-  Atualizado 13/02/2015

Chile, para começar…

Publicado por: Silvia Oliveira Chile

chile 04 copy

Nem precisa de passaporte para ir até lá. Uma viagem rápida. No lugar do oceano, você cruza a Cordilheira dos Andes. Ir ao Chile é desembarcar num país conservador – só em 2004 autorizou a lei do divórcio –  mas que cresce sem parar.

E não foi só. Elegeu Michelle Bachelet (divorciada!) e declaradamente agnóstica (num país católico) para presidente da república. A quarta mulher a subir ao poder pelo voto direto na América Latina.

chile 01 copy

O país é uma tripa, estreito (tem largura máxima de 175 quilômetros) e quase 4300 quilômetros de comprimento. Isso rendeu ao Chile paisagens insólitas, passando pelo deserto mais seco do mundo no norte a geleiras e fiordes no sul.

Banhado pelo gelado Pacífico, tem uma variedade incrível de frutos do mar – alguns não existem em nenhum outro lugar do mundo. De exóticos a saborosos, cada um tem o seu. Sem falar nas empanadas, fritas ou assadas. Para fazer de qualquer momento mão-de-vaca-muquirana um banquete!

– E-book | O Barato de Santiago —> Baixe o seu agora mesmo!

chile 05

Da pior ditadura aos vinhos célebres, o Chile também teve seu 11 de setembro. O ano era 1973. O general Pinochet chefiou o golpe militar que levou o então presidente socialista, Salvador Allende, a fazer seu último discurso de dentro do Palácio La Moneda. “Esta será, seguramente, la última oportunidad en que me pueda dirigir a ustedes. (…) Mis palabras no tienen amargura, sino decepción, y serán ellas el castigo moral para los que han traicionado el juramento que hicieron. (…) Éstas son mis últimas palabras, teniendo la certeza de que el sacrificio no será en vano. Tengo la certeza de que, por lo menos, habrá una sanción moral que castigará la felonía, la cobardía y la traición.”

Em seguida, Salvador Allende  se suicidou!

Foram 17 anos de ditadura. Pinochet chegou a ser preso. Respondeu por crimes de genocídio, tortura e terrorismo. Foi condenado, depois absolvido. Morreu em 2006 aos 91 anos, sem nunca pagar pelas barbaridades que cometeu.

chile 02 copy

Nesse meio tempo, o Chile renasceu. Cultura, arte, política e economia passaram por diversas transformações que revelam um país adorável, surpreendente, inesgotável.

A luta contra a violência doméstica – um problema crônico – está por todas as ruas, nas estações de metrô e na televisão. Resultado da força e da influência feminina de Bachelet.

chile 06

Nem saberia dizer quantas viagens eu teria que fazer à terra do poeta Pablo Neruda para dar conta de conhecer todo o universo que inspirou da cantora Violeta Parra à escritora Gabriela Mistral.

Do formidável romancista Roberto Bolaño à best-seller Isabel Allende que, ao contrário do que imaginam, é apenas filha de um primo do presidente falecido.

– E-book | O Barato de Santiago —> Baixe o seu agora mesmo!

Fotos: Sílvia Oliveira (menos a última que é do Raul Mattar)

Leia também:

SANTIAGO

ATACAMA



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


3 comentários

  1. Comentário do dia 08/1/2016 às 09:22

    Disse tudo! O Chile é mesmo encantador, um ótimo país para conhecer! =)
    Comecei um blog com duas amigas esse ano e meu primeiro post foi do Chile.

    Adoro o blog de vocês, com certeza é fonte de inspiração para várias viagens. =)

    Beijão!

    (Responder)

  2. Mariana Zumpichiatti
    Comentário do dia 05/10/2016 às 18:40

    Silva, estou planejando as minhas ferias com meu namorado e vamos para o Chile, já até comprei o seu livro. Só gostaria de uma dica, quantos dias seria interessante passar la, não considerando os em viagem. Queremos passear por Santiga, Atacama, Viniculas, VInhã Del Mar e Val Parais. Obrigada!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Mariana!
    Faça assim: 4 dias em Santiago (nesse tempo dá para fazer duas vinícolas, Concha y Toro e Cousiño Macul), um dia em Valparaíso e Viña del Mar (as duas cidades geralmente são visitadas no mesmo dia, com mais tempo durma em alguma delas e visite o Valle de Casablanca que fica em direção a Valparaíso) e 5 dias no Atacama. Sem contar, obviamente, com o período/dias em trânsito. Boa viagem! 😉

    (Responder)

  3. Leticia
    Comentário do dia 03/1/2017 às 22:40

    Olá Silvia, acabei de conhecer o seu site e já estou amando! Pretendo começar a planejar uma viagem ao Chile e gostaria de informações a respeito de Cambio e moeda. Você sabe me dizer se em Santiago aceitam real ou dólar ou apenas a moeda local e neste ultimo caso qual a melhor forma de realizar o cambio? Existem casas de cambio cuja cotação valha a pena? Obrigada e parabéns!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Letícia! Aceitam PESOS CHILENOS, basicamente. No hotel onde fiquei nas últimas duas viagens aceitavam dólar também. Mas no comércio em geral só o dinheiro deles mesmo. Na agência AFEX (várias unidades na cidade) do Shopping Plaza Alameda (metrô Estación Central) o Real está bem cotado e na Cambios Santiago (metrô Pedro de Valdivia). Abs!

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar