Mercado da Ribeira: o que tem e quanto custa comer no complexo gastronômico mais disputado de Lisboa

Publicado por: Silvia Oliveira Lisboa

Na minha penúltima viagem a Lisboa tive a sorte de ficar hospedada a 10 minutos do Mercado da Ribeira, um empreendimento que reúne alguns dos principais nomes da gastronomia portuguesa.

Passei uma semana comendo todos os dias aqui sem repetir o prato e absolutamente satisfeita com todas as especialidades. O edifício do século 19 já foi um centro de abastecimento de hortifrutigranjeiro e fica praticamente em frente à estação Cais do Sodré.

Depois de passar por uma grande revitalização, a equipe do guia Time Out ganhou a licitação e desde 2014 administra o local. A proposta era popularizar a alta gastronomia portuguesa trazendo os principais chefs do país para o mercado.

+ E-book | O Barato de Lisboa: dicas de viagem com economia inteligente! Tudo testado e aprovado. Baixe o seu aqui.

O projeto ganhou o sugestivo nome de Time Out Market, o primeiro do mundo em que os espaços são resultados da curadoria dos jornalistas e críticos gastronômicos da afamada revista. (Os próximos serão em Miami, Boston e Chicago.)

O ambiente serve para petiscar, tomar uma cerveja, provar uma sobremesa ou — e principalmente — abusar de uma refeição completa.

Funciona como uma grande praça de alimentação com mesas coletivas e muita lotação nos finais de semana. Mas a excelente qualidade da comida — alinhada com a oferta das mais variadas frentes culinárias (vai de prato enfeitado a sanduíche artesanal, passando por comida japonesa e pizza por fatia) — transformou o Mercado da Ribeira num fenômeno de público.

A ideia propagada pelos críticos do Time Out é justamente oferecer não só um hambúrguer, mas o melhor hambúrguer da sua vida. Não só servir ostras, mas as melhores ostras do país.

Todos os restaurantes e bares convidados a fazer parte da carteira do mercado têm 4 ou 5 estrelas na avaliação dos críticos. O principal — e talvez aí esteja o motivo de tanto sucesso: tem preços acessíveis e nada de ostentação! Os zoinho da Matraca até brilha! :mrgreen:

Alguns deles, aliás, tem até chefs com estrela no guia Michelin. A excelente notícia é que por € 10 é possível fazer uma ótima refeição. São mais de 30 espaços, além de uma área dedicada ao comércio tradicional como flores, peixes, frutas e carnes.

O Restaurante Monte Mar, por exemplo, é uma versão miniatura do original que fica na Estrada do Guincho, em Cascais. É considerado o melhor daquela região pelo guia Time Out.

Aqui no mercado você pode provar as ostras por € 2 cada, porção de lula frita por € 8 e o célebre filé de pescada com arroz de berbigão por € 14.

Já a criatividade do restaurante Alexandre Silva fez dele o vencedor do Top Chef Nacional em 2012 e o único a receber seis estrelas pelos críticos da revista. (Hoje, a avaliação só vai até 5 estrelas mesmo.)

A barriga de Porco Confitada com Puré de Ervilha sai por € 9,80, Salmão Curado com Puré de Couve Flor por € 8,50 e Risoto Negro com Vieiras e Algas por € 11.

ATENÇÃO | Procurando hospedagem boa, bonita e barata em Lisboa? Agora temos a facilidade do Booking.com, o site líder mundial em reservas on-line de acomodações, onde faço minhas reservas há anos! Além de ter cancelamento gratuito para a maioria dos quartos, todas as hospedagens têm notas ranqueadas com as avaliações dos hóspedes. Ficou muito fácil reservar com segurança, antecedência e pelo melhor preço! Faça você mesmo uma simulação e reserve aqui!

O epicentro da cozinha asiática é o Asian Lab, comandado pelo chef português Daniel Rente, especialista em comida oriental. A porção de Gyoza sai por € 6 (5 unidades). O Chow Mein, massa salteada no wok com ovos, vegetais e saké custa € 8 (vegetariana), € 9 (com frango) e € 11 (com camarão).

Já o experiente chef Miguel Castro e Silva trouxe da sua terra natal, o Porto, a especialidade da cidade: o sanduíche Francesinha por € 9,90. O local também oferece o tradicional bacalhau a Brás por € 9.

Apesar do Mercado da Ribeira ter só super stars da cozinha portuguesa, o Chef Henrique Sá Pessoa (do restaurante Alma com uma estrela Michelin) é o mais bambambã de todos (ou o mais mediático, digamos assim!).

Ele sempre esteve muito presente na imprensa e comandou o programa Ingrediente Secreto, sucesso de público na TV e na internet.

+ E-book | O Barato de Lisboa: dicas de viagem com economia inteligente! Tudo testado e aprovado. Baixe o seu aqui.

Só ele mesmo para me fazer pagar € 12,50 — d.o.z.e. euros e cinquenta cents —  para comer… ovo. [Insira aqui um emoji tendo uma síncope] Mas como o ovo é meu alimento preferido no dia a dia, a minha curiosidade foi maior que minha muquiranice.

Trata-se de um ovo cozido lentamente a 64º graus com purê de batata trufado, presunto cru e aspargos verdes. Foi o prato mais caro de todos e eu me lembro dele até hoje com a boca cheia d’água e os olhos marejados de lágrimas!

O espaço do Chef Henrique é de longe um dos restaurantes mais caros do Mercado da Ribeira. (Acho que só perde para o Pap’Açôrda, um dos antigos clássicos do Bairro Alto que migrou para o primeiro andar do complexo e cobra € 24 por um bacalhau!)

Mas ainda assim o box Henrique Sá Pessoa é muito acessível para quem quer provar a alta gastronomia de um chef famoso. O local serve ainda Bochechas de Porco Preto com Puré de Batatas e Couve Lombarda por € 14,50 e Bacalhau Batoteiro com Espinafre e Cenoura por € 13,50. O bolo de banana com sorvete de especiarias (€ 4,50) é uma das melhores opções de sobremesa.

Já o Chef Miguel Laffan (também uma estrela no guia Michelin) aposta no frango como matéria prima gourmet. Eu provei as asinhas de frango desossadas ao molho barbecue por € 6.

Ao lado do meu ovo cozido lentamente a 64º graus, a experiência no Miguel Laffan é uma das minhas memórias afetivas mais arrebatadoras do Time Out Market. Sem contar que todo o cardápio é muito acessível com pratos principais — sempre com frango — a partir de € 9.

Para quem não abre mão da tradicional massinha italiana, a Pizza a Pezzi é herdeira da pizzaria Casanova, considerada a melhor de Lisboa pelo guia Time Out.

Diferentemente da casa original, aqui a especialidade são as pizzas por pedaços cortadas em retângulos e com massa mais grossa para facilitar comer com as mãos.

A fatia custa a partir de € 2. O pedaço mais caro sai por € 3,50. Não cheguei a comer aqui, mas fica o registro a quem interessar possa.

Outro clássico português, a Manteigaria Silva já passou dos 100 anos de idade e é reconhecida pelos críticos como a melhor charcutaria de Lisboa.

São queijos e embutidos para comer em tábuas, sanduíches ou até mesmo levar para casa.

A tábua mista com dois tipos de queijo, um embutido e pão sai por € 11. Já a Viruta, uma espécie de bruschetta portuguesa está a partir de € 1,50 cada!

Para sobremesa as opções são várias, mas destaca-se a sorveteria Santini que desde a década de 40 faz o melhor gelado de Portugal. Uma bola por € 2,90, duas bolas por € 3,90 e o copo grande (4 sabores) por € 5,90.

No meio do mercado existem ainda alguns quiosques. O Crème de la Crème é especialista em sopas. O Caldo Verde de Lisboa e a Canja de Galinha saem por € 4 cada. A Sopa de Peixe de Peniche está € 5 e a de Marisco, € 6. A clássica Sopa da Pedra de Almeirim custa € 5. Todas acompanham uma tostada.

Já o Frutos Secos do Mercado tem um nome literal. Oferece avelã, nozes e amêndoas da região de Trás-os-Montes (norte de Portugal), castanha do Brasil e pistache do Irã. Uma das atrações do local é a caramelização das amêndoas ao vivo, deixando um delicioso aroma no ar.

O Mercado da Ribeira abriga ainda três ícones nacionais:  o espaço A Vida Portuguesa, loja vintage que vende produtos genuinamente portugueses (já falei desse lugar maravilhoso aqui), a Garrafeira Nacional, com a maior carta de vinhos portugueses, e a tradicional Conserveira de Lisboa e suas tradicionais sardinhas e mariscos em conserva cuidadosamente embalados em papéis antigos originais.

Na Garrafeira Nacional, além de levar alguns dos melhores vinhos do mundo (além de conhaques e destilados) por preços mais acessíveis, o local oferece uma seleção de garrafinhas em miniatura a partir de € 1,50 cada. Ótima sugestão de lembrancinha portuguesa.

IMPORTANTE| Tá procurando carro para alugar em Portugal? Eu indico de olhos fechados a RentCars, o site líder em aluguel de carros na América Latina! Descontos incríveis de até 60%, sem IOF nas reservas internacionais, parcelamento em até 12 vezes e cancelamento gratuito. Faça sua simulação e reserve agora mesmo aqui!

Uma das atrações do Mercado da Ribeira que eu ainda não pude participar é a Academia Time Out, uma escola culinária dentro do complexo para aprender ou aperfeiçoar os dotes gastronômicos. Tem workshops para crianças e cursos para turistas. O custo varia de € 15 a € 35 por pessoa. Veja a programação aqui.

Importante destacar que este post não esgota todas as possibilidades de lugares para comer no Mercado da Ribeira.

Existem muitas outras opções de diversos chefs bacanudos, incluindo alternativas até para quem não abre mão do tradicional x-salada acompanhado de batatas fritas ou do célebre “prego”, o sanduíche português.

DICA DA MATRACA

Para quem quiser conhecer um local bem autêntico e fora da rota turística de Lisboa sugiro o Mercado do Campo do Ourique. Restaurado recentemente, ganhou mais de 20 quiosques gourmet que dividem espaço com bancas de frutas e verduras.

Uma visita ao local combina com uma passadinha na Basílica da Estrela e na Casa Museu do poeta português Fernando Pessoa (já falei dela aqui), ambas no mesmo bairro.

SEÇÃO MÃO DE VACA MUQUIRANA

É mais forte do que eu. Saindo do Mercado da Ribeira, caminhe uma quadra para a direita, na Avenida 24 de Julho mesmo. Você vai encontrar a tradicionalíssima A Merendeira. Um lugar especializado na comida típica portuguesa com menu fixo: sanduíche de chouriço (linguiça), caldo verde, arroz doce, uma bebida e mais o café por € 5,90 – tudo!

Repetindo, todos os itens por € 5,90. E se quiser só o sanduíche paga R$ 2,50. Se a opção for apenas o caldo verde paga € 2. Se preferir, o sanduíche e a bebida saem por € 3,20. Ainda oferece alguns salgados como o lendário croquete de bacalhau português que pode ser comprado à parte (€ 1,20) ou trocado pelo café do menu fixo. É um negócio maravilhoso!

Funciona praticamente 24 horas, das 11h às 6h da manhã e é conhecido por ser um dos lugares preferidos dos lisboetas depois da noitada. O equivalente ao nosso pastel de feira. Vale reforçar que o local é bem simples e o atendimento nem sempre é muito simpático. Mas qual muquirana se importa com isso?

😀

SERVIÇO

Mercado da Ribeira  – Time Out Market | VEJA NO MAPA 

Local | Rua 24 de Julho, 49 – Lisboa

Como chegar | Estação Cais do Sodré (metrô e trem – linha verde) e Eléctrico 15E (o mesmo que vai para Belém)

Horário | Domingo a quarta, 10h à meia-noite. Quinta a sábado, 10h às 2h. O comércio tradicional de produtos frescos funciona das 6h às 14h.

IMPORTANTE | Portugal faz parte parte do Tratado de Schengen, um acordo que estabelece normas para quem pretende visitar os países membros. A determinação EXIGE um seguro de viagem obrigatório com cobertura mínima de € 30 mil que muitas vezes deve ser apresentado na imigração, caso solicitado. A boa notícia é que leitor do Matraqueando tem até 30% de desconto no seguro internacional da Mondial/Allianz, as duas seguradoras lideres mundiais. Pegue seu cupom aqui e viaje tranquilo! Vale para mochileiro, viajante solo, luxo, aventureiro e família. E ainda dá para dividir em até 6 vezes! Promoção por tempo limitado!

Posts relacionados 

Onde comer bem e barato em Lisboa

Rota do Pastel de Belém: onde provar o doce mais famoso de Portugal

Taverna Imperial:  restaurante excelente e baratíssimo na Praça dos Restauradores

O que fazer em Lisboa

Europa Barata: Lisboa pela primeira vez

Casa Fernando Pessoa: um pedaço da história do maior poeta do século 20

Igreja e Convento do Carmo: as ruínas enigmáticas de Lisboa

Feira da Ladra: o mercado de rua mais popular de Lisboa

Lisboa Story Centre: nova atração multimídia conta as memórias da capital portuguesa

Onde ficar em Lisboa

Lisbonaire Apartment: hopedagem novíssima, barata, bem localizada e que, ainda por cima, adora crianças

Golden Tram 242: hostel tinindo de novo no coração de Lisboa

Passport Lisbon: o hostel com o melhor custo-benefício da cidade

Lisboa combina com

FátimaBatalhaAlcobaçaÓbidosNazaréPorto |

banner-venda-lisboa1

ACOMPANHE NOSSAS DICAS EM TEMPO REAL

FACEBOOK | INSTAGRAM | TWITTER | YOUTUBE | PINTEREST

Política editorial | Pagamos todas as nossas contas de viagem. Não aceitamos convites nem cortesias. Sempre nos hospedamos anonimamente nos hotéis indicados. O Matraqueando não faz post patrocinado. Alguns posts contêm links para programas de afiliados, parceiros comerciais do blog, inseridos espontaneamente pela autora. Por questão de transparência, comunicamos que se você optar por comprar por meio destes links nós recebemos uma pequena comissão. Tudo o que você encontra aqui foi determinado unicamente pelo interesse do leitor, nosso gosto pessoal ou critério particular. Isso é transparência e credibilidade. Pode confiar! Para ajudar a manter o blog sempre com dicas fresquinhas adquira nossos guias na Loja Matraqueando. Desde já agradecemos a preferência! 

Fotos: Silvia Oliveira | Todos os direitos reservados.



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


5 comentários

  1. Comentário do dia 12/3/2018 às 12:08

    Oi, Silvia. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia – Natalie

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Coisa linda! Muito obrigada! 🙂

    (Responder)

  2. Comentário do dia 15/3/2018 às 13:55

    Eu não diria que o Mercado da Ribeira e barato. Tem muita coisa boa, é certo, mas, petisco aqui, petisco ali, e é fácil gastar muito dinheiro. Mas é como a Sílvia diz, às vezes basta andar uma rua dos lugares da moda… 😉
    Abraço.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Pois é, entendo que o mercado tem um bom custo-benefício para quem quer provar comida de chef famoso. No restaurante Alma do Henrique Sá Pessoa (uma estrela no guia Michelin), um casal gasta, em média de € 200 a € 300. No Mercado da Ribeira, o box do mesmo chef oferece pratos incríveis (alguns inclusive estão no cardápio do Alma) por € 12 a € 17. Ou seja, partindo do princípio de que a gente come bacalhau por € 6 em restaurantes fora dali, barato não é mesmo. Aliás, não usei a palavra “barato” nenhuma vez no texto. 🙂 Particularmente vejo como uma experiência gastronômica bacana e acessível. 😉

    (Responder)

  3. Carmen
    Comentário do dia 18/3/2018 às 09:27

    De paladar, sou um pouco portuguesa. Eu gosto de bacalhau, do Beirão, dos pastéis de Belem, do vinho verde, do queijo do Seia e o vino do Porto branco. Gostoso! Todo bom!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Ai, eu amo tudo isso, Carmen! 😀

    (Responder)

  4. Comentário do dia 20/3/2018 às 23:37

    Que legal, não conhecia esse lugar…. um verdadeiro marketplace de de experiências gastronômicas! Vou anotar na lista de locais para conhecer

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Vale a pena dar pelo menos uma passadinha lá! 😉

    (Responder)

  5. jose victor de sousa junior
    Comentário do dia 14/5/2018 às 01:30

    Olá, Silvia. Estou indo a Portugal em agosto próximo e andava desesperado por dicas valiosas sobre como usufruir da melhor forma a velha terra. Li todo o site, que está fantástico, e confesso que copiei mmuuiiitttoo nome e endereço que me serão extremamente úteis. Obrigado e parabéns. Victor

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Jose! Que bacana! Boa viagem! 😉

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2018 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar