-  Atualizado 29/01/2016

Morretes: gratinado de siri

Publicado por: Silvia Oliveira Morretes
O barreado, prato típico morretense, fica para a próxima. A chegada à cidade histórica estava prevista para às 11h30 da manhã. Por causa do atraso do trem, desembarcamos quase duas horas depois, mortos de fome. Eu queria conhecer o restaurante mais novo da cidade, o Empório do Largo. Fica no centro velho, à beira do Rio Nhudiaquara, em um casarão que abrigou João de Almeida, fundador da cidade.

Pensamos em comer algo rápido e simples (o barreado é simples, mas a degustação leva tempo!), afinal ainda teríamos que percorrer a cidade e depois visitar o mercadão de Antonina. Lembrando que estávamos a pé e com um carrinho de bebê para empurrar pelos paralelepípedos intrínsecos a qualquer centro histórico que se preze.

 

Optamos pelo gratinado de siri, que acompanha arroz e salada. Sai R$ 32,00 para duas pessoas. Aliás, o siri tem sido um dos personagens principais de Antonina e Morretes. Nos manguezais dos arredores catadores de siri fazem a coleta, separam a carne da casquinha e abastecem todo os municípios da região. Sentamos na parte ao ar livre do restaurante, embaixo de uma enorme seringueira que dá vista para as corredeiras do rio.

O Empório do Largo também oferece logo na entrada uma lojinha de artesanato com peças originais, divertidas e caras! O bonequinho aí de cima custa R$ 80,00. É possível comprar ali a cachaça Porto Morretes, a primeira cachaça orgânica de que se tem notícias. O clima quente e úmido de Morretes proporciona cana-de-açúcar de boa qualidade. Há vários engenhos na cidade.

No caso da marca Porto Morretes, os fabricantes não usam nenhum tipo de adubo químico ou agrotóxico nas plantações. Eu, como lactante consciente (sim, ainda amamento), fiquei só no suco de laranja. Mas você, quando for para lá, poderá dar umas bicadinhas! Só escuto elogios do traguinho.

Posts relacionados 

Morretes: cidade histórica do Paraná

Hospedagem em Morretes

Cidades Históricas, Serra do Mar e Estrada da Graciosa: quando ir?

Estrada da Graciosa

Passeio de trem pela Serra do Mar

Antonin: cidade histórica do Paraná

Hospedagem em Antonina

As balas de banana de Antonina

O que fazer em Curitiba 

Fotos: Raul Mattar | Todos os direitos reservados.



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


27 Comentários

  1. Priscila Goldman

    ô loco meu! que tentação! você não tem a receita deste gratinado? Beijo

    responder
  2. Sirlene

    Silvinha, você sabe qual é o melhor lugar para comer barreado por lá? Da útlima vez nós comemos em Antonina, acho que se chama "Cantinho de Antonina o restaurante. Mas não gostamos muito, estava muito aguado. De qualquer maneira, quando voltarmos vamos de gratinado de siri!

    responder
  3. Patricia de Camargo

    Antonio tá aqui do lado babando (risos) porque ele disse que não quer mais comer barreado (Risos again!), mas que este gratinado tem uma cara do deuses!
    Beijos

    responder
  4. Muricando

    Eu gostei do barreado! a Sirlene é que achou aguado e.. AMARGO! Mas depois destas fotos quem resiste ao não provar o gratinado! Abração!

    responder
  5. Anonymous

    Por favor, se possível, peço informações de Chile e vinícolas.

    responder
  6. Marcia Cristina

    Vixi, que cara boa tem esse prato. Nós também já fomos de trem para Morretes, as fotos retratarão bem as maravilhas do lugar. Essas do GRATINADO DE SIRI sem comentários, tudo muito lindo.
    Queremos a receita.
    Bejim.

    responder
  7. Sirlene

    O murilo que fazer me pagar de chata… ele também reclamous SIM do barreado.. mas claro, comeu tudo! rrrssssssss

    responder
  8. SÍLVIA OLIVEIRA

    Priscila… existem várias receitas de siri gratinado na internet, mas esta especifcamente ainda não consegui descobrir! Bjs!

    responder
  9. SÍLVIA OLIVEIRA

    Sirlene, Morretes tem 23 restaurantes cadastrados, oferecendo o Barreado. Este do post também serve(R$ 18,00 para uma pessoa). Mas ainda tem os restaurantes tradicionais como o Madalozo (que não tem ligação nenhuma com o Madalosso de Curitiba), O Casarão e o restaurante do Hotel Nhudiaquara! Bjs!

    responder
  10. SÍLVIA OLIVEIRA

    Pati! São vários os pratos com carne de Siri… até pastel (que eu amo!) Então já fica combinado, quando o Tom vier novamente para cá a gente come o gratinado lá! Bjs!

    responder
  11. SÍLVIA OLIVEIRA

    Murica: pAra de implicar com a Sirlene. rsssss

    responder
  12. SÍLVIA OLIVEIRA

    Marcia: já escrevi para o restaurante… se eles me mandarem a receita, publico aqui. Bjs!

    responder
  13. SÍLVIA OLIVEIRA

    Anônimo: não estive ainda no Chile, portanto não tenho muito como ajudar. Mas enquanto isso, aproveite para navegar pelo site oficial do turimso chileno. Traz várias informações importantes (com versão em português):
    http://www.visit-chile.org
    Abs!

    responder
  14. Maíra

    Hmmm, que delícia…

    Oi, Sílvia! Adorei o seu blog, já guardei o link pra passar aqui sempre. E ótimas fotos!

    bjs

    responder
  15. Luisa

    Silvia, que prato apetitoso! Nem sabia que faziam siri gratinado por lá… é que eu gosto tanto de barreado, que quando ia pra Morretes ou Antonina nem lia o cardápio…
    Bjs

    responder
  16. Michel

    Oi Silvia!
    Já que não tenho risco de ser um lactante consciente, beberia todas essas gafarras e ainda traria um estoque grande aqui para a Suíça!! uhahuauhauhuha uma garrafa de 51 aqui custa 50 reais.. aí judia da gente 😀
    Bjo e boa semana!!
    Michel
    http://www.rodandopelomundo.com

    responder
  17. A DONA DO MUNDO

    A TERRINHA É MESMO SEM IGUAL… ESPERE ATÉ CONHECER AS DELICIAS DA ROÇA MORRETENSE !

    responder
  18. SÍLVIA OLIVEIRA

    Maíra: volte sempre! E continue com as dicas de Paris! Show. Bjs!

    responder
  19. SÍLVIA OLIVEIRA

    Luisa: o Barreado continua imbatível nos pedidos do turista! Mas os pratos à base de siri estão bem concorridos! Comi um pastel de sir no mercadão de Antonina. huuuumm. Qualquer hora coloco aqui! Bjs!

    responder
  20. SÍLVIA OLIVEIRA

    Michel! Cruzes, que caro uma pinguinha por aí, hein!!! Só levando um estoque, mesmo! hahahahah! Abs!

    responder
  21. SÍLVIA OLIVEIRA

    Dona do Mundo: bem-vinda… e nem me fale. A região litorânea é tudo de bom no quesito "sabores". Bjs!

    responder
  22. Maíra

    Voltarei sempre 😉

    bjs

    responder
  23. Gabriela

    Olá, gostaria de saber se as cidades de Morretes e Antoninas são bonitas e organizadas, sendo necessário ficar pelo menos 1 noite para conhecer com calma.
    Seria melhor ir de carro pela estrada da graciosa ou melhor ir de trem ?
    Alguém teria dicas de outras cidades no Paraná que seja tranquila e legal ?
    Obrigada

    responder
    • Silvia Oliveira

      Sim, são organizadas e bonitas. Prefiro Morretes para passar uma noite. Antonina está mais descuidada. Outra cidade gracinha é Lapa, a uma hora da capital!

      responder
    • Silvia Oliveira

      Ah, eu já fiz os dois trajetos, desci pela Graciosa e fui a Morretes de trem.. são dois passeios diferentes, com custos diferentes. Vai depender do seu estilo! 🙂

      responder
  24. IVETE

    ADORO VISITAR MORRETES E IR PELA ESTRADA DA GRACIOSA, É UM PASSEIO LINDO.
    O MELHOR RESTAURANTE PARA SE COMER EM MORRETES , NA MINHA OPINIAO, É O ARMAZEM ROMANUS, UM RESTAURANTE PEQUENO , ONDE O DONO PERCORRE AS MESAS CONVERSANDO COM SEUS CLIENTES, MUITO SIMPÁTICO, MAS A COMIDA NAO TEM EXPLICACAO, MUITO BEM FEITA, OTIMO SABOR, VALE EXPERIMENTAR….

    responder

Deixe seu Comentário






Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2019 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar