Crizia: cozinha contemporânea singular em Palermo SoHo

Publicado por: Silvia Oliveira Buenos Aires

Não fiz um roteiro essencialmente gastronômico em Buenos Aires. Por certo, quando se viaja com criança nem sempre conseguimos cumprir toda a agenda programada. Conforme o ritmo do passeio e o grau de cansaço dos bacuris a gente tem que abrir mão de almoçar num lugar previamente reservado para dar de comer aos pequenos no primeiro buffezão que encontrar pela frente.

O restaurante Crizia  entrou na minha wish list depois que vi indicações da Sylvia – viajante adicta especialista em Buenos Aires – e, mais precisamente, quando encontrei este post no Filigrana, o blog da Majô – outra apaixonada pela capital portenha. Aliás, para um restaurante entrar na minha listinha de preferências não precisa ter o chef do ano nem o ingrediente mais exótico do mundo, mas atendimento decente, comida honrada e, principalmente, preços honestos. Embora minha evolução espiritual tenha alcançado níveis de gastança consideráveis para uma mão-de-vaca-muquirana, ainda não consigo pagar R$ 250 por um pratinho enfeitado com um lagostim e dois grãos de bico.

Fiz nossa reserva para as 20h e quando chegamos o restaurante era todo nosso. Mas não se engane. O Crizia é adorado não só por turistas como pelos próprios portenhos. Antes das 21h a casa já estava cheia. O local lembra aqueles galpões reformados do SoHo de Nova York com pé direito altíssimo. A decoração é simples, sem rodeios ou firulas. Mas a penumbra proposital, suavizada por velas que reluzem nas taças de cristal deixam o ambiente apurado e aconchegante. Numa parte do salão, o detalhe que mais me impressionou: as mesas são separadas por longuíssimas cortinas negras que descem do teto.

O Crizia tem uma cozinha de autor, comandada pelo chef Gabriel Oggero – que também é dono do lugar! A carta de vinhos abriga 350 opções de rótulos. Ainda que ofereça diversos tipos de carne, a tendência mediterrânea com  pescados e frutos do mar é notória. De entrada, pedimos um salada de rúcula, mozzarella, prosciutto italiano com peras laminadas, tomates chips e escamas de parmesão (48 pesos ou R$ 19). Visualmente a rúcula estava um pouco amarelada, mas o sabor proporcionado por essa combinação de elementos e temperos quase fez a gente lamber o prato. De qualquer maneira, o enorme cestinho com pães e grissinis acompanhados de uma pasta precisa de coalhada seca já dispensava qualquer entradinha extra.

Eu já havia provado em outra oportunidade, num restaurante no bairro de San Telmo, a Bondiola de Cerdo, um corte da nuca do porco – prato bastante popular nos países que fazem parte do Río de la Plata. Por recomendação da Majô voltei a pedir a Bondiola na Brasa com Chutney de Manga. Acompanhava batata assadas com alecrim, mel de cana e cebolinhas. O prato ficou meio  agridoce – sabor que a-d-o-r-o! Realmente uma delícia. De tão macia a carne, não precisava nem de faca para cortar! O prato custou 70 pesos ou R$ 28.

O Raul e minha mãe pediram a Parrilla de Pescados e Frutos do Mar, com mariscos e vegetais grelhados e tomates marinados. O prato, para duas pessoas, custou 160 pesos ou R$ 64. A travessa era enorme e sobrou até para mim que surrupiei alguns mexilhões, camarões e um saboroso pedaço de salmão. Foi uma das melhores coisas que provei nessa viagem. Comemos tanto que não sobrou espaço para a sobremesa. Mas o rol de delícias doces ia do creme brulle com lima e pistaches até um sufle morno de chocolate com calda gelada de chocolate branco.

Caso você não queira ir até lá para jantar, o Crizia oferece um agradável bar com deliciosas porções de ostras. O bartender Juan Lavarello prepara vários drinks, desde os tradicionais Margarita e Mojito até clássicos como a Mandarinoksa S.A (com Chardonnay, Campari, Soda e rodelas de laranja). Nossa conta final (com água e suco), incluídos a gorjeta e o couvert , ficou em R$ 54 para cada um.

SERVIÇO

Crizia Restaurant Grill Bar
Local: Calle Gorriti, 5143 | Palermo SoHo | Buenos Aires
Tel. 4831.4979 / 4831.5105
Funcionamento: segunda a sábado, a partir das 19h30. Fecha aos domingos. Reservas on-line aqui.
Importante: as conversões do Peso para o Real são aproximadas e na Argentina há inflação. Consulte valores antes de ir!

Fotos: Raul Mattar



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


12 comentários

  1. Comentário do dia 14/9/2011 às 16:58

    Tô aqui salivando, e o clima me pareceu perfeito. Amei a dica 😉

    (Responder)

  2. Comentário do dia 14/9/2011 às 16:59

    Silvia, que maldade, estou quase entrando na tela do computador para comer Bondiola !!!
    O Crizia é requintado e cool, e a comida espetacular !!
    Delícia, quero voltat !!!

    (Responder)

  3. Comentário do dia 14/9/2011 às 17:07

    Belo post, Silvia! Os pratos me deixaram com a boca cheia d´água!

    (Responder)

  4. Comentário do dia 14/9/2011 às 18:39

    Sílvia! Pelo jeito vou copiar sua viagem toda em dezembro! Estou adorando os posts e as dicas!

    (Responder)

  5. Claudia
    Comentário do dia 14/9/2011 às 23:31

    Silvinha, estou adorando as dicas…
    Ai que vontade….hehehe….
    Beijinho

    (Responder)

  6. bernardette Amaral
    Comentário do dia 15/9/2011 às 10:47

    Estou adorando os posts de bsAS, anotando tudo para a proxima viagem.

    (Responder)

  7. Sylvia
    Comentário do dia 15/9/2011 às 19:21

    Menina , não faz isso comigo ! Ao menos uma vez por semana tenho um desejo urgentissimo de ir ao Crizia e faturar uma bondiola ( que aliás é sempre! o prato que peço) não existe igual 🙂 Se tiverem tempo, voltem lá e guardem espaço para as sobremesas , peçam degustação para um e compartilhem, vale a pena!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Sylvia, para começar eu a-d-o-r-o carne de porco! E essa bondiola me tirou do sério, sonho com ela até hoje. Foi o restaurante preferido da minha mãe também. Cometemos um pecado antes de ir ao Crizia, tomamos um cafezinho (com algumas medialunas) lá pelas cinco da tarde e chegamos cedo ao restaurante, umas 19h50 (a Mariana já estava começando a ficar chatinha). Então, não cabia mais nada mesmo! Mas fica aí uma ótima desculpa para voltar lá outras vezes, inclusive tô louca para provar o Abadejo! Bjs!

    (Responder)

  8. Marilene Dellagiustina
    Comentário do dia 27/10/2011 às 23:38

    Infelizmente segui sua dica e fui jantar no Crízia em recente viagem no dia 22.10.2011. Foi uma das minhas piores experiências gastronômicas em Buenos Aires. Meu marido e meu filho pediram o cordeiro em cocção lenta. Veio frio e muito ruim de gosto tinha gosto de carne conservada em geladeira. Minha nora pediu um risoto que estava aquém do ponto, isto é o arroz estava mais para o crú. e muito líquido Apenas meu prato se salvou por se tratar de lomo e este não tem como errar se vc pede mal passado como foi o caso. Inconcebível um chef produzir comida de tão baixa qualidade.
    Além da rapidez com que a comida foi servida, em menos de vinte minutos depois de nos acomodarmos já trouxeram todos os pratos. No caso do cordeiro o prato em que foi servido estava mais quente do a comida propriamente dita. O serviço da pior qualidade, levaram mais tempo para trazer a conta do que para trazer a comida.
    Espero com este meu comentário contribuir para que outros incautos não caírem no engodo que é este restaurante.

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Puxa, que chato! Imagino que você reclamou com o gerente e pediu seu dinheiro de volta, não?

    (Responder)

  9. Comentário do dia 28/10/2011 às 13:24

    Pois minha esposa e eu seguimos a mesma dica e achamos excelente o restaurante. Estivemos em Buenos Aires de 7 a 12/10 e nossa experiência no Crízia foi ótima. De entrada pedimos Provolone de cabra com oliva de ervas. Estava impecável, com um azeite muito bom. Minha esposa pediu o Linguine italiano salteado com centoula (aquele caranguejo gigante) e açafrão e foi uma das melhores massas que provamos. Eu pedi justamente este Cordeiro patagônico (de coccção lenta) e estava derretendo de tão saboroso. Às vezes nos decepcionamos com um lugar ou porque realmente não tivemos sorte ou (quase sempre) porque nossas expectativas e nível de exigência estavam acima do normal. Para um restaurante com ótimo ambinete, atendimento cordial e preços muitos bons, o Crízia é perfeito! Abs!

    (Responder)

  10. Letícia
    Comentário do dia 02/3/2012 às 14:05

    Oi Silvia…venho relatar uma experiencia bem ruim que eu tive no Crizia. Jantei lá dia 21/02/2012 com meu namorado. Pedi a Parrila de Pescados e frutos do mar pensando na ótima experiencia que vc havia tido. Que decepção.
    Os frutos do mar e os peixes vieram com areia. Sim areia. E muita. Além disso boa parte deles estava queimada, com gosto até amargo…chamuscado mesmo. Estava incomivel, nem falo em gostoso, falo em intragável mesmo. Devolvemos o prato praticamente intocado.
    A entrada, que era uma saladinha com queijos e azeitonas estava normal. Não era nada de mais nem de menos. E a sobremesa, creme brulle, tb foi razoável.
    O serviço por outro lado foi atencioso, a garçonete se desdobrou para nos entender e fomos atendidos muito bem. Até por isso, e por ser nosso primeiro dia na cidade totalmente nova pra nós, acabamos nem falando nada.
    Reparei no casal da mesa ao lado, que tb era de brasileiros, que havia pedido o mesmo prato, e eles estavam falando exatamente o mesmo que nós. Que a comida estava intragável e com areia.

    Não quero com isso de maneira nenhuma desmerecer seu trabalho, e essa não é uma crítica pessoal a vc jamais, só me sinto na obrigação de colocar um relato diferente do que vc teve. Até porque pode ser que o serviço não seja mais o mesmo quando da sua visita.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Lamento, de verdade! Obrigada pelo feedback! 🙂

    (Responder)

  11. Erika
    Comentário do dia 05/7/2014 às 15:39

    Oi, posso ficar tranquila em reservar o Restaurante Crizia por este site que você indicou?
    Entrei no site do proprio restaurante e eles indicam ligar para realizar a reserva.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Nunca ninguém escreveu dizendo que não deu certo reservar pelo Restorando. 😉

    (Responder)

  12. Erika
    Comentário do dia 10/7/2014 às 20:46

    Fui no Rest Crizia pela primeira vez, faz dois dias… Maravilhoso, tudo o que você comentou e muito mais… comi o bife de Chorizo, que derretia na boca…e a sobremesa, o pudim de doce de leite, um sonho!!! Fiz a reserva atraves do site que você indicou, muito bom!!!

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar