-  Atualizado 09/06/2020

3 receitas deliciosas de azeites aromatizados que são um charme só

Publicado por: Silvia Oliveira Receitas

O azeite aromatizado me pega de dois jeitos: pelo sabor e pela beleza! Se você me segue no Instagram @matraqueando já deve ter visto que os azeites regionais costumam ser, inclusive, o meu souvenir preferido.

Sempre que encontro um azeite de oliva com uma garrafa bonita e transparente eu compro para fazer um cheirosíssimo azeite temperado. Este da foto eu comprei em Madri, mas você pode comprar garrafinhas supercharmosas em casas de embalagens.

Fica perfeito para acompanhar pães, saladas, peixes e até massas e carnes.

É possível fazer muuuitas combinações de ingredientes, desde os mais tradicionais como alho e ervas, até os mais marcantes com gengibre ou anis, por exemplo.

As variações são tantas, que escolher quais usar vai muito da sua criatividade, do seu paladar e do tamanho da garrafa que vai usar. As embalagens variam entre 250 ml, 500 ml e 1 litro.

Vou colocar aqui as três receitas de azeite aromatizado que mais costumo usar. As fotos do post são da receita nº 01.

1. Receita de azeite aromatizado de pimenta

Ingredientes

  • 2 alhos descascados
  • 3 azeitonas
  • 3 pimentas biquinho
  • 1 pimentinha malagueta
  • 20 grãos de pimenta rosa
  • 2 ramos de alecrim
Modo de preparo

Coloque o azeite numa panela, leve ao fogo baixo por 5 minutos. É só para aquecer, não pode deixar ferver. Retire do fogo e deixe esfriar. Despeje o azeite já frio no vidro desejado e acrescente os ingredientes bem secos (lave e seque delicadamente a azeitona). Tampe e guarde bem fechado. É o meu preferido para despejar um fio em cima de peixes e frangos. Até no ovo frito vai bem! 🙂

2. Receita de azeite aromatizado com ervas e gengibre

Ingredientes

  • 1 ramo de alecrim,
  • 3 ramos de tomilho
  • 2 folhinhas de sálvia
  • 4 rodelas (1 cm cada) de gengibre (se gostar muito de gengibre pode colocar até 6 rodelinhas)
Modo de preparo

Coloque o azeite numa panela, leve ao fogo baixo por 5 minutos. É só para aquecer, não pode deixar ferver. Retire do fogo e coloque imediatamente as rodelas de gengibre com o azeite ainda morno. Tampe e espere esfriar. Despeje o azeite já frio no vidro desejado junto com o gengibre e acrescente as ervas bem secas (lave e seque delicadamente cada uma). Tampe e guarde bem fechado. Gosto desse especialmente com pães e torradinhas.

3. Receita de azeite aromatizado com manjericão

Ingredientes

  • 1 maço de manjericão
  • 500 ml de azeite de oliva
Modo de preparo

Coloque o azeite numa panela, leve ao fogo baixo por 5 minutos. É só para aquecer, não pode deixar ferver. Retire do fogo e deixe esfriar. Despeje o azeite já frio no vidro desejado e acrescente a erva bem seca (lave e seque delicadamente o manjericão). Tampe e guarde bem fechado. Importante: a quantidade exata de manjericão a ser usada vai muito do tamanho do maço que você encontrar. Para os azeites aromatizados eu prefiro usar o manjericão com folhas pequenas. E a ideia não é lotar de manjericão, mas colocar o suficiente para temperar e ficar visualmente bonito (e não lotado lá dentro). É o meu preferido para saladas.

Dicas importantes

1. Esterilize em água quente durante 20 minutos o vidro que vai receber o azeite temperado. Deixe secar naturalmente.

2. É necessário aquecer o azeite uns 5 minutos (nunca deixar ferver ou queimar) para também evitar propagação de bactérias.

3. Para evitar “manchar” o azeite e ele ficar “viscoso” coloque todos os ingredientes bem secos dentro do vidro (incluindo ervas e azeitonas, lave e seque bem). Isso também aumenta o prazo de validade do produto.

4. Para que o azeite fique com todos os aromas dos ingredientes usados é necessário que ele descanse por, pelo menos, 48 horas depois de preparado. Ou seja, se você pretende usá-lo num jantarzinho de sábado, na quinta-feira já tem que montá-lo.

5. Conserve o azeite aromatizado em vidro fechado, num local fresco e arejado. É sempre bom lembrar que o azeite temperado tem validade de 30 dias. É que depois que você o manipula — sobretudo quando transporta de um recipiente para outro — ele passa a ser um produto artesanal. Então a validade que conta é aquela a partir do dia em que você o preparou, e não a da embalagem original. Caso tenham se passado mais de 30 dias e o azeite ainda não acabou, armazene-o na geladeira, mas só por 30 dias mais.

Posts relacionados

Ossobuco suculento ao vinho na panela de pressão com polenta cremosa

Almoço árabe: arroz sírio com tiras de carne e tabule de quinoa

Brunch Árabe: cardápio simples e receitas fáceis para fazer em casa

3 ideias incríveis de tábuas de frios: como montar e servir

Feijoada da Matraca: dicas de decoração, cardápio e receitas

Escondidinho de camarão com queijo coalho

E ainda

Bolo integral de banana com castanha, ameixa e damasco

Receita do melhor bolo de fubá da vida

Fondue de chocolate: receita simples e montagem criativa

Verrine de cheesecake com goiabada

Para acessar o nosso conteúdo de viagens clique em DESTINOS

________________________________

Veja mais no meu instagram @matraqueando

Foto: Sílvia Oliveira | Todos os direitos reservados.



Newsletter

Digite seu e-mail e receba gratuitamente nossas novidades


Deixe seu Comentário






Comentários do Facebook

Matraqueando - Blog de viagem | Por Sílvia Oliveira

Todos os direitos reservados. 2006-2020 © VoucherPress | Agência de Notícias.
Está proibida a reprodução, sem limitações, de textos, fotos ou qualquer outro material contido neste site, mesmo que citada a fonte.
Caso queira adquirir nossas reportagens, entre em contato.

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar