se vc quer viajar sem sair da poltrona onde seu popozão está sentado e ainda dar boas gargalhadas, vá no blog do cartunista mineiro RICO (www.ricostudio.blogspot.com). Abraços!
    -Pronto Silvia, não precisa mais pagar os 10% do comercial! (AHAHAHAHHAHAAHAHAH!!!)

    (Responder)

  6. Rico
    Comentário do dia 18/2/2007 às 10:15

    Ah, manda umas 3 ou 4 fotos sua, descontraída, que vou te dar um cabeçalho de presente. Com caricaTUA (vou me vingar!!!). Abraço! (Não muito apertado que a minha nega véia é ciumenta e o seu guarda-costas parece ser um guarda-roupa!) Rico.

    (Responder)

  7. silvia oliveira
    Comentário do dia 19/2/2007 às 18:17

    Séééério??? Vou ter assim de presente dado, ganhado, regalado??? Uma caricaMINHA feita pelo RICO??? Aiiiii, acho que vou desmaaaaiiiaaaaar……… PLOFT!!!

    (Responder)

  8. Comentário do dia 18/1/2010 às 18:44

    OH criatividade!!
    He-man foi boa.
    Viva o Rei Momo!!
    To fugindo também no carnaval, só volto dia 17!!!!

    (Responder)

  9. Comentário do dia 18/1/2010 às 19:27

    Hahaha, adoro ao cabeçalho do teu blog e gosto mais ainda depois de ler esse post. Acho que eu ficaria com o País das Maravilhas, viu?

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar