-  Atualizado 13/02/2015

Chile: Santiago e Atacama | Post-índice

Publicado por: Silvia Oliveira Chile, Mais lidos

Aqui você encontra nossa série completa sobre Santiago do Chile e Deserto do Atacama. ¡Disfrútalo!

– E-book | O Barato de Santiago  —> baixe agora mesmo o seu!

INTRODUÇÃO
Chile, para começar… (introdução)
Da janelinha do avião, a Cordilheira dos Andes
Viagem ao Chile: dicas e informações essenciais

SANTIAGO

Em Santiago do Chile, como ir do aeroporto ao centro
Santiago: bairro a bairro – 1º dia
Santiago: bairro a bairro – 2º dia
Santiago: bairro a bairro – 3º dia

Como ir por conta à vinícola Concha y Toro
Metrô Arte em Santiago do Chile
Hospedagem em Santiago do Chile
Galeria de imagem: Mercado Central de Santiago
Galeria de imagem: Museo de Arte Precolombino

– E-book | O Barato de Santiago  —> baixe agora mesmo o seu!

ATACAMA
Como chegar a San Pedro do Atacama, no Chile
San Pedro de Atacama
Atacama: 1º dia | Valle de la Luna e Valle de la Muerte
Atacama: 2º dia | Salar de Tara
Atacama: 3º dia| Manhã: Tour Arqueológico
Atacama: 3º dia | Tarde: Lagunas Cejar e Tebinquiche
Atacama: 4º dia | Lagunas Altiplânicas
Atacama: 5º dia | Gêiseres El Tatio
Hospedagem em San Pedro de Atacama
Onde comer em San Pedro de Atacama
Manual de sobrevivência: o que levar ao Atacama
No Atacama fique atento ao solmáforo

Foto: Raul Mattar

Banner Guia Santiago 2013

 



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


34 comentários

  1. Comentário do dia 08/10/2010 às 00:10

    Caraca! Só de ver esse índice deu vontade de ir de novo… Quem sabe na próxima saio do pedacinho Santiago-Valpo-Viña e me arrisco para o Deserto… 😉

    (Responder)

  2. Isabella
    Comentário do dia 08/10/2010 às 11:30

    Silvia, parabéns! Esse é o melhor roteiro que li sobre Santiago!
    Obrigada pela ajuda.

    (Responder)

  3. Comentário do dia 13/10/2010 às 16:49

    Silvia, minha ida ao Atacama foi inspirada por estes posts, que me ajudaram muito por lá! E só de ver o rol já dá vontade de voltar!

    (Responder)

  4. Eliza
    Comentário do dia 17/10/2010 às 15:54

    Oi,

    Adorei encontrar seu blog. Parabéns!

    Quero uma ajuda sua,ok?

    Em planejamento: Vou viajar para Atacama em Dez, porém estou no trabalho de tentar engravidar. Vc que já esteve lá, algo recomendado caso eu esteja grávida?

    Obrigada,

    Eliza

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Eliza, se sua gravidez estiver absolutamente normal, não vejo problemas. Mas eu, sinceramente, não sei se existe alguma contra-indicação para grávidas em altitudes enormes. Consulte seu médico. Lá, você vai chegar a 4300 metros de altitude. Lembrando, ainda, que em dezembro vai estar meeega calor, mas se for começo de gravidez – e você não estiver enjoando – não vai ter aquele barrigão para carregar. No mais, não existe passeio “difícil”… em todos a van te deixa na “boca do brete”! Abs!

    (Responder)

  5. simone
    Comentário do dia 06/11/2010 às 22:49

    Oi Silvia, sou fã do seu blog, estou indo ao Atacama em fev/11, com minha filha de 03 anos, vi qe levou a sua, alguma recomendação ou dica?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi Simone! Não, eu não levei minha filha. Escrevi em algum post que eu IA levar, por isso até reservei apart-hotel, mas na última hora resolvemos deixá-la com os avós. Vi algumas crianças por lá. Poucas, mas havia. Não sei exatamente quais passeios vocês pensam em fazer… mas o sol durante o dia é escaldante, mas nada como protegê-la bem! Lembrando que não existe hospital nem pronto socorro em San Pedro de Atacama, somente um ambulatório que atende de dia. No mais é respeitar os limites de cada um! Eu ainda acho que não existe viagem que não seja feita para crianças. O lugar preferido dos pimpolhos é ao lado dos pais. Cabe a nós proporcionar segurança e resguardar a integridade física da criança, onde quer que a gente vá! Boa sorte!

    (Responder)

    Resposta de simone

    Oi Silvia, obrigada pelo retorno, realmente pelo que ando pesquisando não estou achando muito viável levá-la , vamos trocar pela Ilha de Páscoa e sul do Chile, este eu já conheço e é bem legal para ela. Como não tenho com quem deixá-la vamos deixar o Atacama para depois.

    (Responder)

  6. Roberta Siqueira
    Comentário do dia 22/11/2010 às 16:27

    Olá Silvia! Vou fazer um roteiro bem parecido com esse seu, em janeiro de 2011. ( Santiago ate San Pedro de Atacama)
    De San Pedro meu companheiros de viagem, seguem caminho até a Bolivia, e eu retorno sozinha para o Brasil.
    Gostaria de saber se a rota: Calama – San Pedro de Atacama, é perigosa?
    Parabens pelo site. Virei fã.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Não, é tranquilíssima e fácil. Uma estrada boa e sinalizada. Abs!

    (Responder)

  7. Karina
    Comentário do dia 10/1/2011 às 12:08

    Silvia,

    Voltei de uma viagem ao Atacama e queria te agradecer muito por todas as informações que encontrei aqui, foram muito úteis e super bem aproveitadas. Passei dias realmente inesquecíveis e, meu grande estímulo para encarar essa jornada, foram as fotos e relatos que aqui encontrei. Muito obrigada por compartilhar isso conosco.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Puxa, que bacana, Karina! Fico realmente feliz que sua viagem tenha sido um sonho! Abs!

    (Responder)

  8. Comentário do dia 14/1/2011 às 10:48

    Olá Silvia!
    Estou partindo para Santiago e depois Atacama, hoje a noite!!
    Estou muito na dúvida em que sapato devo levar para Atacama. Pensei em talvez andar por la de havaianas. O que voce recomendaria?

    Abçs

    Roberta Depes

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Se for só para andar pelo centrinho da cidade, pode ser de havaianas, sim. Mas para fazer os passeios é super recomendado um calçado fechado!

    (Responder)

  9. Comentário do dia 20/1/2011 às 22:42

    Ola Silvia,
    Estou em San pedro, e perguntei a todos aqui, e ninguem sabe como ligar a cobrar pra celular pro brasil.
    Voce sabe qual seria o codigo?

    Abçs
    Roberta Depes

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Roberta, só conheço os números do Brasil Direto da Embratel: 800 360 220 ou 800 800 272. Digite qualquer um destes números e você será atendida em português. A ligação é a cobrar (como você pediu) portanto quem vai pagar é quem vai receber. Se você ligar do seu celular também poderá pagar roaming. Abs!

    (Responder)

  10. Graziele
    Comentário do dia 29/4/2011 às 20:31

    Olá Sílvia adorei o site. Estou planejando viajar para o Chile em julho de 2011. Vou ficar 9 dias no país (do dia 18 a 27). Vou a Santiago e ao Atacama. Ainda estou com dúvidas acerca de quantos dias, dentre os 9 dias que disponho, devo ficar em cada lugar. O que você me sugere.

    Gostaria de saber se vc tem alguma dica de um hotel bacana para ficar no Atacama que não seja muito caro.
    Muito Obrigada, Grazi

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá Graziele!
    Tudo de que você precisa saber sobre Santiago e Atacama está aqui (inclusive sugestões de hospedagem)=> http://www.matraqueando.com.br/chile-santiago-e-atacama-post-indice | Boa viagem!

    (Responder)

  11. Simone Lobo
    Comentário do dia 03/10/2011 às 23:20

    Silvia,
    Acabei de voltar de Santiago e vim aqui agradecer pois muitas dicas foram tiradas desses posts mais que completos! Adoro seu blog e confesso que preciso ser mais participativa nos comentários, me perdoa? Abraços!

    (Responder)

  12. Comentário do dia 03/11/2011 às 19:28

    Quase decorei de tanto ler o que voce escreveu sobre Atacama. Meu marido e eu devemos ir agora em novembro mas temos dúvida se o passeio ao Salar de Tara é muito cansativo pela distância de San Pedro, pois somos um casal de “melhor” idade. Parabén s pelo relato e pelas fotos, belissimas. Obrigada, Marilu

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Marilu, não é nada cansativo. A gente faz tudo com a van e o guia para em lugares estratégicos para observação da paisagem e pequenas caminhadas. Além do que há parada para almoço. É bem tranquilo! 🙂

    (Responder)

    Resposta de Marilu Santos

    Muito obrigada pela sua informação, devemos ir dia 21 agora e quando voltar contarei para animar outras pessoas da nosa idade.

    (Responder)

  13. Tomíris
    Comentário do dia 02/1/2012 às 19:02

    Silvia,

    excelente seu site, virei fã. Fiquei curiosa pra saber em que época do ano vc fez essa viagem. Estou pensando em fazer uma semelhante em maio/junho, o que vc acha?

    Obrigada e parabéns!!!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Fui em novembro! Maio/junho é (beeeem) mais frio em Santiago e menos quente de dia no Atacama! 🙂

    (Responder)

  14. Comentário do dia 04/4/2012 às 23:50

    Oi Silvia, suas dicas são ótimas, vão me ajudar muito na viagem que farei a Santiago daqui duas semanas.

    Uma correção: o link “Santiago bairro a bairro 3º dia” aqui desse post está jogando par a página do 2º dia.

    Abs,
    Diego

    (Responder)

  15. vinycios
    Comentário do dia 06/8/2012 às 21:31

    Estou indo para santiago no dia 13 de setembro ficarei no hotel torremayor vc sabe se e bom???

    (Responder)

  16. Luis
    Comentário do dia 14/8/2012 às 16:50

    Silvia, uma dúvida: os passeios no Atacama ocorrem apenas durante a semana ou todos os dias ? e, aproveitando, dos 11 dias que terei no Chile (final de agosto para início de setembro), o que você sugeriria ? Santiago – Atacama ou Atacama – Santiago ? Muito Obrigado. Parabéns pelo trabalho. Luis

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Os passeios acontecem todos os dias, mas nem todos os dias ocorrem os mesmos passeios. Como você obrigatoriamente vai ter que descer em Santiago para fazer conexão ao Atacama, sugiro já começar por Santiago e finalizar com aquela maravilha do deserto. 🙂

    (Responder)

  17. Larissa
    Comentário do dia 24/8/2012 às 00:34

    Olá….adorei seu roteiro e nao vejo a hora de fazer essa viagem…se tudo der certo será em fevereiro! vc passou 3 dias em santiago mais 5 no atacama mais os dias de ir e voltar? quantos dias foram no total ? Outra coisa…do atacama vc já voltou pro Brasil ou vc voltou pra santiago e de lá brasil ??
    Parabens viu !!
    Abraço

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Larissa! Não existe voo direto do Atacama para o Brasil, sempre haverá uma escala em Santiago na volta. Foram 10 dias de viagem ao todo. 🙂

    (Responder)

  18. Vivi Alves
    Comentário do dia 13/9/2012 às 16:34

    Oi Silvia,
    Sensacional o seu blog! Obrigada por compartilhar conosco suas emoções de viagem.
    Se vc puder me dar dicas sobre os passeios imperdíveis, agradeço. Vou para Atacama em novembro e já tenho esse programados (cortaria algum e acrescentaria outro?):
    Laguna Cejar, de 16.00 a 20.00 hrs.
    Valle de la Luna, de 16.00 a 20.00 hrs.
    Lagunas Altiplanicas, de 06.30 a 13.00 hrs.
    Geysers del Tatio, de 04.30 a 13.00 hrs.

    Vou ficar 5 dias inteiros por lá!
    Obrigada!

    (Responder)

    Resposta de Sílvia Oliveira

    Olá! Eu incluria o Salar de Tara! 🙂

    (Responder)

  19. AURELIANa
    Comentário do dia 16/10/2012 às 18:07

    Silvia,
    dezembro é um bom mes para fazer santiago-atacama…mas especificamente na semana entre natal e ano novo?
    bjo

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Excelente período em relação a clima no Chile. Mas lembrando que na semana de Natal e Ano Novo tudo fica mais caro, mas não acho que você vá encontrar lá a muvuca do Brasil nesta mesma época do ano. Portanto, vá sem medo! Bjs!

    (Responder)

  20. juliana
    Comentário do dia 24/10/2012 às 23:02

    Olá Sílvia!
    Venho agradece-la por esse blog! Vc caiu do céu! Era tudo que eu precisava!
    Em janeiro estarei pelo Chile e argentina por uns 15 dias. Já comprei as passagens e passarei por buenos aires, mendoza e santiago. Sou do tipo que faz roteiro pra viajar sabe (mesmo que eu não siga à risca mas faço mesmo assim), e seu blog me ajudou demais! Gracias!
    Queria muito muito muito ir ao Atacama (principalmente depois dos seus posts) mas no período que vou iria ficar muito inviável (financeiramente falando), pois tb sou uma turista mão de vaca-muquirana 🙂 Nossa o Atacama é destino de luxo cara, muito caro em janeiro! Qual período vc acha que é o melhor pra viajar pra lá??

    (Responder)

  21. Fátima Duarte
    Comentário do dia 27/10/2012 às 18:11

    Cumprimos passo a passo, simplesmente MARAVILHOSO! Dicas sensacionais que tornaram nossa viagem muito melhor. Valeu!!!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Uhuuuu! Super bom saber disso! Obrigada pelo feedback!

    (Responder)

  22. Mônica
    Comentário do dia 21/11/2012 às 21:45

    Sílvia, entre ir na primeira quinzena de dezembro/2012 ou na primeira quinzena de fevereiro/2013, vc indicaria o quê? Qual o melhor período quanto ao clima? E os preços, será que estariam aumentados em dezembro em razão da proximidade do Natal, etc? Grata!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Mônica, Natal é alta temporada em qualquer lugar do mundo, os preços devem estar – sim – inflacionados. Na primeira quinzena de fevereiro acontece o carnaval aqui no Brasil e as passagens devem estar caras, uma vez que os brasileiros vão ter cinco dias de “férias” neste período. A primeira quinzena de dezembro parece ótimo, mas como você vai comprar as passagens agora, talvez não encontre pechinchas! 🙂

    (Responder)

  23. Comentário do dia 11/1/2013 às 14:33

    Olá, Silvia, seu blog tem sido uma “mão na roda” para mim que vou fazer Santiago/Atacama agora no final de janeiro. Anotei muitas dicas daqui e queria tirar uma dúvida com relação ao câmbio. É mais vantagem fazer aqui no Brasil ou lá no Chile? Desde já obrigada e parabéns pelo matraqueando. 🙂

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Karla! O câmbio, pela própria natureza, sempre vai fazer a gente perder algo. Lá no Chile (Santiago) estava melhor quando eu fui (mas pode ter mudado, câmbio é flutuante). Mas você tem que levar alguns pesos daqui para as primeiras despesas. Já no Atacama leve pesos chilenos, as cotações de lá são absurdamente desfavoráveis para o turista!!!

    (Responder)

  24. graziela piaz
    Comentário do dia 15/1/2013 às 11:27

    bom dia silvia, te conheci no maranhao lencois, nao consigo esquecer o camarao da luzia, uma dica sua .. e otima.
    preciso de dicas para ir para o chile, ja li bastante coisas, muitas dicas otima, no deserto quantos dias e necessario ficar la? quero ir agosto. muito frio por lá? pois quero aproveitar santiago para skiar. e queria esticar para o deserto. ou é viavel ir exclusivo para o deserto?
    fazer duas viajens? obrigadaaaaaaaa

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Graziela! Que bom te ver aqui! Olha, se você quiser esquiar e também ir ao Atacama reserve, pelo menos uns 10/12 dias de viagem! De dia é sempre quente no Atacama e no inverno as noites são ser bem mais rigorosas no deserto. Eu recomendo pelo menos cinco dias inteiros no Atacama! Bjs!

    (Responder)

  25. Comentário do dia 17/2/2013 às 15:16

    gostaria de saber se devo comprar dólares aqui no Brasil, ou se devo deixar para fazer a compra em Santiago, outra coisa, irei passar 20 dias em santiago, gostaria de ter todas as dicas de passeios possíveis, irei embarcar no dia 18/03/2013.

    (Responder)

  26. Neidinha Diniz
    Comentário do dia 26/2/2013 às 18:07

    Olá Silvia. Estou planejando para final de agosto uma viagem para Santiago no Chile e estou encantada com o seu blog!! Parabéns!!!
    Aproveitando esta oportunidade, gostaria de saber qual a sua opinão sobre a travessia pelos lagos andinos chegando a Bariloche?! E se vc indicar este passeio, em que agências posso adquirí-lo.

    Abç.
    Att.: Neidinha.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Neidinha! Recomendo, sim, a travessia até Bariloche. Só teria que confirmar se agosto é uma boa época (neva muito, não sei se a travessia seria comprometida por isso). Não conheço agências que façam o passeio para indicar! Abs!

    (Responder)

  27. Cristiane
    Comentário do dia 24/4/2013 às 11:03

    Oi. Vou ao Chile em junho, ficarei hospedada em Santiago. Vale a pena passar um dia no deserto do Atacama, sem me hospedar?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Não. O deserto está a 1600 quilômetros de Santiago. Bate e volta fica difícil, né?

    (Responder)

  28. Regina
    Comentário do dia 22/5/2013 às 17:16

    Oi!

    Parabéns pelo blog!
    Pretendo ir ao atacama e esticar até o salar Uyuni. Na sua opnião é muito perigoso viajar sozinha pelo atacama e, principalmente, pela Bolívia (Uyuni)?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Regina! Pelo Atacama não vi nada de perigoso. Mas não fui ao Uyuni!

    (Responder)

  29. Karin
    Comentário do dia 08/9/2013 às 13:21

    Menina,
    Acabei de voltar do Atacama, as suas dicas me ajudaram muitíssimo, valeu!

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Que legal, Karin! 🙂

    (Responder)

  30. Comentário do dia 20/9/2013 às 23:28

    Gostaria de agradecer à Silvia, que pelo seu brilhante, bem elaborado, instrutivo, por vezes engraçado e de uma riqueza inigualável me permitiu conhecer o deserto de Atacama, especialmente San Pedro de Atacama e seus arredores. Como nas paisagens que vi, fiquei muito feliz (e bastante orgulhoso dessa nossa linda brasileira!) quando o Sr. Jesus Veliz, dono da Lickan Antay Turismo com o qual fechei meu pacote de cinco dias de passeios (orientado pela “matraca”), nas suas feições um tanto carrancuda de um autêntico Índio Guerreiro Atacamenho, abriu um largo sorriso que mudou completamente sua face quando eu disse estar ali buscando fechar 5 dias de passeios em suas mãos orientado pela “Matraca del Brasil”. Pude perceber um enorme carinho do Sr. Jesus e de um outro funcionário quando disse seu “apelido” Silvia, e por experiência, lhe garanto que foi sincero. Apesar da dupla nacionalidade, escolhi o Brasil para viver, e me orgulho muito de pessoas como você que levam o nome do Brasil ao exterior e cultivam a simpatia e o carinho de povos de outras culturas, e gostaria de registrar isso aqui para que todos que venham a ler o matraqueando.com saibam disso. Estou fazendo um Blog sobre meu “mochilando” e quando terminar de fazê-lo coloco aqui ok!? Parabéns Silvia, continue nos trazendo alegrias e informações. Grande abraço a todos.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Ai, Joshua! Que lindo!!! Obrigada pelo depoimento! Fico realmente feliz que tenha dado tudo certo por lá! Sabe que uma vez uma leitora deixou um comentário aqui dizendo que pegou um táxi em San Pedro e que quando ela disse que era do Brasil o motorista perguntou (em espanhol): “Você conhece a Matraca?” Hahahaha! (Ah, quando seu blog estiver no ar, deixe o link para a gente conhecer!). Abs!

    (Responder)

    Resposta de Joshua

    Obrigado Silvia. O engracado foi eu tentar explicar o significado de “Matraca” para eles, e ninguem conseguia entender o porque deste apelido. Na verdade, nem eu…rsssss
    Voce e conhecida em outros lugares, uma moca em uma lojinha me perguntou “una chica de pelos cortos, mui hermosa?”, quando respondi a pergunta de como fui parar em San Pedro e eu disse que vim atraves de um site chamado “Matraqueando”. Legal isso!
    Assim que terminar de montar meu Blog coloco o link ok!? Obrigado e otimas viagens.
    PS: Desculpe pela ortografia, estou em um teclado feito provavelmente em outro planeta, ainda estou mochilando fora do Brasil…rsss

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Ah, Matraca é porque eu falo demais!!! Hahaha! Mas em espanhol o verbo “matraquear” tem significados diferentes. Por exemplo, na Venezuela significa “subornar” e no Equador, “matraca” é um carro velho (porque faz muito barulho!). Mas em todos a origem da palavra é aquele instrumento ruidoso, de madeira, chamado de matraca! 😉

    (Responder)

    Resposta de Joshua

    Subornar??? Olha, creio que ir[a concordar comigo: viajar não apenas nos leva a lugares bonitos neste planeta, mas também nos permite conhecer as diversas culturas e as variações idiomáticas desse mundo em que vivemos. “propina” que na Argentina e Chile significa “gorgeta”, no Brasil significa “suborno”, e “botequin” que para eles significa “caixa de primeiros-socorros”, para nós é um bar copo-sujo. Bom, uns dois ou três que entenderam o significado de “matraca” no Brasil deram boas risadas…rsssss

  31. Carlos Henrique
    Comentário do dia 13/11/2013 às 10:15

    Silvia,
    Dia 25/12 embarco para o Chile, passarei 22 dias, os quais pretendo conhecer o sul, chegando até a Patagonia Chilena, quais as dicas que você pode me dar? Sobre um imposto de 19% pago em algumas compras, li em algum lugar que turistas são livres deste imposto, é verdade? caso, afirmativo, preciso apresentar algum documento? pretendia ir apenas com a minha identidade. É melhor levar dolar, real ou peso?

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Carlos! Não conheço a Patagônia Chilena. Para ter isenção deste imposto é necessário apresentar o passaporte. Recomendo levar reais e trocar lá. Mas já saia daqui com algum peso para as primeiras despesas, como táxi! Abs!

    (Responder)

  32. Mariselma Mendonça Di Pietro
    Comentário do dia 06/1/2014 às 23:33

    Oi Silvia, estou saindo de Santa Catarina na próxima quinta feira dia 09/01( meu niver ) rumo a Santiago( Chile) de carro, estamos pensando passar em rivera depois ir para Mendoza.. Estamos pensando em fazer esse trajeto pois já o fizemos( até Rivera) e só iremos mais adiante ….Aaaa já comprei o Barato de Santiago estou lendo e relendo pois sou responsável por obter todas as informações possíveis..Por isso estou te escrevendo, se tiveres mais alguma informação que possa me passar ficarei imensamente agradecida..
    Obrigada
    Mariselma

    (Responder)

  33. Andreia
    Comentário do dia 09/4/2015 às 15:37

    Bom dia! Gostaria que vc me ajudasse. Vou viajar para Santiago dia 15.04 a 20.04 e estou achando que ficar só lá não tem muita opção. O que vc sugere? Pelo curto tempo acho que não é viável ir para mendoza ou Atacama ou lagos andinos. O vc sugere? Obrigada desde já. Abraços.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Oi, Andreia! Desculpe não consegui responder seu comentário a tempo. Cinco dias é tempo somente para Santiago e arredores. Mendoza, Atacama e Lagos Andinos estão muuuuito longe e cada um destes destinos demandam, pelo menos, três dias inteiros. Abs!

    (Responder)

  34. Caroline Nathascha Ribeiro
    Comentário do dia 27/4/2016 às 14:07

    Olá, pessoal, estou tentando contato com a Sky pelos e-mails que vocês disponibilizaram, porém está voltando.

    Alguém tem alguma informação mais atual? Preciso comprar passagem de Santiago para Atacama o quanto antes.

    Aguardo.

    (Responder)

    Resposta de Silvia Oliveira

    Olá, Carolina!
    Você já entrou em contato diretamente com a Sky, pelo site, e-mails, etc?

    (Responder)

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *

Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2017 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar