-  Atualizado 16/02/2017

As igrejas de Ouro Preto

Publicado por: Silvia Oliveira Ouro Preto

Das 597 mil igrejas de Ouro Preto, elegi apenas cinco para visitar. Para visitar meeesmo, com guia e tudo. Não que as outras 592 mil não valessem a pena. Foi só uma questão de prioridade e tempo – uma escolha baseada na minha simples curiosidade de turista.

Quando você estiver preparando sua viagem a Ouro Preto e começar a ler sobre a cidade vai receber uma overdose de informação, principalmente quando o tema for igreja ou arte sacra. Chega uma hora em que você pensa que Nossa Senhora do Carmo e Nossa Senhora da Conceição são a mesma pessoa, digo, igreja.

Para que a gente não fique com aquela sensação de que tenho que visitar tudo ou tenho que entender tudo de Aleijadinho o melhor é decidir qual igreja conhecer e contratar um guia oficial no Posto de Informações Turísticas da Praça Tiradentes (31 3559.3269).

Se você gosta de aprender, mas é completamente leigo como eu, a visita guiada é fundamental – principalmente nas Igreja São Francisco de Assis (a obra-prima de Aleijadinho em Ouro Preto) e Nossa Senhora do Pilar (a mais rica em ouro do estado).

Entrar e sair destas igrejas, como quem marca ponto em boteco, é absoluta perda de tempo. Dedique 1h a cada uma delas com um guia e será suficiente para entender os exemplos máximos do barroco brasileiro. O valor da visita guiada varia muito, depende de quantos lugares você quer conhecer acompanhado de um profissional.

Se for só uma igreja fica em torno de R$ 25/30 – por pessoa. Mas se você incluir outras igrejas e/ou atrativos pode negociar os valores e conseguir ótimos descontos. Certo, barato não é. Eu disse apenas que é fundamental.

Aviso: não é possível fotografar as igrejas internamente. Até pedi – por telefone e e-mail – à assessoria de comunicação da prefeitura da cidade que me enviasse algumas fotos internas para ilustrar nosso trabalho, mas estou esperando até hoje.

As fachadas têm todo seu valor, mas a visão do interior dessas construções e sua história é que fazem toda a diferença. Nos posts abaixo, um ficheiro rápido com o melhor para se ver – e sentir – nesses locais.

Quais igrejas visitar em Ouro Preto?

Matriz de Nossa Senhora do Pilar

Igreja de São Francisco de Assis

Igreja Nossa Senhora do Carmo

Igreja Nossa Senhora Rosário dos Pretos

Matriz Nossa Senhora da Conceição

Foto: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


2 comentários

  1. Comentário do dia 04/10/2010 às 11:24

    Post guardado para ser lido em casa, com calma! =)

    (Responder)

  2. Alessandra
    Comentário do dia 06/10/2010 às 22:51

    Coisa boa esses detalhes todos…confesso que quase todas as igrejas se fundiram na minha cabeça…se puder, um dia volto com bastante tempo para apreciar tudo…Mas é sempre assim, não? A vontade de conhecer muita coisa supera o bom senso de fazer menos e aproveitar mais…ou será que o que vale mesmo é aproveitar tudinho tudinho?
    Eu não aguento…meu ritmo é tudo ao mesmo tempo agora…
    E Congonhas, você conheceu? Fiquei muito impressionada, muito mesmo…
    Um super beijo!!!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Pois você sabe que eu sou iNgualzinha a você: “tudo ao mesmo tempo agora”… hahahaha! Neste caso específico, era minha terceira vez em Ouro Preto e minha ideia, na verdade, era fazer um roteiro que contemplasse “quase” tudo sem me cansar muito… afinal a herdeira do clã Matraca estava junto. Estive em Congonhas, sim… e tive a sorte de encontrar uma “quermesse” cheia de barracas vendendo tranqueiras do Paraguai em frente à Basílica. Querdita?

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar