-  Atualizado 10/08/2015

Parte 1 | Como tirar o visto americano: passo a passo ilustrado para o preenchimento do formulário DS 160

Publicado por: Silvia Oliveira Estados Unidos

Como tirar o visto americano matraqueando

Quando fui convidada para palestrar no BloggerCon, o maior evento de blogueiros das Américas, em Porto Rico tive que deixar a preguiça de lado e correr atrás do meu visto americano, que estava vencido desde 2011. É que Porto Rico, embora esteja no Caribe, é um estado associado do Tio Sam (Alguém ainda chama os Estados Unidos de Tio Sam ou é coisa do “meu tempo”?). Portanto, é necessário visto americano para entrar lá.

Quem tem visto vencido há menos de 48 meses e quer renová-lo passa por um processo mais simples e está isento da entrevista. O meu estava vencido há dois anos, mas havia sido emitido em julho de 2001 com validade de 10 anos. E vistos emitidos antes de 1° de julho de 2004 não são renováveis, é necessário pedir um novo. Por isso, tive que enfrentar a burocracia completa. Ou seja, mesmo tendo um visto antigo, se estiver vencido há mais de 48 meses ou emitido antes de 01/07/2004, você tem que entrar com o pedido de um visto novo. Veja aqui sobre renovação de vistos.

A boa-nova é que nos últimos anos ficou bem mais fácil e rápido para um brasileiro tirar o visto americano. Desde junho de 2012, por exemplo, houve ampliação dos consulados americanos no Brasil e centros de triagem foram criados (CASV- Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto), diminuindo muito a fila de espera. Entre o dia que preenchi o formulário na internet até o dia em que o visto chegou à minha casa foram exatos — e apenas — 13 dias.

+ Leitor do Matraqueando tem 15% de desconto no seguro de viagem. Pegue seu cupom aqui!

Como tirar o visto americano - Preenchendo Formulario DS 160

Para tirar o visto americano você passa por três etapas:

1) preenchimento do formulário DS 160 (tema deste post);

2) pagamento da taxa e agendamento para tirar foto e digitais no CASV (post em breve);

3) a entrevista no consulado (post em breve).

ATENÇÃO | Somente compre passagens, passeios ou reserve hotel após receber o visto. Não é necessário ter passagens nas mãos para fazer a solicitação. A orientação é do próprio consulado.

Primeiro passo | Entendendo o formulário DS 160

O formulário DS 160 é o caminho, a verdade e a vida. Ele vai acompanhar você durante todo o processo de solicitação do visto americano. Clique aqui para acessá-lo e  reserve pelo menos umas 2,5 horas  para respondê-lo. Caso não consiga completar o questionário inteiro, você pode gravá-lo e tem até 30 dias para concluir o processo.

Antes de começar o preenchimento tenha em mãos seu passaporte, CPF, RG, visto antigo (se houver).

ATUALIZAÇÃO: NÃO É NECESSÁRIO MAIS SUBIR UMA FOTO DIGITALIZADA.

A foto oficial será tirada em um CASV, mesmo lugar onde serão colhidas suas impressões digitais.

Como tirar o visto americano - Traducao Portugues

Segundo passo | Começando o preenchimento do formulário DS 160

Com foto e documentos nas mãos você está pronto para acessar o DS 160 . O formulário está em inglês, mas é só colocar o mouse em cima dos textos que uma caixinha se abrirá com a tradução (como na imagem acima). Atenção: as respostas devem ser sempre em inglês.

Ao entrar no formulário a primeira coisa é escolher o consulado onde deseja fazer a entrevista. (Existem quatro opções: Brasília, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo). No meu caso, a cidade mais próxima seria São Paulo.

Matraqueando Instagram

Como tirar o visto americano - Formulario DS 160

ATUALIZAÇÃO: NÃO É NECESSÁRIO MAIS SUBIR UMA FOTO DIGITALIZADA.

Clique em  Start an Application que no meu formulário aparece em português “Iniciar um aplicativo” (tradução automática do google chrome,  horrorosa, aliás!).

Terceiro Passo | Incluindo dados pessoais (e boa parte da sua história de vida)

Sim, eles vão perguntar tudo e mais um pouco. Desde sua educação fundamental, relações de família e até se você tem parentes vivendo (ou que já viveram) nos Estados Unidos. Por isso mesmo eu disse lá no início que vão ser, no mínimo, 2 horas de preenchimento. (Atenção: o formulário para homens contém mais perguntas do que o formulário para mulheres, mas são sempre relacionadas à escolaridade e outras viagens).

Meu conselho é: não minta. Fornecer informação falsa é crime grave nos Estados Unidos. Fale sempre a verdade e não pense em florear/incrementar/aumentar alguma resposta achando que isso poderá te beneficiar. Seja honesto e pense assim: “ah, se me negarem esse visto… vou para Europa!”. :mrgreen:

+ Reserve hotel nos EUA no Booking.com. Sem taxa extra, cancelamento grátis!

+ Garanta seus ingressos a museus e atrações de Nova York e livre-se da fila!

Como tirar o visto americano -  DS 160

Já de cara vão te perguntar o National Identification Number, que nada mais é que o número do seu CPF. Quando pedirem U.S. Social Security Number e o U.S. Taxpayer ID Number marque “Does not apply” (que significa “não se aplica”).

Como tirar o visto americano - Consulado

Ao pedir informações sobre seu passaporte escolha a opção “REGULAR” (a não ser que esteja pedindo um passaporte diplomático) e, em seguida, coloque o número do passaporte com as letras na frente — sem pontos ou traços. No Passport Book Number clique em “Does not aply” (Não se aplica). (Brasileiros não têm passport book number).

O formulário pergunta qual é o propósito da sua viagem (Purpose of Trip to the U.S.) e que tipo de visto você está solicitando. O visto de turismo é o B2 e o visto de negócios, o B1. Se você pretende visitar feiras, participar de congressos ou eventos (meu caso em Porto Rico), você deve pedir o B1 e o B2 juntos.  Você paga o mesmo valor para tirar ambos, US$ 160. Consulte outros tipos de visto aqui.

Como tirar o visto americano passo a passo

Quando perguntarem se você já teve algum passaporte perdido ou roubado (Have you ever lost a passport or had one stolen?) e você responder que sim (yes) abrirá uma caixa para você explicar o motivo. Escreva sempre em inglês, este é o idioma oficial do formulário. Na dúvida, use o Google Tradutor.

Ao responder sobre o valor do seu rendimento mensal, cuidado! Ele deve ser compatível com a movimentação da sua conta corrente e/ou poupança e com o seu salário ou pró-labore declarados.

Atenção: nunca use vírgulas ou acentos, principalmente nos dados de endereço, cidade e estado, se não dará erro.

Quarto passo | Seus contatos nos Estados Unidos

O consulado quer saber onde você vai se hospedar, quem está pagando sua viagem (caso não seja você mesmo), qual a sua relação com essa pessoa (se for o caso), entre outros detalhes. Quando perguntarem o Contact Person Name in U.S. escreva Do not know. Já na Organization Name in the U.S coloque o nome do hotel onde você vai ficar e no U.S Contact Address, o endereço da hospedagem, mesmo que não tenha feito a reserva ainda.

Se você não tiver nem ideia de onde vai ficar escreva “N/A” (Not Available).

Importante: obviamente que se você conhece alguém e vai justamente ficar na casa dessa pessoa coloque o nome dela em Contact Person Name in U.S.

Quinto passo | Respondendo às questões de segurança

A parte mais chata (mas que chega a ser divertida) é quando você tem que responder a Security and Background Information, já quase no final do formulário. São perguntas, como o próprio nome diz, relacionadas à segurança e você tem que responder YES ou NO. Alguns exemplos:

Você faz parte de organizações armadas ou grupos terroristas?

Você pensa em se prostituir ou incentivar a prostituição nos Estados Unidos?

Você pensa em comercializar armas de fogo nos Staitis?

Você é traficante de drogas?

Então, o que você responderia? Pode colocar “NO” em todas as respostas, partindo do princípio de que você é um homem/mulher de bem!

+ Alugue seu carro com segurança e percorra os Estados Unidos com mais economia!

Como tirar o visto americano - Formulario DS 160 passo a passo

Ao finalizar o preenchimento aparecerá uma ficha de confirmação do envio. O documento tem um código de barras e é necessário imprimi-lo, já que este papelzinho será responsável pelo andamento de todo o processo. Quando concluí o preenchimento minha foto não aparecia (conforme imagem acima), mas na cópia que enviei para o e-mail, sim, aparecia tudo normal.

Importante: caso não consiga imprimir na hora em que finalizar o preenchimento, mande para seu e-mail e imprima ANTES de ir ao CASV. Se você chegar sem este papel no dia em que for tirar a foto oficial e colher as impressões digitais não vão deixar você nem entrar.

Por outro lado, existe uma pequena máfia organização de prestadores de serviços ao redor dos CASVs esperando os mais esquecidinhos e imprimindo  a folha de confirmação pela bagatela de R$ 30… por página. Mas isso eu explico melhor no próximo post! 😉

Posts relacionados

Parte 2 | Como pagar a taxa do visto americano e agendar a entrevista

Parte 3 | Como é o atendimento no CASV e a entrevista no consulado

F.A.Q. | Como tirar o visto americano: + 50 perguntas frequentes

Leia também

Nova York pela primeira vez: roteiro de 3 dias

Como usar o metrô de Nova York

Nova York | Como chegar e sair do aeroporto JFK

Nova York | Como comprar e usar o MetroCard

Hotel bom e barato em Nova York: dicas testadas e aprovadas

E ainda

Orlando sem carro: como ir do aeroporto ao centro e como circular usando o transporte público + o I-Ride Trolley

Orlando | Red Roof Inn International Drive: hotel bom, bonito, barato e bem localizado

Orlando | Bibbidi Bobbidi Boutique: como é, quanto custa e como reservar o dia de princesa para sua filha na Disney

Orlando | Cici’s Pizza: buffet à vontade de massa, pizza, sopa e sobremesa

Procurando hotel bom e barato nos Estados Unidos?

Eu indico nosso parceiro Booking.com. Há anos faço minhas reservas com eles. A grande vantagem é que o sistema não cobra taxa de reserva e tem cancelamento grátis para a maioria dos quartos! Além disso, você pode pesquisar sua hospedagem por preço, localização e avaliação dos hóspedes!

O Booking.com é uma das ferramentas mais completas para reserva de hotéis, pousadas e apartamentos. E sempre que você fizer sua reserva clicando nos links acima nós ganhamos uma pequena comissão, o que ajuda a manter o Matraqueando cheio de dicas quentíssimas, atualizadas e GRATUITAS para você! Então já sabe, né? Vai viajar para os Estados Unidos? Busque aqui sua hospedagem e depois conte pra gente como foi sua experiência! 🙂

Bannerzinho Mondial Assistance



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


16 comentários

  1. Arianna Centoducato Mancuzzo
    Comentário do dia 11/4/2016 às 18:02

    Boa tarde, estou preenchendo o formulário ds 160 e tenho uma duvida:
    meu marido é formado em educação física e esta terminando a faculdade de contabilidade, inclusive se forma neste semestre, dito isto, no preenchimento sobre a sua formação colocamos que ele é formado em educação fisica, e quando vamos colocar a faculdade que esta cursando de contabilidade o sistema nao deixa pois ele nao aceita data de termino do curso posterior a data de hoje. Tem alguma forma de colocar essa segunda faculdade?Pois acredito ser uma boa esta informação para comprovar mais um vinculo com o Brasil.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Arianna! Se o sistema não permite uma faculdade com data de término posterior à data da inscrição, imagino que não seja possível incluir o curso de contabilidade que, enquanto não estiver concluído, de fato, não poderá ser considerado ainda uma segunda graduação! Abs!

    (Responder)

  2. ROBERTA CRUZ BRAGA
    Comentário do dia 13/4/2016 às 11:20

    Olá Sílvia, parabéns e obrigada pelo excelente blog.
    Preenchendo o formulário do meu companheiro, apareceu a seguinte dúvida:
    Temos união estável há muitos anos com filha, mas que não é registrada em cartório, então coloquei como estado civil (Common Law Marriage- união de fato).
    Sobre as informações da viagem, sou eu que estou pagando a viagem, ocorre que no item “Relationship to You” quando vou lançar “supouse” (porque não há a opção “companheira”) o formulário não aceita. Coloquei então “other” porque as demais opções não se encaixam.
    Na página seguinte, contudo, quando perguntam os companheiros de viagem, coloquei meu nome e aqui já aceita a opção “supouse” no item qual a sua relação com quem vai viajar com você.
    Devo colocar “supouse” ou “other” nesta última opção, considerando o preenchimento anterior? Meu receio é ficar contraditório.
    Desde já agradeço.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Veja, Roberta, eu não sou especialista em preenchimento da DS 160. Relato aqui minha experiência. Mas eu manteria a coerência e colocaria “other”. Mas isso é o que EU faria, não sei se seria o certo. 😉

    (Responder)

  3. viviane
    Comentário do dia 14/4/2016 às 13:27

    olá silvia na parte de declaração de renda
    devo declarar a renda bruta ou liquida?
    obrigado

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Eu coloco a líquida. 😉

    (Responder)

  4. Wagner
    Comentário do dia 19/4/2016 às 11:02

    Bom dia,

    Tenho um dúvida em relação ao preenchimento do DS160.
    Eu estou cursando faculdade e trabalho, porém quando vou preencher as informações da faculdade o sistema não aceita data futura para o campo data final do curso (data maior que a de hoje). Como ainda não terminei a faculdade, como preencho este campo de data, visto que minha faculdade se encontra em andamento?

    Muito obrigado

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Só aceitam faculdades concluídas.

    (Responder)

  5. Marcus
    Comentário do dia 09/7/2016 às 12:25

    Primeiramente parabéns pelo seu blog e iniciativa de ajudar as pessoas a respeito de um assunto complexo.
    Estou pensando em realizar meu agendamento em Recife-PE, mas moro em outro estado, gostaria de saber se é possível realizar o agendamento no CASV pela manhã e a tarde no CONSULADO??

    (Responder)

  6. wesley borges
    Comentário do dia 26/7/2016 às 19:11

    Silvia, na sua experiencia e diante do que ja tem ouvido sobre as solicitações de visto o que acha do seguinte caso? Tive um visto de turista em 1992 e no mesmo ano fui e ultrapassei os 6 meses de permanencia me dado na entrada. Depois de 16 meses voltei sem apresentar meu passaporte na saida no aeroporto americano. Nesse periodo fiz meu social security e drivers license (ambos de 1992). Num segundo visto solicitado em 2000 quando preenchi o D160 nao informei nenhum desses documentos americanos (tirados em 1992) e obtive outro visto de turista (B-2). Com esse segundo visto fui e voltei 3 vezes e fiquei menos de 1 mes cada vez que fui. A pergunta é: vc acredita que preciso informar esses doc americanos na solicitação do terceiro visto agora ? obrigado pela atenção

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Acredito que não, Wesley! Até porque se informar vai ser pepino para você. Uma vez que já foi concedido outro visto em 2000, agora é seguir solicitando como este de 2000. A bs!

    (Responder)

  7. Fabiana
    Comentário do dia 02/9/2016 às 16:45

    Oi, já tive visto americano a muito tempo atrás mas com o vencimento do passaporte não tenho mais pois o mesmo foi retido pela PF qdo fiz uma das renovações. No formulário devo colocar que já tive visto ou não, pq não tenho as informações solicitadas do visto. obrigada.

    (Responder)

  8. Jaime
    Comentário do dia 07/11/2016 às 10:29

    Gostaria de tirar 3 dúvidas…

    No campo onde vou ficar nos EUA. Coloco apenas hotel em Nova York ou preciso citar o endereço de um hotel que pretendo ficar? Queremos ficar 7 dias em nova york em 03/2017.

    É bom colocar como que já tenho planos específicos ou não?

    Outra coisa, tenho casa e carro, mas eles pedem documentação lá no consulado que comprove isso? Da casa tenho, mas o carro foi presente do meu pai e está no nome dele…

    Minha esposa realiza um trabalho voluntário religioso e é dona de casa, qual a melhor opção pra colocar?

    Ela não estuda mais, é formada em técnica em quimica, e estuda apenas pra concurso publico agora. Seria válido citar isso na entrevista caso perguntem?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Jaime!

    No campo onde ficar nos EUA coloque nome endereço do hotel (você pode mudar de hospedagem depois, sem problemas).

    Aparece a pergunta se você já tem planos específicos? Onde? Acho que em algum momento eles perguntam o que vai fazer. Apenas coloque “Tourism”.

    Sim, na hora da entrevista eles podem pedir documentos que comprovem seu vínculo com o país. Se o carro está no nome do seu pai, ele, tecnicamente, não é seu.

    Sobre sua esposa, não sei dizer, coloque o que represente mais a vida dela. Não vai mudar nada ser dona de casa ou fazer trabalho voluntário, ambos não têm remuneração. Boa sorte!

    (Responder)

  9. Jaime
    Comentário do dia 07/11/2016 às 17:37

    no campo renda, coloco renda bruta ou líquida?

    As respostas do formulário podem ser em PORTUGUES ou todas, todas mesmo tem que ser em INGLES, inclusive o nome da empresa que trabalho…

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Renda bruta. O formulário deve ser todo respondido em inglês. Nomes próprios (empresa, por exemplo) podem ser preservados em português. No entanto, se o nome da empresa vier acompanhado por alguma palavra “traduzível” como instituto, escola, associação… você pode traduzir estas palavras! Abs!

    (Responder)

  10. Jaime
    Comentário do dia 16/11/2016 às 09:38

    Na descrição das atividades é algo breve?

    Seria bom eu citar nela que sou concursado/empregado público e que estou lá há 4 anos e 3 meses já que não pergunta no formulário o tempo?

    Antes era estagiário/estudante, preciso citar isso na pergunta sobre empregos anteriores ou é irrelevante?

    Em Course of study coloco o nome do curso ou University apenas?

    Estou cursando ainda, a data de término portanto é futura, mas o sistema não aceita datas futuras, como fazer nesse caso?

    (Responder)

  11. Jaime
    Comentário do dia 17/11/2016 às 10:34

    Sou empregado da CAIXA ECONOMICA concursado. O correto é government né?

    (Responder)

  12. Sílvia Oliveira
    Comentário do dia 08/2/2017 às 18:32

    boa tarde,meu filho tem 14 anos,tive informação de que precisa ir ao consulado,mas li aqui que apenas maiores de 16 precisam ir.qual a verdade?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Sílvia! Somos xarás! 🙂 Antes, eram só maiores de 16 anos. Mas, agora, com as novas regras do Trump passou a ser a partir dos 14 anos. Tá tudo meio confuso. Sugiro tentar falar diretamente no consulado. Abs!

    (Responder)

  13. lisandra
    Comentário do dia 09/3/2017 às 01:53

    Ola! Estou tirando meu visto e recebo pensão alimentícia e também sou autônoma. Como devo proceder nesse caso? Também estou tirando o visto da minha filha que faz universidade e não possui renda pq não trabalha. Como preencho o valor de renda ja estou colocando o valor da pensao alimenticia dela na minha renda pois sou eu que administro esse valor devo mencionar esse valor no dela tambem?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Lisandra! Se sua filha não tem renda direta, você deve dizer isso no formulário. Ou seja, você administra todo o dinheiro e deve comprovar a entrada desse valor. No formulário deve constar que quem vai pagar as custas de viagem é a mãe. Abs!

    (Responder)

  14. Deize da Silva
    Comentário do dia 24/3/2017 às 12:31

    Boa tarde, ficarei 10 dias em NY na casa de um primo brasileiro que mora há 10 anos lá,
    Seria interessante fazer uma reserva de hotel ou falar que ficarei na casa dele mesmo?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Deize! Se você disser que vai ficar na casa dele tem que ter uma carta convite. Abs!

    (Responder)

  15. Ywlcus
    Comentário do dia 09/4/2017 às 11:47

    cialis online pharmacy buy viagra buy cialis

    (Responder)

  16. Barbara
    Comentário do dia 30/4/2017 às 18:35

    Boa noite,

    Estou com uma dúvida com relação ao tipo de visto que devo selecionar na página do agendamento no site do CASV.
    Minha intenção é turismo. Dessa forma selecionei a opção B2 (turismo ou tratamento médico) no preenchimento do formulário DS 160. Porém ao acessar o site no CASV para agendamento verifiquei que quando vou selecionar o tipo de visto somente consta as opções B1 (negócios) B2 (tratamento médico) e B1/B2 (negócios e turismo), ou seja, no B2 somente menciona o tratamento médico. Como minha intenção é turismo não sei o que selecionar pois estou com receio que fique diferente do DS 160.
    Desde já agradeço à atenção. Bárbara.

    (Responder)

Um Trackback

  1. […] Como tirar o visto americano: passo a passo ilustrado […]

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar